Assuntos não discutidos na campanha

Por onde anda o desemprego que está para durar e a crescer ? E a criação de riqueza ? E a dívida externa ? Estes assuntos, os mais importantes que se perfilam no horizonte não aparecem na campanha. Porquê?

Não há ideias, não há medidas ?

Há quem diga, sem se rir, que se tratam de problemas que vieram com a crise e com a crise irão, isto da parte dos socialistas. Mas da parte dos outros partidos ? Se não há criação de riqueza, e não há, como a OCDE já veio dizer, como é que se criam postos de trabalho ? E como se suporta o Estado Social ( a saúde, a segurança social…)?

Vai ficar para a última semana de campanha ?

Comments

  1. Belina Moura says:

    Ninguém quer falar desses “problemazinhos”, lá nas campanhas não convém.

  2. Nuno Castelo Branco says:

    Luís, não ouve falar disso, porque na verdade não existe uma solução à vista: sem indústria, sem agricultura e pescas, sem moeda própria… e com a obrigatoriedade de cumprir mal negociados tratados de adesão à “Europa”, do que está à espera? Da Nossa senhora das Suplicações?Existe? 🙂

  3. maria monteiro says:

    mas com o dinheiro das suplicações já se fizeram “bonitas obras de arte”… não foram creches, lares para idosos… nem sequer geraram emprego… para isso sem subsídios do Estado nada feito

  4. Luis Moreira says:

    É verdade, Nuno, o país caminha para o empobrecimento e então nas mãos do PS, como aliás se vê…