Afinal, quem é iletrado?

Diz o Diário de Notícias que a presidente da ANACOM traçou um retrato do país nestes termos: “Somos velhos, pobres e iliterados [sic].”

Estava a falar de quem?

Comments

  1. Ernesto Martins Vaz Ribeiro says:

    Cara Carla Romualdo.
    Provavelmente, por razões diferentes, partilho da opinião da presidente da ANACOM. O povo português é, na sua maioria velho pobre e iletrado.
    Velho porque a juventude é convidada por um irresponsável a deixar o País. Nos dois últimos anos saíram 500.000 portugueses, a grande maioria jovem e que de iletrada, nada tinha. A Europa agradece.
    Pobre, porque uma cambada de irresponsáveis, comandados pelo irresponsável mor que durante dez anos (não) exerceu o cargo de presidente, uma figura tétrica de quem a História falará, carregou consigo uma política de miséria e de benefício à banca e de submissão a uma Europa caduca.
    E para terminar, como classifica a Senhora um povo que dá duas maiorias absolutas a esse ser enquanto 1º Ministro e mais duas como Presidente da República, que tão mal diz dele, mas que acabou de eleger também com maioria absoluta um ser igual a ele, depois de uma maioria relativa a um governo que durante quatro anos anos depenou o País?
    Se calhar iletrado é um termo meigo a aplicar a este povo cuja maioria é manifestamente ignorante e masoquista.
    Cumprimentos.


    • Não é isso que está em causa, Ernesto Martins Vaz. A ironia está em usar um termo que não existe em português – “iliterado” – para rotular os outros de “iletrados”.

  2. Ernesto Martins Vaz Ribeiro says:

    Com toda a honestidade, a “calinada” da Presidente da ANACOM é de tal modo grosseira que não entendi.
    Tem toda a razão.