E se emigrasses?

O político analfabeto João Almeida volta a dar nas vistas, desta fez sem Facebook. A ideia de que o trabalho não tem direitos, tudo se nivela por baixo e um trabalhador é uma espécie de objecto descartável, assenta-lhe que nem uma luva.

É maneira de pensar como qualquer outra, e vigora em muitos países  para onde o deputado bem podia emigrar. Para a China, por exemplo.

Comments


  1. Este puto queque deve estar a pensar que todos os funcionários públicos têm o ordenado dele e o direito às mesmas mordomias dos deputados. Nem precisava de emigrar para aprender, bastava-lhe viver dois meses com o meu salário e com os meus encargos (e não tenho dívidas) para aprender o que é a vida.
    Cumps

  2. Ricardo says:

    Este senhor não passa de um imbecil… tal como a corja de imbecis que grassam pela Assembleia da República!

  3. Mario Reis says:

    eu vivo na china e acho que os trabalhadores na china ja tem mais direitos do que em portugal

  4. Silvério Coutinho says:

    Este nem num clube de futebol conseguiu fazer algo decente!

  5. xico says:

    Qualquer porteiro de ministério tem mais currículo que este moço.

  6. Pontoarq says:

    Este “tipo” vive desde sempre Erário Publico, não sabe o que é trabalhar, vive de lamber as botas aos outros políticos.. que eu saiba nunca trabalhou na vida, sempre teve cargos políticos, mas gosta de meter o bedelho na vida dos que trabalham, dos que ganham e por vezes pouco para lhe pagar o salário. Não trabalho para o Estado, mas irrita-me ver estes políticos reles a decidir sobre a vida dos outros…. será que é por não ter vida???? Durante quanto tempo ainda vamos ter que sustentar estes sanguessugas?

  7. João Paulo says:

    O Belenenses ainda o atura? Ou, nem o Belenenses o atura?


  8. Imbecilóide!


  9. “Bilderberg – Armas silenciosas para guerras silenciosas”- nome do documento encontrado a 7 de Julho de 1986, numa fotocopiadora IBM comprada num leilão militar. Este documento esteve na posse dos serviços secretos da Marinha Americana.
    Por negligência, ou fuga intencional, por questões de segurança, não tem a marca nem logótipo da organização donde provirá. Mas devido a recortes de informações e datas, deixa supor que se trata do grupo Bilderberg.

    O clube Bilderberg pode ser considerado como um clube de “reflexão” que reúne pessoas extremamente poderosas dos mundos financeiros, económicos, das forças militares e dos serviços secretos. Belo cocktail!

    Nesse documento podemos ler:
    “All science is merely a means to an end. The means is knowledge. The end is control. Beyond this remains only one issue: Who will be the beneficiary? In 1954 this was the issue of primary concern. Although the so-called “moral issues” wereraised, in view of the law of natural selection it was agreed that a nation or world of people who will not use their intelligence are no better than animals who do not have intelligence. Such people are beasts of burden and steaks on the table by choice and consent.

    “Toda a ciência é apenas um meio para atingir um fim. O meio é o conhecimento. O fim é controlo. Para além disto, permanece uma só questão: quem é o beneficiário? Em 1954, essa foi a questão de primordial preocupação. Embora as chamadas “questões morais” tenham surgido, com base na lei de selecção natural, foi acordado que uma nação ou um mundo de pessoas que não usem a sua inteligência, não são melhores do que os animais que a não têm. Tais pessoas são bestas de carga e bifes em cima da mesa por sua própria escolha e consentimento”.

    A maior parte dos governantes deste mundo, consideram os seus povos, bestas de carga…..

  10. Sebastien says:

    O moço não tem vida. Nunca teve. É um “boy”…nem sabe no que pensa. Teria razão se … se a Reforma Administrativa já tivesse sido feita… e nesta área ele e seus correligionários nada fizeram PORQUE nÂO ESTUDAM…não sabem. Laranjas podres para isto…pois é mais um que logo que o país tenha a barriga cheia…atira-nos ao fundo!


  11. A trampa é descartável; os deputedos também?

  12. Bruno says:

    Mais um putozito sem experiência de vida, no meio de uma corja que eu sei bem o que precisa, mas apenas digo para viverem com o salário de um funcionário público médio ou um operário. Aí ia aprender, mas que vive sempre à custa da teta gorda do Estado….. Enfim. Pen´é que para este imbecil e outros estarem lá, houve uma maioria de imbecis que lá os puseram!

  13. marai celeste ramos says:

    Alguns membros do grupo Bilderberg estão também no G8

  14. Bone says:

    Por falar em barriga cheia, o Brasil aqui tão perto…

    http://www.midiacon.com.br/materia.asp?id_canal=9&id=43993

  15. Jorge Anyouse says:

    Já não disfarçam…

Trackbacks

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.