O trabalho mais chato do mundo é…

… o de Vigilante dos Exames Nacionais do 12.º Ano. Durante duas horas e meia, que nalguns casos podem ser três horas e meia, não se pode fazer rigorosamente nada. Nem ler, nem escrever, nem falar, nem olhar para o telemóvel. Nada.
Apenas, e só, olhar para os alunos que estão a fazer o exame. Sentados. Em pé. Andando de um lado para o outro a ver se os minutos passam mais depressa. De novo sentados. De novo em pé.
E quando um aluno pede que lhe cheguemos a sua garrafa de água (não a pode ter à sua beira porque podia fazer copianço no rótulo…), ou quando pede mais uma folha, é um momento tão emocionante que não queiram imaginar!

Comments

  1. maria monteiro says:

    Ricardo, mas que pasmaceira… essas horas deviam ser pagas a peso de ouro. Mas nem há uma mosca que possa matar?Li o post ao meu filho e ele confirma que é exactamente isso que os profs sentem… hoje no exame de FQ o prof até se entretinha a adivinhar quem estava quase a precisar de 2ª folha…

  2. Rita says:

    Eu na quarta fiz o exame de bio/geo e hoje de Fq, e em ambos os exames as professoras andavam de um lado para o outro, depois iam falando entre elas. Na sala ao lado tive conhecimento que durante as 2h30 apenas um das professoras vigilantes deu umas 5 voltas, o resto do tempo esteve sentada a rir-se e a cochichar com a colega, pelo que ouvi, houve até quem tivesse copiado.

  3. maria monteiro says:

    Pois é a posição de cada um perante as suas responsabilidades. Até podiam estar todo o tempo sentados mas não impedia que não custasse a passar o tempo…copiar num exame é enganar-se a si próprio…

  4. dalby says:

    Ai ai ai ai ai Maria Monteiro qu eme está a sair mais papista do que o Papa! Estou a ver que precisa mesmo de umas canções da Malhoa!! Eu acho muito bem os alunos copiarem, eu acho muito bem os professores falarem nos exames e estarem distraídos, eu acho muito bem que os funcionários não varram, e SABE PORQUÊ? PORQUE ISTO TUDO É UM TEATRO! ANDAM TODOS A FAZER DE CONTA!E já agora, um conselho, dêm 45 voltas à sala, assim poupam dinheiro em H’Clubs e podem até sentar-se e começar a sonhar com fantasias eróticas com os elementos do PODER EDUCATIVO, e verão que o tempo passa mais depressa: dou-lhe uma sugestão..por exemplo se a prova for muita longa pensar que se está na ilha Margueritta com o Valter Lemos, ele de fio dental vermelho com os tomates quase a sairem do pano, e com a sinistra em top less a dar-lhe com uma delas no nariz enquanto lhe segura o sumo com pola de cenoura…verão que desse modo a realidade da sala vos parecerá um paraíso! TENHO MAIS ALTERNATIVAS, E GRÁTIS SE PRECISAREM DE MIM!

  5. maria monteiro says:

    Não estou nada…

  6. dalby says:

    PAREM DE FALAR DE PROFESSORADO…QUE SECAAAAAAAA!! É UMA MATÉRIA TÃO CHATA, TÃO MESQUINHA, TÃO CINZENTA! E OS ALUNINHOS CHORAM, E OS PROFS ESTAO DISTRAÍDOS EM VEZ DE ESTAREM A VIGIAR, OU A MINISTRA DEU UM PU…OU A CONTAREM OS TOSTÕES OU A LAMBEREM AS FERIDAS…PARECEM AS PEDRAS PARIDEIRAS DE AROUCA!!AI DEUS DO CÉU E QUEREM VOCÊS SER COSMOPOLITAS! DASSSSS!! SÓ SE FOR NO OUTEIRO OU EM S.FELIX DA MARINHA! ESTOU FARTO NEM POSSO OUVIR, VER SENTIR CHEIRAR ESSE MUNDO ÔCRE!