Freeport : e, no entanto, mexe-se…

Apesar das fugas de informação cirurgicas dando como arquivado o processo Freeport, e com Sócrates fora dele, a verdade é que o processo ainda mexe.

Agora um dos arguidos, Carlos Guerra, ex-presidente do Instituo da Natureza não está a gostar do andamento da coisa e põe em causa a conduta dos magistrados titulares do processo. Acusa-os de suspeita de violação de segredo da Justiça e prepara-se para os accionar criminalmente.

Para além das declarações de Moura Guedes ou talvez por isso mesmo, o “SOL” vem dizer que a atenção dos magistrados se vira agora para outro primo de José Sócrates, este a viver, convenientemente, em Angola. Angola fica mais próximo da China aonde está a tirar um curso de artes marciais, convenientemente, o outro primo. Ai, se isto acaba à chapada…

Entretanto a saga TVI continua, com Moura Guedes a dizer que há novas em relação ao Freeport, documentadas, o que poderá em qualquer altura ser tornado público, se é que a administração da empresa deixa. E se não deixa, é certo e sabido que vão ser publicados num outro qualquer canal de televisão.

Isto está preto!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.