Carta da Associação Ateísta Portuguesa

Exmo. Senhor

D. Jorge Ortiga

Presidente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP)

cep.sgeral@ecclesia.pt

Quinta do Cabeço, Porta D
1885-076 MOSCAVIDE

Excelência:

A Associação Ateísta Portuguesa (AAP) assiste na comunicação social à pressão que os bispos portugueses exercem sobre o Governo para que seja concedida tolerância de ponto nos dias previstos da visita de Bento XVI a Portugal, no próximo mês de Maio.

A AAP nada tem contra a visita de dignitários religiosos, sejam de que religião forem, mas não pode aceitar que o carácter laico do Estado português seja posto em causa e, muito menos, que sejam exercidas pressões indevidas sobre os órgãos da soberania.

Acresce que se adensam as suspeitas de encobrimento de crimes de pedofilia por parte do actual pontífice, de ter protegido padres sob investigação e outros cuja condenação transitou em julgado, em várias nações. A própria tentativa judicial de incriminar Bento XVI, por cumplicidade, está a ser estudada por juristas de diversos países.

Os factos, pouco abonatórios para a reputação do pontífice, desaconselhariam a vinda, até cabal esclarecimento do seua comprometimento, para não constranger as entidades que o protocolo obriga a recebê-lo. Dadas as dificuldades financeiras por que o País passa devia também este facto merecer do Vaticano ponderação suficiente para não as agravar.

A Associação Ateísta Portuguesa, certa de que não serão muitos os portugueses que se regozijam com a visita prosélita de Bento XVI e que serão ainda menos os que aceitam os custos que a pompa e a circunstância acarretam, pede a V. Ex.ª que a Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), através do Núncio Apostólico, solicite o adiamento sine die da viagem prevista, não faltando razões substantivas que o justifiquem.

Desejando que o bom senso impere, a AAP espera que a visita inoportuna não seja um factor de perturbação política e o pretexto para branquear as responsabilidades pessoais deste Papa e o comportamento do Vaticano durante os três últimos pontificados.

Confiando que a CEP possa demover a obstinada intenção de Bento XVI de visitar Portugal, durante o vendaval de escândalos que o compromete,

Apresenta a V. Ex.ª os seus cumprimentos.
Associação Ateísta Portuguesa – Odivelas, 12 de Abril de 2009
Carlos Esperança (Presidente da Direcção) TM – 917322645

Comments

  1. joão Nunes says:

    Caro Sr. Carlos Esperança da Associação Ateísta Portuguesa porque é que você também não escreve uma carta ao sr. Presidente da Republica a dizer-lhe para ele acabar com os feriados do Natal, da Sexta-feira Santa, do 8 de Dezembro e assim?
    Era mais uniformr da sua parte se tivesse um pensamento assim e fosse mais coerente com os seus princípios ateus. ou só metade ateus porque se gosta de folgar nos dias que referi não é ateu completo. além disso tenho quase a certeza que na hora em que estiver para esticar o pernil, ou seja a ir embora deste mundo, a caminho do outro, não vai deixar de se lembrar de pedir a Deus que mesmo depois de ter feito o que aparenta ter feito nesta vida, o receba no seu Reino.
    Passe bem, que a gente perdoa-lhe essa coisa.
    o perdão é a caridade são dois dos maiores valores da Cristandade.

  2. maria monteiro says:

    realmente ” o perdão é a caridade…” fugiu-lhe a caneta para a verdade senhor João Nunes … o perdão é a caridade de tanto pecado em que gentes da Igreja estão envolvidas

    Quem quer ir ao espectáculo tire férias… os desempregados não precisam de tolerância de ponto
    Mas afinal para que é tolerância de ponto se…. “as autoridades vão começar a desviar os fiéis do Terreiro do Paço logo que seja atingido um limite no número de pessoas naquele espaço, de modo a garantir que a missa decorra com todas as condições de segurança que permitam a acorrer rapidamente a qualquer situação de emergência.”

    Quanto a não vir cá … bom… com tanto dinheiro que já gastaram (bem que podia ser aplicado nos pobres), com tanta massa cinzenta pensante … pois que Venha e … Vá

    «….. montagem das estruturas no Terreiro do Paço começará a ser feita a 28 de Abril, no período entre as 22:00 e as 06:00, de modo a minimizar os inconvenientes, prevendo-se que as 02 de Maio a circulação na zona seja cortada para a instalação final de todos os palanques e do altar.» e … viva a festa

  3. joão Nunes says:

    D. Maria a senhora também só é do contra por ser. Já sabe pelo que tem vindo a publico que tem de ir para lá cedo para apanhar lugar. Leve alguma coisa para comer e não se esqueça de um chapéu e uma garrafa de água. Pode estar calor.

  4. maria monteiro says:

    Senhor João Nunes, afinal em que em que é que ficamos? Para o Terreiro do Paço já se deve acreditar no que tem vindo a público mas… quanto aos outros vindos a público é tudo mentira né?

    Narciso Bertini disse que …«A Igreja tem uma ajuda especial que vem do alto» ,usando o nome do amigo aqui de cima, tenho Esperança que essa ajuda especial chegue a tempo de não haver visita a Portugal

  5. maria monteiro says:

    [D.Maria a senhora também só é do contra por ser] —> “olhe que não, doutor, olhe que não”


  6. As polémicas parvas que esta gente não menos parva inventa!!! Dassssss


  7. Por uma vez gostava que publicasse uma resposta a uma das milhentas cartas que a AAP publica. Eu não sei se a associação tem uma secretária, mas a senhora, coitada, deve ter os dedos inchados…

    • Luís Moreira says:

      Se tem uma carta contra é só mandá-la para aqui que nós publicamos. Nuno, temos que aceitar as opiniões dos outros. Eu não sou ateu, sou agnóstico que é uma coisa diferente.

  8. graça dias says:

    Que falta de imaginação caro sr adão

  9. maria monteiro says:

    quem se esconde na sombra dum nome (Kruzes Kanhoto) também não é lá muito esperto…

  10. joão Nunes says:

    Caro Sr. Carlos Esperança da Associação Ateísta Portuguesa e demais beneficiários das tolerâncias de ponto.
    Chorem por não ir trabalhar à pala da visita do Santo Padre.
    Chorem muito alto.

  11. maria monteiro says:

    Depois de ler que o SIS definiu grau 3 (numa escala de 5) de ameaça à visita de Bento xvi… pois que venha a tolerância de ponto para que todos possam ficar em casa protegidos… não vá o diabo tece-las e apanhem com alguma coisa que não lhes esteja destinado …

    é que de Roma só vêm 2 papamóveis … e não é para proteger o povo

Trackbacks


  1. […] This post was mentioned on Twitter by Blogue Aventar. Blogue Aventar said: Carta da Associação Ateísta Portuguesa: Exmo. Senhor D. Jorge Ortiga Presidente da Conferência Episcopal Portugues… http://bit.ly/btwmjm […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.