Eleições e preconceitos

há preocupações reais a propósito de assuntos como o direito de voto, a fiabilidade das listas eleitorais, a transparência do financiamento das campanhas, os procedimentos de recontagem e o acesso dos observadores internacionais.

disse o chefe da missão da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa.

Na Venezuela, onde o processo foi fiscalizado pela Fundação Carter? não, nos EUA, onde em diversos estados os observadores da OSCE foram impedidos de trabalhar, embora ali estivessem a convite do governo.

Pois é, meu caro José Meireles Graça, por vezes um paisano fica emudecido perante a realidade.

Comments


  1. não há nada como fazer desaparecer os comentários…
    de que a informação nos EUA é a própria contrainformação coisa que o meu amigo não deve gostar!

  2. nightwishpt says:

    É verdade e é uma vergonha. Os casos são tantos que um gajo já nem sabe se isto da democracia não é como o comunismo, nunca se vê na prática.

Trackbacks


  1. […] Mas que  é isto? que autoridade tem o governo dos EUA para avisar os venezuelanos com quem têm muito a aprender sobre democracia? […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.