A libertação de Assange e uma comparação com Vale e Azevedo

Vale e Azevedo, acusado de crimes de milhões em Portugal e com mais acusações em Inglaterra, anda há anos a fugir de uma extradição para o nosso país. Complacente, o sistema judicial de Sua Majestade esforça-se por não incomodar muito o cavalheiro que, de recurso em recurso, vai gozando os muitos milhões que roubou.
Com Julian Assange, a Justiça britânica foi bem mais eficaz. Prisão preventiva numa cela de isolamento, libertação passados uns dias sob caução milionária, obrigação de utilização de pulseira electrónica e audiência decisiva já no início de Janeiro. Tudo porque duas activistas políticas ao serviço dos Estados Unidos não conseguiram aguentar com o garanhão australiano.
Julian Assange assusta os terroristas deste mundo. É bom, mesmo sabendo que ele tem os dias contados. Vão matá-lo a sangue frio mais cedo ou mais tarde.

Comments

  1. É este o mundo dos moralistas Ricardo. Em circunstâncias diferentes, o espírito do poder do mundo nada deve ao espírito de Hitler

  2. Também há quem fuja para a Galiza e se apresente no Tribunal de Gondomar escoltado pela guarda pretoriana… Realmente este sistema judicial mundial é incompreensível…

    Percebeu a sua comparação e a minha? Pois… eu também não!

    • Ricardo Santos Pinto says:

      Ao fim de tantos anos, Dylan, a forma como defendes o teu ex-presidente é enternecedora e mostra um benfiquismo que deve ser destacado. Mesmo a contas com a Justiça, tu não o esqueces. Viva o Benfica! Viva Vale e Azevedo!

      • A sua comparação entre o Assange e o Vale Azevedo é tão ridícula que achei que tinha direito de fazer o mesmo. Mas não se esqueça de uma coisa, amigo: no meu clube, levam-se os responsáveis à justiça – e muito bem -, não são avisados para fugirem nem são oferecidos bilhetes a juízes jubilados a troco de algo… Viva a fruta!

    • Este Dylan tem uma pinta do camandro. Quando pensa em Vale Azevedo lembra-se do Mourinho.
      Compreendido.
      O Vilarinho é que devia estar preso, não era?

      • Caro, obrigado pelo elogio. De facto, até tenho pinta, é a juventude…
        Claro que Vale e Azevedo devia estar preso assim como outros presidentes de clubes, actualmente no activo, mas isto de escutas telefónicas serem inconstitucionais é tramado, ou será a sorte de alguns?…

  3. Ricardo Santos Pinto says:

    Levam-se os responsáveis à Justiça? Deve ser para rir. Depois de os sócios o idolatrarem durante 3 anos, a Justiça encarregou-se do assunto. Mas só depois dele perder as eleições, claro, caso contrário ainda aí estava em liberdade.
    Entretanto, reparei que te esqueceste do pó dos pneus. A tua gente é só virtudes, a minha é do piorio.

  4. Ricardo,
    Essa do “pó” é tipico de quem argumenta desesperadamente e a coberto da net. Se tens provas, apresenta-as. E já que falas defendes tanto esse tal de Assange e vibras do modo como ele arranjou os tais documentos, de certeza que também podes ir ao “You Tube”, vasculhares e encontrares coisas engraçadas acerca do putativo presidente do teu clube – o protótipo da honestidade. Desde aconselhamento matrimonial a aconselhamento de jornalistas!

  5. Ricardo Santos Pinto says:

    Meu caro, as minhas provas são iguais às tuas, por isso…
    Há uma diferença entre nós: eu não defendo a honestidade do presidente do meu clube. Pelo contrário.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.