Jim Jarmusch: Down by Law

Um filme de Jim Jarmusch com Tom Waits (sim, ele é um grande actor), John Lurie (outro músico) e Roberto Benigni (numa das suas melhores interpretações). Chega, ou é preciso explicar?

Tem coelho assado, para apreciadores.

Ficha IMDB. Em inglês, legendado em castelhano.

 

Comments

  1. maria celeste d'oliveira ramos says:

    SIC-05:15-A grande moda de Paris – hortas no chão e também suspensos em Saint Germain-des-Prés (da Julietta grecco ??) – arma anti-crise – já vi este prgrama muitas vezes e ontem de novo e recomeça agora – é interessante – e no fim vão ao supermarché compar o que cultivam para comparar preços – parece que é 70% mais caro e não são frescos como os deles – um deles é de Belas Artes actor e cenógrafo e virou hortelão – também já vi programa este ano de engº que deixoi Lisboa e tornou-se agricultor na terra de seus avós – o interessanre é que este se tornou famoso e foi convidado para ir ao Dubai – a 1ª vez que vi hortas urbanas (sem ser as nossas de benfica até as mercês) foi em Hamburgo (1970) e achei fantástico e eram terreno municipal alugado a urbanos que queriam ocupar o seu fim de senana com toda a família – tinham água claro e barraca de arrumo de ferramentas agricolas e sementes – não podiam dormir nos espaços – e faziam concursos e quem tinha a mehor couve ou o que quer que fosse recebia prémio em semantes ou ferramentas . muito interessante – em aris + Rouen + frança fora – hortas familiares que a cª das +aguas quer reabilitar e dá regras – poupar água (contador individual) e sem adubos nem poesticidas nem nada de automóveis – vão a pé se quizeram e há sorteamento e quem concorre auma parcela (por acso em 2010 visitei com Ribeiro Telles o que restou de Hortas no Lumiar e que lindo é e convencem toda a família – Quando fui juri do INH 12 anos tentei que parte do espaço não fosse cimentado nem betuminado mas sim terra para hosra e jardim – mas não consegui tudo claro – mas um dos mais belos que vi foi o da casa atribuída a uma cigana de que tenho linda foto e plantar na areia (Espesende) uma linda ppiteirinha com tanto carinho e a areia limpa limpa limpa – alás vi tanta casa atribuída aciganas e era imaculadamente limpas – uma até num 1º piso com varios habitantes -Mexer em terra é para mim uma sensação especial mas é natural sou “bicho do campo” embora tenha nascido e vivido sempre em cidade mas por acso sou doida efiz um jardim com terra e plantas e relva DENTRO da TOBIpara umfilme O BOBO para o José àlvaro de Morais e por acaso ganhou o Leopardo de Oiro do Festival de Locarno – fiquei contente – fiz o jardim em 2 dias à mãop com ajuda do filho do alexandre o’oneil e do fernando Lopes – todos queriam ajudar mas eu não quiz confusão embora todos tenam sido fantásticos – nem sei por onda anda esse filme – talvez na Cinematica mas fazer um jardim dentro da Tobis debaixo daqueles milhares de luminárias só grande maluquice – foi fantástico – os miúdos na altura eram meninos e foram mais do que fantásticos – se os visse hoje nem os reconheceria – gozei que nem uma doida – e como na altura tranalhava na CML deram-me TUDO o que quiz – na altura era responsável dos viveiros da CML da zona ocidental de Lsboa -. adorei fazer um jardim à escala natural á unha – ainda hoje faria isso – aliás o primeiro jardim que fiz na vida ainda não era paisagista mas já era meio doida – foi em Olivais Sul – e lá estão as grandes árvores nos logradouros – trabalhava em local que já fechou – o GTH (Gabinete Técnico de Habitação) – claro andei a abrir covas e palnar árvores possível (nem sempre enraízam grandes claro mas eu sei truques) – e uma vez um vendaval arrancou um inheiro grande pela raíz quando estava no ministério do ultramar e toda a gente a pensar que tínhamos ficado sem ele
    mas eu não desisti e já não sei como equem o levantou e´viveu poisera o que tinha que ser – já não vou ao local há sei lá quantos anos – sou maluquinda das árvores e hoje andei a apanhar folhas do chão já maio doiradas para scanarizar e enviar ao querido malucpo aventar que me enviou por mail a fokha de Tilia cordata (epifania de outono)que apanhei no chão à porta do restaurante onde almocámos – palavrossavrvs – 12 novembro – as que apanhei hoje ainda não scanarizei mas sou burra para maquinetas e nem sei se serei capaz de tanto, para lhe oferecer e ele “brincar a compor as folhas de Lodão bastardo (Celtis australis) – vou tentar – beijos-celeste

  2. Carla Romualdo says:

    o Waits é brilhante neste filme

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.