O algodão não engana #5

Não renunciarás à tua liberdade de expressão e de opinião

Encontrei esta citação num blogue que costumo seguir (com quem ultimamente  tenho trocado publicamente opiniões sobre jornalismo). Esta citação serve e bem para o que a seguir vou escrever. O facto de apoiar e pertencer à direcção de campanha de Luís Filipe Menezes/Porto Forte não me deve limitar a liberdade de expressão e de opinião. Para que nenhum leitor venha ao engano e de molde a que esta recusa de renúncia possa ser justa, não escondo ser parte. É uma questão de respeito para com os leitores.

Ontem, fruto de uma notícia (????) do Público e publicada pela jornalista do costume, Margarida Gomes, foi lançada lama sobre LFM. Não vou aqui escrever sobre a versão dos factos apresentada pelo candidato e a opinião dos seus concorrentes, basta clicar no link e ler.

Prefiro deixar aqui uma fotografia que, como dizia o outro, vale mais do que mil palavras. A fotografia da senhora que levou a toda esta polémica e que, além de estar junto a Rui Rio e a Fernando Charrua, trabalhou (não sei se ainda trabalha) com a vereadora Matilde Alves, conhecida apoiante de Rui Moreira. A senhora em causa, Margarida Ribeiro, é uma das duas (???) que supostamente não foi recebida e que falou com o Público.

fotografia

São coincidências. De certeza. E este post está ao nível da notícia da Margarida Gomes. Com duas diferenças: isto é um blogue e não um jornal e uma segunda, bem importante e que nos distingue: eu avisei ao que vinha e que sou parte. Ao contrário da Margarida Gomes…

Comments

  1. nightwishpt says:

    O algodão não, mas o Menezes engana os idiotas todos. Siga o défice.


  2. Com tanta gente na miséria, idosa, doente e a precisar
    de ajuda em Gaia, a que propósito o ainda presidente
    vem ajudar os pobres no Porto? Por tudo o que já li
    dos seus escritos no Fraco Apache e agora quase
    todos os dias no Aventar, você é tão bom como ele!
    Mas, pide continuar.
    p.s. como tem grandes amizades com o ainda presidente
    e o novo candidato a Gaia pelo PPD,Carlos Abreu Amorim
    deve estar em boa posição para nos dizer qual divida
    mostruosa da Camara de Gaia. Será que o apoiante de
    Menêses que a tv mostra assiduamente (Ilidio Pinho)
    está disponivel para pagar o foguetório?!


    • Bom dia, muito obrigado pelo seu comentário. As inúmeras famílias que LFM ajudou e ajuda em Gaia certamente, se fossem leitores de blogues como nós, aqui estariam a dar o seu testemunho. O mesmo que sempre deram nas urnas em eleições autárquicas democráticas e livres em V.N. Gaia.
      Já quanto ao valor da dívida, pode sempre ir ver nos relatórios oficiais do Estado.
      Por fim, se não gosta dos meus escritos, uma liberdade que lhe assiste, tem bom remédio, nem passe por eles. Cumprimentos.


      • FMS, a liberdade que me assiste e de que fala, por
        uma questão de principios democráticos (no sentido
        genuíno do termo) obrigam-me a ler o que escreve
        aqui. E entre muitas razões que me dispenso de
        enumerar, faz-me sempre retroceder no tempo
        em que via na tv João Coito.Eu era muito novo….
        não havia contraditório e tambem não gostava,
        mas, via! O que você faz aqui, é uma forma disfarçada
        do que faz o Moita Flores no seu FRACO APACHE.
        As eleições autárquicas foram o motivo para que
        regressa-se aqui. Mas,tem todo o direito de o fazer,
        Afinal você é convidado do Aventar.Como procuro ser
        honesto comigo mesmo, não lhe desejo,PASSE BEM.
        É coisa que não faz parte das minhas preocupações!


        • Boa tarde, só duas pequenas coisas: não sou convidado do Aventar, sou blogger do Aventar quase desde o seu início. Quase fundador. Segunda, fez-me recordar o João Coito, cuja prosa lia com todo o prazer (mesmo quando não concordava) no defunto “O Diabo” da Vera Lagoa – o que existe hoje é um arremedo. Quanto ao Moita Flores, que já foi blogger no Aventar, desconheço qual o seu blogue actual.
          Quanto ao resto, siga. Cumprimentos.


