Sócrates e o seu mundo de fantasia

Acabo de ouvir o Primeiro Ministro e só o facto de já estar habituado é que me leva a ouvi-lo até ao fim. Somos o país que "mais cresce" no PIB, perdão, temos o maior, perdão, somos os que temos um menor crescimento negativo da UE!

 

O Desemprego cresce todos os dias, já ultrapassou a barreira mítica dos 10%, o déficite é de 8.4%, contra os 5% do governo, o orçamento rectificativo, perdão, distribuitivo, a não ser aprovado inviabiliza pagamentos já este mês.

 

Se as fábricas fecham todos os dias como é que o PIB é o que melhor se comporta ? Hoje é ponto assente pelas instituições europeias que Portugal vai empobrecer nos próximos oito anos, vai divergir da média europeia, ficar mais pobre em comparação com os restantes países da UE, como é que José Sócrates se convence que a propaganda passa?

 

A Segurança Social foi "corrigida" à custa de um corte de 40% nas pensões futuras, as receitas do Estado caíram cerca de 15%, o que mostra que a economia abrandou e já não há recuperações possíveis, só o aumento de impostos aumentaria as receitas, cortar despesas não se vê por onde, a dívida é colossal, este homem vive aonde?

 

Quando Sócrates sair do poder vamos ter muitas revelações. Na Economia, na Banca, na Comunicação Social, na Justiça …

 

A síndroma " vale e azevedo" vai passar por aqui…

Comments

  1. ZÉ QUITOLAS says:

    Sócrates e o seu mundo. O de “fantasia” é o nosso!!!!


  2. Pois, Zé, o que é real é que há 600 000 desempregados, x 2 que são as pessoas que estão apoiadas por quem trabalha e temos 1 200 000 pessoas, some-lhe mais 2 000 000 de pobres e temos 3 200 000 pessoas pobres em Portugal . Mais de 1/3 dos portugueses vive mal, e o Sócrates continua a dizer que as políticas estão certas!