Lobby das renováveis: 1 – consumidores: 0

Henrique Gomes, que será substituído por Artur Trindade, director do serviço de custos e proveitos da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), encontrava-se há vários meses sob fogo cerrado, com a promessa de revisão dos subsídios pagos à indústria eléctrica, nomeadamente às empresas de energia eólica e à cogeração e com a EDP no alvo.

Leia mais no Público para perceber porque tem aumentado a sua factura da EDP

Comments

  1. marai celeste ramos says:

    Ora combustíveis mais caros do que nunca e o presidente do ACP até berra – com tal notícia – Entretanto a UE favoreceu Marrocos na agricultura contra portugal – boa – todos vão cagando em cima dos PIG – Com este governo é natural em que o que se deve em juros chegaria para aqueles a quem foi tirado o que se tirou – Turismo vai caindo – hoteis e restaurantes fechando – a talactividade que não nos prmitia morrer – e trabalhadores da Galp querem aumentos – já basta os da TAP – CGD acusada de burla na compra da Compal – é a CGD ou as Cardonas que por lá andam ?? Valha-nos o cinema que vai ganhando prémios – Rangel juíz berra contra a associação sindical de juizes – produtores de leite querem vender mais caáro pois produziram menos com a séca – mais um incêndio urbano em prédio velho a cair de pôdre – Fogo grassa pelas matas e já houve 5860 incêndis, 5 vezes mais do que no mesmo tempo em 2011 – matas sêcas e desordenadas – mas os bombeiros não têm dinheiro sequer – a vida segue sem brilho – a CAP diz que a situação da agricultura é dramática – também acho – tudo dramático – este governo de facto por melhores ministros que T~em são de facto uns teóricos e nada perceben de política e de pessoas a quem andam a fazer mal muito mal – vão-se embora por favor pois truxera a troika pelo menos

  2. Rafael Amorim says:

    Com o devido respeito pelo Artur Trindade, cujo trabalho conheci na ANMP, devo ser ironico e dizer que, não sei porque, isto fez lembrar o episódio Luís Campos e Cunha/Fernando Teixeira doss Santos, no primeiro governo de José Sócrates.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.