Este é o Bom Governo de Portugal

          Votar no BE e no PCP é, nestas eleições cruciais para a escolha do modelo de sociedade em que queremos viver, votar no BE e no PCP é eleger o governo da direita mais radical e reaccionária destes últimos 37 anos de democracia.

          Aliás, para os dirigentes do Bloco e do PCP, que têm assegurados o seu bem-estar na vida e as suas comodidades – e os seus ordenados, e os seus ordenados! – nada melhor que a eleição de um governo de direita ultramontana, sob vestes neoliberais, para obterem o que sempre pretenderam: quanto pior, melhor. Só assim engordam politicamente.

          É este o pesadelo que deseja quando acordar na próxima segunda-feira?

 

                                                  (clique na imagem para aumentar)

Comments

  1. Paulo Mendes says:

    Obrigado pelo esclarecimento, de facto, ainda não tinha percebido que o problema do país é o PCP e o BE… o texto, eloquente, é clarividente, é de facto esta frnja da classe política que mais tem engordado desde que somos (uma espécie de) democracia!

    Depois de segunda-feira, concretamente, lá mais para o pós-Verão, depois de os portugueses acordarem, com os bandidos da troika portuguesa (a júnior) a mexerem-lhes nos bolsos à cata dos míseros tostões, que alegremente acordaram gamar a cada um de nós para entregar de mão beijada à troika (a senior, mais profissional) a fim de engordar os seus já anafados e agiotas banqueiros… aí sim, se verá quem engorda politicamente!!!

    Talvez tenha um acesso de lúcida honestidade e reveja a sua posição… rosa -choque, meu caro, é a cor dos gordos portugueses!

  2. Nightwish says:

    Eu gostava de saber quanto é que lhe pagam para esconder a realidade e espalhar o campo de distorção pessoal do engenheiro de fim de semana.


    • Pagam-me o mesmo que lhe pagam a si?
      (Já agora, com simpatia, “fim-de-semana”. Certo?)

      • Paulo Mendes says:

        o senhor não é simpático, tão engraçado e/ou intelectualmente honesto… é um caceteiro do PS, apenas!

  3. Anti-Xuxa says:

    Proponho ao autor deste exercício um outro igualmente elucidativo: fazer agora um boneco com as fronhas dos xuxas que nos vão continuar a governar se ganharem as eleições: o ingenheiro bancarrota, o santos silva, o silva pereira, o zé lello, o vieira da silva, o teixeira ou o pinho, o assis, o paulo campos, o alegre, o seguro, o ferro, o vara e o penedos, o valter lemos, a milu rodrigues, a canavilhas etc, etc… Não melhorou nada pois não? Piorou muito pois foi… É que para estas eleições eu só tenho um dogma: não importa quem vem a seguir porque pior que os xuxas é IMPOSSÍVEL! Eu votava até no batatoon para correr com o bando que afundou este país. Votava a sério no batatoon, não hesitava um segundo…


    • Escusava de recorrer à hipocrisia “dos xuxas, etc., que nos vão continuar a governar se ganharem as eleições”. Quanto a gostos e comparações, pois se tem por dogma a preferência por relvas e marcos antónios, afinal quem sou eu para contrariar esses amores?! Que lhe façam muito bom proveito!

    • Artur says:

      Pode votar no Batatoon da Madeira.


  4. ó para eles a discutirem…. eh eh eh

  5. ibmartins says:

    Pois eu estou plenamente de acordo com o pacaremrodagem.
    Não sou gorda, não me pagam nada, nem agora nem nunca, mas vou fazer o que está ao meu alcançe para que a reforma na seg.social não volte para trás e prossiga, prossigam as apostas nas energias e no carro electrico, se continue a investir na escola pública, etc.
    E concordo também: PCP e BE vão ficar contentíssimos com um governo que imponha mais austeridade que a troika porque poderão fazer a única coisa que sabem: ir para a rua colher o descontentamento e fazer propostas bonitas. Para o crescimento destes partidos, quanto pior, melhor.


  6. Texto parvo de quem tem algo a esconder e que durante estes anos só fez porcaria. defender o PS é defender esta crise, esta máfia.

    • ibmartins says:

      Está mesmo convencido disso?
      Pensa que o simplex é uma porcaria? as novas oportunidades, o inov jovem, o investimento na ciência e nas exportações, tudo uma porcaria?
      Acredita também que foi o Sócrates que arrastou a Grécia e a Irlanda para o fmi, é ele o responsável pelo défice espanhol, belga, francês, inglês……… hum… suspeito mesmo que esteve envolvido na falência do lehman brothers

  7. anti xuxa says:

    Mas mais interessante ainda é que votar xuxa não afasta o psd do governo. Pelo contrário – a não ser que alguém ache que os xuxas vão ganhar com maioria absoluta (ninguém aqui acha isso, pois não?), a maioria relativa xuxa implica um governo de bloco central, eventualmente sem o passos, mas com todos estes supostos «tenebrosos» psdês que o autor do post quer afastar do poder. O voto xuxa não afasta o psd do poder. Votem xuxa e apanham na mesma com o psd :-), o socas é de confiança… Analisem bem a situação: o voto xuxa é a garantia de um governo de bloco central, portanto xuxas mais psd sem passos. A prioridade é correr com o ingenheiro catástrofe y sus muchachos.

    Também acho piada ao argumento de que a crise é europeia e tal… Terá obviamente uma componente internacional. mas ao contráro do que diz o ibmartins dos países todos da europa, afinal, só 3 é que foram obrigados a pedir ajuda: a irlanda por uma situação específica da sua banca, a grécia que vivia num forró e… portugal governado pela camarilha xuxa. De resto, que eu saiba, nem a espanha, nem a itália, nem a frança, nem a holanda nem a bélgica, nem a república checa, nem a eslováquia, nem a suécia, nem a islândia nem a finlândia nem a noruega nem chipre nem malta nem a croácia nem a roménia nem a hungria, nem a polónia nem a ucrânia nem a bulgária, uuuufff, nenhuns destes países, uns mais pobres e outros mais ricos que nós, nenhum deles, repito, e os mais que não cito, teve a necessidade de pedir ajuda ao fmi! Mas o portugal xuxa sim! Pois é, a crise é internacional mas só em três países bateu desta maneira. E um desses três foi portugal. Ah já sei a culpa foi da oposição que atirou abaixo o governo do ingenheiro…

  8. Nightwish says:

    Votar PS é garantir que o PS não volta à esquerda. É preciso fazê-los perder votos para a esquerda para os afastar do centro.
    90 mil milhões de razões para isso…