“Um governo PSD+CDS e PS não te[ria] nenhumas condições para funcionar”

Pedro Passos Coelho antes das eleições sobre um hipotético centrão (que o radicalismo neoliberal do PàF e o audaz programa do PS seja como for impedem). Mais lembrando PPC que “o modelo económico é diferente”, “o programa económico é divergente” e ainda que “o programa político não é conciliável”.

Comments

  1. Hugo says:

    De todas as partes (PàF, PS, PC/BE) houve um discurso demasiado fracturante que impede agora qualquer tipo de conciliação oficial. Creio que o futuro passará por um governo PàF com maioria relativa no parlamento e negociações caso a caso com o PS para passar as medidas necessárias ao cumprimento dos compromissos assumidos. Acho a solução de negociar isoladamente com as alas do PS mais afastadas de Costa pouco provável. Não me parece também que a aliança das esquerdas seja exequível, por um lado porque as diferenças entre PS e PC/BE são demasiadamente vincadas e, por outro porque duvido que o próprio PC/BE tenha interesse em apoiar qualquer governo. Ser do contra e ser anti-establishment está-lhes no ADN e é da maneira que, sem assumirem responsabilidades governativas, mantêm a aura de defensores do povo e dos trabalhadores.

    • Fernando Antunes says:

      Não sei até que ponto PC e BE querem ou não assumir responsabilidades governamentais, mas é bom que não sejam considerados “partidos de poder” (embora o PC sempre foi um partido com vocação de poder, a meu ver) pois é do modo que pelo menos não trazem atrás de si um lastro de corrupção e compadrios como o que caracteriza os três partidos ditos mais “sérios” e “responsáveis”.

      E têm a vantagem, que não é pequena, de não terem sugado até ao tutano os recursos de Portugal como esses três partidos.

      Mas são gostos.. Há Portugueses que gostam de ser abusados, uns com mais força (sem “pieguices”, por um governo além da troika), outros com meiguicie e mais diálogo (governos de Sócrates e Guterres), mas no fundo vai tudo dar ao mesmo, pois com mais ou menos vaselina dói na mesma ao fim do mês.

    • Nightwish says:

      A aura não, é mesmo a realidade.

    • Hugo says:

      Há um dizer em inglês que se aplica como uma luva ao PC/BE: “put your money where your mouth is”. Assumam responsabilidades, façam algumas concessões e governem com o PS. Daqui a meio ano estão a mostrar que o discurso do proteger os coitadinhos contra os malvados da direita é muito bom para fazer oposição, mas péssimo para fazer governo.

      • Nightwish says:

        Assumam responsabilidades e governem contra os princípios? Então para que serviriam? Fazem as possíveis e nem mais uma.

        • Nightwish says:

          De resto, é bom que não façam parte do governo que ainda são acusados de fazerem parte do desastre económico que é Portugal. É que dentro do Euro não há recuperação para nenhum país.