A Ministra da Coerência

Isabel Alçada, actual ministra da Educação, promete iniciar a discussão sobre o fim das reprovações no Ensino. Sou-vos sincero ao afirmar que há já anos que não assistia a um tão coerente acto governativo – uma ministra que, pensando no passado recente mas sobretudo no futuro, vem garantir aos empregadores de Portugal que, doravante, como há já vários anos, os futuros escolarizados nada terão consigo que garanta que, de facto, sabem concretizar um pensamento, escrever um texto, um parágrafo, uma frase até, juntar letras…. doravante, o próprio Estado deixa de garantir mínimos na qualidade do ensino público e obrigatório. Acho muito bem este acto de coerência.

A actual situação é uma mentira pegada: é difícil um professor conseguir chumbar um aluno, é quase impossível um conjunto de professores chumbar um aluno. Ao menos assim, sabemos o que estamos a comprar: fruta com bicho lá dentro. Parabéns.

Comments

  1. graça dias says:

    dario concordo, plenamente com o texto, isto deveria ser colocado na porta do ministério, e na porta da residencia da senhora.
    Dario a foto da senhora parece daquelas que estão nas casas de fotografias do antigamente( muito bem apanhada). a senhora até é muito capaz de gostar da fotografia?
    Quanto ao texto como ela é atrasada até e capaz de não entender

  2. joana pestana says:

    Dario excelente texto.
    O titulo de “ministra da coerência”, também podia ser da concorrência?. . . entende…
    Quanto a foto concordo, plenamente com ao comentário anterior, acho o máximo.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.