Marco António Costa, o novo ” Professor Doutor em Finanças Públicas “.

foto: jornal Público

foto: jornal Público

Marco António Costa esteve, hoje, na Universidade de Verão do PSD, em Castelo de Vide. O porta-voz e vice-presidente do PSD afirmou perante uma plateia de cerca de 100 jovens que ” os contos de crianças dão por norma lugar a mais resgates “ referindo-se implicitamente ao Partido Socialista.

Efectivamente concordo que a governação do PS e de José Sócrates levou o País praticamente à bancarrota, tendo sido obrigado mesmo a pedir ajuda externa para fazer face aos compromissos imediatos do estado e ao funcionamento da economia.

E quais foram os resultados dos ” contos de criança ” de Marco António em Gaia? Como é possível Marco António Costa “dar ” aulas a jovens falando sobre dívida pública e gestão de dinheiros públicos? Será que já se esqueceu quando exerceu, entre 2005 e 2011, as funções de vice-presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia, tendo a seu cargo o Pelouro Financeiro, foi o principal responsável pela gestão ruinosa da autarquia?

Aliás, Marco António Costa recebeu dez juízos de censura ao longo do relatório final da auditoria do Tribunal de Contas às contas do município de Vila Nova de Gaia entre 2008 e 2012. Segundo este relatório da auditoria o então vice-presidente da Câmara de Gaia é responsabilizado pela “gestão orçamental desequilibrada, caracterizada pela completa ausência de sinceridade e fiabilidade na previsão de receitas, de racionalidade e prudência na efetivação dos gastos”.

Marco António Costa, como o edil de então Luís Filipe Menezes, é também censurado pelo TdC pelos acordos de regularização de dívidas, pelo fundo de investimento imobiliário Gaia Douro e pela provisão de riscos e sobreavaliação de activos.

Este relatório do TdC sublinha diversas “situações de mora reiterada e patológica”. Aliás, esta situação tem contornos altamente caricatos atendendo a que os juros debitados pelos fornecedores da autarquia não constavam sequer da contabilidade municipal.

O TdC constatou também que o município de Gaia “concretizou operações extraordinárias que foram concebidas para tornear as limitações impostas pelas normas legais aplicáveis em matéria de endividamento, colocando em causa a situação financeira da autarquia no médio/longo prazo”.

É bom lembrar a Pedro Passos Coelho que a supracitada auditoria concluiu que a gestão financeira do seu actual vice-presidente, Marco António Costa, foi uma “violação voluntária de norma jurídica, por parte de um devedor”, que merece “juízo de reprovação legal”.

O que poderá então ter ” ensinado ” Marco António Costa aos jovens sociais-democratas no que diz respeito à gestão equilibrada de contas públicas? Ou será que foi ensinar aos potencias autarcas ” os truques ” de como se adultera a contabilidade de uma autarquia ” varrendo o lixo ” para debaixo de um tapete, enganando assim os seus munícipes e o estado português?

Comments

  1. Nightwish says:

    “Efectivamente concordo que a governação do PS e de José Sócrates levou o País praticamente à bancarrota,”
    Continua a não ser verdade, por terrível que tenha sido.
    ” tendo sido obrigado mesmo a pedir ajuda externa para fazer face aos compromissos imediatos do estado e ao funcionamento da economia.”
    Também não é assim tão simples.


  2. CONTAR “ISTÓRIAS”
    Quem é que deixou o país na falência ?

    “Efectivamente concordo que a governação do PS e de José Sócrates levou o País praticamente à bancarrota, tendo sido obrigado mesmo a pedir ajuda externa para fazer face aos compromissos imediatos do estado e ao funcionamento da economia.”

    Recordo-me perfeitamente que o bloco de esquerda, convocou uma moção de censura, para provocar a caída do governo, e o Sr. Passos Coelho, disse nessa mesma moção e passo a citar ” Não está na hora de irmos ao pote”
    Como eles percebem disto de irem ao pote!
    Enfim depois veio o célebre discurso do Sr. Silva, aquando da reeleição a presidente da republica, e depois de estar muito zangado, com as calúnias, segundo ele, que lhe foram ditas nomeadamente no caso BPN e corroboradas pelo Sr. Manuel Alegre, decidiu vingar-se do partido socialista, dizendo cobras e lagartos acerca de governação deste partido.
    O estranho disto tudo, é que durante os anos que se tinham passado de governação, quando questionado acerca dessa mesma governação, dizia que estava tudo bem, que o governo estava a fazer um bom trabalho e que o ministro Teixeira dos Santos era uma pessoa muito competente e muito honesto.
    Foi aí que o Sr Passos decidiu ir ao pote. e chumbar o Pec IV, até porque se veio a saber algum tempo depois, que recebeu do Sr Marco António Costa um ultimatum, que se não tomasse a iniciativa, teria que se sujeitar a eleições internas.
    O resto é o que todos sabemos, mentiras acima de mentiras, tentando disfarçar o indisfarçável.
    Primeiro que não tinha sido avisado do Pec IV, Mentiu, porque veio-se a saber que esteve reunido com o Sócrates varias horas a discutir o assunto.
    Depois que chumbava o Pec IV porque não podia haver mais austeridade, o povo não suportava mais impostos.
    Quando a chanceler e o Sarcozy ficaram muito chateados, pelo Pec ter sido chumbado, o PSD enviou um comunicado em Inglês a dizer, que chumbava o Pec IV, não porque estava contra a austeridade nele contido, mas sim porque não era suficiente, (Soubemos depois o que era ir além da tróica)
    Lembro-me que passado pouco tempo houve uma reunião, onde estavam os ministros Europeus, a Chanceler e o Sarcozy o votaram ao ostracismo. (Ao Passos Coelho, ainda candidato) Hoje, como podem ver são muito amigos. Tirem as vossas conclusões.

    Em Espanha, sendo os mesmos corruptos e ladrões, ao menos fizeram tudo para que a tróica não entrasse, para assim não estarem a pagar juros exorbitantes a sanguessugas, mas aqui foi precisamente ao contrário.
    E o Sr. Silva assistiu naquela altura a toda uma campanha eleitoral feita pelo Sr Passos. baseada em puras mentiras, e nunca abriu a boca para dizer que o povo estava a ser enganado, e que não havia alternativa a austeridade,


    • Alternativa há sempre que o homem quiser , com justiça ou ir ao pote , se fosso mais honestos ainda nos baseávamos nos 10 mandamentos , e não seria preciso tanta pasta para papel


  3. Reblogged this on primeiro ciclo.

  4. José says:

    por falar em gestao, ninguem deita “mão” á gestao enganosa do H.de Gaia!!!! arranja se mil e uma obras apenas para ajudar uma empresa e amigos……….nem a concurso vai “aquisição direta” maravilha, ganham todos, directores de serviço, admn, etc, empresa essa criada de proposito p o hospital, conseguiram fazer parques de estacionamento a serem geridos por uma outra empresa ligada a essa construtora, enfim isso sim, é roubar

  5. Joaquim Ascensão. says:

    Faz o que eu digo: Não faças o que eu faço. É a política de todos os políticos deste País. Não temos políticos sérios e com a visão de futuro.

  6. O lindo menino Paulo Vieira da Silva é um básico e um grande filho da puta que censura comentários. says:

    O lindo menino Paulo Vieira da Silva é um básico e um grande filho da puta que censura comentários…

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.