O pau, a cenoura e o pão de ló

O pau é o instrumento político mais utilizado por este governo e trabalha todos os dias (exemplo de hoje).

De vez em quando lá aparece uma cenoura, que nem o é porque resulta da mera ameaça do pau (primeiro ameaça-se “vou dar-te com o pau” e depois diz-se “bem, desta vez escapas”. É assim a modos que uma cenoura virtual feita para parecer real.)

Finalmente, temos o pão de ló (e para esse não faltam ovos, nem farinha, nem açúcar, apesar de se utilizar uma prática oposta à da cenoura – afirma-se que o pão de ló não existe e é apenas virtual.)

Temos, portanto, uma política de pau para quase todos e pão de ló para uns quantos. O resto são cantigas e figuras de estilo.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.