          • Não sei se considera isso desprestigiante, mas
            no meu equipamento, FMS não faz parte dos
            Aventadores, mas sim como muitos outros,AUTOR
            CONVIDADO.
            Sobre Moita Flores devo corrigir o que escrevi para:
            “o que faz aqui FMS é o mesmo que faz o Fraco
            Apache a Moita Flores. De resto, FMS percebeu!
            porque ainda por lá andava.Para ser mais preciso
            basta ver os últimos posts de Alexandre Poço


          • A tag “Autor Convidado” está por ordem alfabética. Terá de clicar nesse link e verá quem são e os textos dos convidados. Todos os restantes nomes são autores…


          • Ó Adelino, o FMS é fundador do Aventar. Quando fui convidado já ele cá estava. E escreve quando lhe apetece, como toda a gente.


  3. Rui Rio é uma chama de uma vertente do PSD que tem de desaparecer para bem de Portugl. Há um PSD podre, invejoso, umbiguista e nada social democrata. E este senhor & amigos são seus “quasi”protagonista. Desejo-lhes a todos uma boa reforma bem longe de Portugal.


  4. Cada vez acredito menos na política , que só me faz lembrar
    podridão , jogadas , corrupção , arbitrariedade , de tal modo
    que até já os cidadãos comuns entraram nestas jogadas , através de comentários em blogues , na rua , nos cafés e nos
    mais variados sítios , esquecendo-se que estes indivíduos da política , no fundo nunca praticam o bem e quando fazem , se
    é assim que se pode dizer , é através de gestos simulados de baixo valor , com duas ou três pessoas necessitadas como
    fez Menezes e muitos outros , para dar muito que falar , o que
    conseguiu , esquecendo-se todos que há muito miséria , que ninguém no fundo quer combater , para subjugar os mais
    vulneráveis .
    HOJE ESTOU NA MISÉRIA POR TER APOIADO O PSD NO
    TEMPO DO CAVAQUISMO como ninguém na margem sul ,
    o que ainda hoje é muito falado .
    Perseguiram-me , destruíram-me , sem nunca se preocuparem
    comigo , SÓ PORQUE ERA CRÍTICO DO CAVACO ..
    Uma história que tem muito que contar e que um dia virá a pú-
    blico com todos os pormenores indecentes que me fizeram no PSD , em cuja bondade não acredito .
    Cada vez mais penso que são todos iguais e interesseiros para não dizer outras coisas mais graves e mais verdadeiras .
    Esta gente não se preocupa com o País nem com o Povo , que
    está sujeito á sua sorte .Tudo isto é teatro e ao mesmo tempo
    uma tragédia .
    Eles estão todos bem , com a criação de mais desgraçados .
    Há muita gente na miséria como essa Sra , que é o meu caso , sendo também diabético , vivendo numa casa que parece uma pocilga , sem rendimentos , nem bens , porque me roubaram tudo intencionalmente , com o beneplácito da Banca Corrupta …
    ESPERO QUE AINDA HAJA JUSTIÇA PARA MIM E TODOS DESGRAÇADOS QUE OS POLÍTICOS E SEUS CORRELEGIONÁRIOS CRIARAM INJUSTIFICADAMENTE .


  5. FMS, para mim é irrelevante se é Aventador ou
    convidado. O que sei é que há muito não andava
    por aqui, pelo menos com esta frequência.
    Com isto termino:
    AutoresAventadores
    A. Pedro Correia

    Abraão Vicente

    Artur Moreira

    Armindo Vasconcelos

    Adão Cruz

    antero

    António de Almeida

    António Fernando Nabais

    Aventar

    Autores Convidados

    Carla Romualdo

    Carlos Fonseca

    Carlos Garcez Osório

    Dario Silva

    Daniela Major

    De Puta Madre

    Expatriee

    Fernanda Leitão

    Fernando Moreira de Sá

    Francisco Miguel Valada

    Frederico Mendes Paula

    Helder Guerreiro

    Isabel Botelho Moniz

    José Freitas

    José Gabriel

    José Mário Teixeira

    José Manuel Diogo

    João de Sousa

    João José Cardoso

    João Paulo

    João Pedro Figueiredo

    João Pereira dos Santos

    Jorge Fliscorno

    José Magalhães

    Maria do Céu Mota

    Mário Frota

    Mário Reis

    Nádia Novais

    Noémia Pinto

    Nuno Castelo-Branco

    Nuno Resende

    palavrossavrvs

    Paula Sofia Luz

    Pedro Noel da Luz (KameraEskura)

    Rafael Amorim

    Raul Iturra

    Ricardo M. Santos

    Ricardo Santos Pinto

    Sandra Bernardo

    Sarah Adamopoulos

    Teresa

    Vítor Silva


    • Portanto, o Aventar nasceu em março de 2009. Em abril de 2009 já eu aqui escrevia. Nestes anos que levo de Aventar estou a poucos post de atingir o post 1000. Realmente, escrevo pouco, não dá em media um por dia. Embora esteja perto. Quanto ao resto, estou a ver que só com um desenho. Porém, é coisa para a qual não sou dotado.
      Dirá você que é uma questão de pormenor. Não. É de rigor. O mesmo que por vezes está ausente de quem vem para as caixas de comentários arrotar postas de pescada sem nos conhecer de lado nenhum e sem ter a paciência de, pelo menos, ler o que cada um de nós vai escrevendo. Paciência ou saber, claro.


