Azul, sff:

Eu sei o motivo. Até o podia compreender. Mas não consigo.

Logo hoje que  meu FCPorto ganhou e , pé ante pé, se aproxima do Tetra. Eu não consigo escrever num blogue assim, completamente vermelho. Mas o 25 de Abril foi vermelho? Eu julgava que tinha sido branco, azul, rosa, vermelho, laranja, CMYK, RGB, etc. Um Abril de todos e para todos. Ou será património exclusivo da esquerda vermelha? Ou a cor deriva da tonalidade do cravo? Para mim, o 25 de Abril representa a Liberdade e esta não se coaduna com uma cor em exclusivo.  A liberdade de todas as cores, de todos os tons. De todos os credos. De brancos e pretos e amarelos e castanhos e rosados.

A LIBERDADE. ponto. Vou ter de esperar pela muda da cor…

Comments

  1. Luis Moreira says:

    Fernando, encarnado. O azul e branco confunde-se com a monarquia, é só por isso…

  2. Ricardo Santos Pinto says:

    Pois é, até podíamos ter um arco-iris. Só que depois pensavam que era um blogue gay (o que não tinha mal nenhum).Foi minha a iniciativa de pôr o blogue vermelho e o José Freitas pôs este vermelho fantástico. Eu associo o 25 de Abril ao vermelho. Vermelho, sim, dos cravos vermelhos na ponta das espingardas. Conotações partidárias? Não. Não sou comunista e acho que o 25 de Abril é de todos. Blogue comunista? Não. A prova é que estás cá, e não estás sozinho.Quanto ao futebol, costumo dizer que só tenho pena que o meu sangue seja vermelho.

  3. Ricardo Santos Pinto says:

    Vermelho, Luis. Cá no Porto é mesmo vermelho. Encarnado é lá para a capital do Império.

  4. M. Abrantes says:

    Não se consegue ler com tanta vermelhidão. Parece o CD da Liga!

  5. Luis Moreira says:

    Os meus amigos dizem que eu sou melancia.Verde por fora e vermelho por dentro.Quanto à política já fui muitas vezes insultado por ser social-democrata. Democracia. estado de direito e economia social de mercado.Olho em volta e não vejo melhor, mais gente e durante tanto tempo a viverem em liberdade e com um bom nível de vida.Bem precisamos de estar como estão os países do centro e norte da Europa!Já que estamos em maré de confidências…


  6. Pronto, escusam de me torturar. Eu confesso que sou azul e branco às riscas, com um dragão verde e uma língua de fogo vermelha.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.