Seja bem vindo Bento XVl !

Enquanto Presidente de um Estado reconhecido pelo Estado Português com mútua representação diplomática, ao nível de Embaixadas, seja bem vindo!

Como Chefe da Igreja Católica cuja doutrina é seguida por milhões de portugueses, Deus o traga a terras de Nossa senhora de Fátima!

Sou profundamente Cristão e muito pouco católico, desde muito cedo percebi que uma coisa é a hierarquia religiosa e outra, bem diferente, é a Fé de milhões de seres humanos. Por estes tenho um profundo respeito ! Não compreendo a Fé, mas sei que esta sociedade não deixa a milhões de seres humanos outra esperança! Aos desvalidos que ano após ano se deslocam a Fátima à procura de cura; aos pais e mães que procuram conforto; aos filhos que procuram luz. A todos eles respeito profundamente, e sei que a visita do Papa é, para estas pessoas, um momento importante, de alegria e de luz.

Não tenho surpresa nenhuma em verificar que os homens que constituem o universo clerical sejam uma imagem da sociedade. Que outra coisa poderia ser? Os mesmos homens gloriosos e os mesmos homens bestas. Quem alguma vez  pensou que seria coisa diferente, só pode culpar-se a si mesmo, não é verdade que outras “verdades redentoras” se apagaram no tempo de um fósforo, enquanto a Igreja anda cá há séculos?

Seja bem vindo, a esta terra que sempre recebeu generosamente quem a procura , até por uma questão de gratidão, tantos são os seus filhos que procuram fora dela a vida que aqui não encontram.

Comments

  1. maria monteiro says:

    Maria, católica praticante que se encanta com a Fé de milhões de seres humanos que buscam nas religiões conforto, esperança, força para caminharem … mas cada vez mais desencantada, desiludida, cansada com o hierarquicamente construído…

  2. Luis Moreira says:

    E a vinda do papa é conforto para muita gente que há que respeitar.

  3. maria monteiro says:

    Eu apenas digo que a Fé é conforto para muita gente quanto à visita do papa se fosse sentido como conforto não eram necessários tantos anúncios a lembrar a sua vinda … demonstra assim um certo receio de “casa meia-vazia”… Viesse ele como peregrino que outro conforto seria sentido

  4. maria monteiro says:

    Falando em respeitar o conforto de muita gente encontra aqui

    http://www.bentoxvilisboa.com/

    algumas informações úteis e… não esqueça… consulte as previsões metrológicas e venha preparado para calor, exposição solar ou chuva

  5. Pedro Rocha says:

    Já recebemos cá no burgo, o kadafi, o homem a quem tocam panelas e outros que não merecem o respeito da humanidade. A igreja e este papa em particular não querem resolver a questão da pedofilia que têm e sentem dentro da sua instituição.
    Por muito conforto, serão sempre aqueles cujo acesso ao conhecimento lhes foi dificultado não merecem que esse homem venha cá. Os outros será sempre por interesse, e nem por fé, retiram os olhos do que lhes verdadeiramente é conveniente.

  6. Ricardo Santos Pinto says:

    Não sou contra a vinda dele. É um chefe de Estado como outro qualquer. Só sou contra a tolerância de ponto.


  7. CHEGUEI HÁ UM BOCADO E…. GOSTEI DESTE TEU POST, LUÍS

    • Luís Moreira says:

      Obrigado, José. A não ser que nada se possa dizer a favor da vinda do Papa, isto que eu digo é o mínimo. Nem percebo a perturbação causada, tal é a simplidade da coisa…

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.