      • FMS, eu conheço os seus escritos essencialmente
        do Fraco Apache (a troca do nome é para não lhe dar
        publicidade).
        “Quanto ao arrotar postas de pescada” tenho pena,
        mas terei que lhe dizer que é demasiado ordinário.
        Mas, reconheço que me ajudou a completar o “boneco”

  6. Ricardo Ferreira Pinto says:

    Olha! Eu que fundei o Aventar afinal também sou um autor convidado! Eu e, segundo a lógica do Adelino, quase todos…


    • Ricardo Ferreira Pinto, quando disse que FMS era convidado
      do Aventar foi baseado na lista que anexei no meu último
      comentário.Essa lista é uma côpia fiel da rúbrica AUTORES
      que está no topo do blogue, Entre Acerca e Contacto.Agora
      mesmo reparei que o João José Cardoso me diz as 00,02
      que FMS é fundador. Eu nunca quis tirar a paternidade dos
      fundadores do Aventar. RFP, eu não tenho sobre este assunto
      nenhuma lógica como insínua. Há a lista que faço referência.
      Estou a interpretar mal? A lista não está certa? Aguardo
      uma resposta,por favor.


      • A lista está correcta. Agora é preciso saber ler. A lista divide-se entre autores e ex-autores, como qualquer cidadão alfabetizado entenderá, uma vez que tem dois subtítulos.
        Autores Convidados abre todos os artigos publicados pelos diversos convidados, é clicar, não é um subtítulo. Além de os subtítulos em html estarem marcados como H2, surgem ao leitor com uma letra muito maior.
        Como escrevi acima, quando cá cheguei em Julho o FMS já cá estava, para mim é fundador.


        • JJC, releia o Discurso do Método para ter em conta
          a dúvida metódica. Se assim fizer pode chegar à
          duvida: será que o equipamento do AdelinoFerreira
          além de os subtitulos em html estarem marcados com
          H2 surgem ao leitor com uma letra muito maior????
          Sobre a alfetização não me admira já disse o mesmo
          de Passos Coelho. JJC é um sábio e daí a mmmmmmmmmmmmmm

          comentador


        • JJC, releia o Discurso do Método para ter em conta
          a dúvida metódica. Se assim fizer pode chegar à
          duvida: será que o equipamento do AdelinoFerreira
          além de os subtitulos em html estarem marcados com
          H2 surgem ao leitor com uma letra muito maior????
          Sobre a alfetização não me admira já disse o mesmo
          de Passos Coelho. JJC é um sábio e daí a dificuldade
          em compreender iletrados(foi este o termo que utilizou
          para PCoelho)

      • Ricardo Ferreira Pinto says:

        Adelino, «Autor Convidado» é uma conta própria, que agrega todos aqueles que escrevem no Aventar como bloggers convidados. É como se fosse um autor. Está naquele sítio porque as contas estão ordenadas alfabeticamente.
        Se a conta se chamasse «Zombies Convidados», por exemplo, então apareceria em último lugar e não teria ninguém abaixo. Nem mesmo um eventual autor chamado Zebedeu.
        Ou seja, os nomes que estão abaixo de «Autores Convidados» naquela lista são todos autores de pleno direito do Aventar. Os únicos que não o são são mesmo aqueles que escrevem sob o nome de «Autores Convidados».


  7. Quando algum comentador no aventar propõe que este e aquele como Meneses, e tanto faz ele como Ruas, saia do lugar, fico a pensar que não ganho nada com isso, pois que pelo contrário, além do ordenadíssimo de reforma terá, e eu pago garantidamente, se terá, também, de pagar o ordenado de quem o for substituir e aumentar assim o grande exército dos eis e dos empoleirados – Deixem-no – (s) estar todos onde estão já que os que se perfilam na na bicha são iguais ou transgénicos – E eu já quase não tenho IRS para distribuir ppr todos

Trackbacks


  1. […] cliente dos jornais. Uns, o Público, compro. Outros, o JN, não compro. Percebo, também por isso, o texto do Fernando e subscrevo a sua nota sobre o comportamento do […]


  2. […] questãozinha caritativa que conspirativamente envolveu Luís Filipe Menezes e gerou essa grande inundação de virginais escandalizados, grau […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.