Hóquei em Campo: Portugal já trabalha para a Liga Mundial

Armindo de Vasconcelos

A selecção nacional de hóquei inicia hoje, sob o comando de Hugo Gonçalves, os trabalhos de preparação para uma participação condigna na Liga Mundial de Hóquei. A ronda que se realiza em Portugal começa a 25 de Setembro, em Lousada, e o seleccionado português vai defrontar a Itália, Gibraltar, Escócia e Marrocos. Apuram-se para a fase seguinte os dois primeiros classificados.

Aquando do lançamento desta nova prova, o catalão Leandro Negre, Presidente da Federação Internacional, afirmou um grande orgulho da modalidade por esta conquista de novos espaços, “um sonho durante muito tempo, mas que agora se torna realidade”.

A prova vai disputar-se ao longo dos próximos dois anos, e qualificará para a World Cup e para os Jogos Olímpicos. Vai envolver um número nunca visto de nações participantes. Só a primeira ronda engloba 11 torneios, com 60 equipas, numa prova que será de estreia internacional para 19 países. Leandro Negre, no discurso de apresentação, diria ainda que “nunca uma competição de hóquei comportou tão grande número de países e atletas”, anunciando que “cerca de 2 000 atletas farão parte do processo de apuramento para os jogos do Rio de Janeiro”.

Segundo o departamento de estatística da FIH, aqueles 2 000 atletas irão acumular cerca de 6 000 internacionalizações e terão, então, a oportunidade de, pela primeira vez, acederem à conquista de pontos no ranking mundial individual.

Portugal tem, assim, um novo momento para se afirmar internacionalmente.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.