A Segurança Começa por Si

Apesar dos esforços desenvolvidos no sentido de combater o desrespeito pelas regras de segurança na utilização do caminho-de-ferro, são prática frequente acções negligentes em plena via-férrea ou em passagens de nível, que colocam em perigo a integridade física dos transgressores e dos próprios passageiros do comboio.”

Passagens de Nível no Facebook. O Livro Verde deu lugar a algumas conclusões. O comboio tem sempre prioridade.

Comments

  1. Luís Moreira says:

    Sempre prioridade! bem avisado!

  2. maria monteiro says:

    ainda me lembro de, em Estremoz, já com a cancela fechada e a ouvir-se a campainha, pessoas a pé, de bicicleta ou mota contornarem a cancela indiferentes ao que lhes dizia o guarda da estação.

  3. mjrijo says:

    Com o medo que tenho de morrer debaixo de um comboio, páro , escuto e farto-me de olhar. Agora, ando baralhada com uma coisa parecida, o metro à superfície do Porto; aí não vejo as cancelas, e não me parece que aquela coisa pare quando eu vou atravessar a rua, além de não encontrar sinais nenhuns. Assumo que sou distraída, mas por mais que procure, não encontrei ainda esses sinais.

  4. Dario Silva says:

    mjrijo :
    Com o medo que tenho de morrer debaixo de um comboio, páro , escuto e farto-me de olhar. Agora, ando baralhada com uma coisa parecida, o metro à superfície do Porto; aí não vejo as cancelas, e não me parece que aquela coisa pare quando eu vou atravessar a rua, além de não encontrar sinais nenhuns. Assumo que sou distraída, mas por mais que procure, não encontrei ainda esses sinais.

    O Metro do Porto utiliza veículos ligeiros que, dadas as leis da Física, imobiliza-se muito rapidamente. Por outro lado, quando o metro se passeia nas ruas de Gaia, Matosinhos ou Maia circula à velocidade máxima de 30 ou 35 km/h.
    Nada que se compare a um veículo pesado a 100 ou 150 km/h. Na Linha da Póvoa, por exemplo, existem algumas passagens de nível automáticas que, obviamente, convém respeitar (velocidade do metro nessas zonas e/ou atravessamento de estações/apeadeiros – sem desnivelamento para peões- 60 km/h não obstante a velocidade da via a montante ou jusante destes atravessamentos ser de 80 ou até 100 km/h).

  5. mjrijo says:

    Fiquei um bocadinho mais tranquila. Obrigada 🙂

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.