10 razões para não votar PS

– A taxa de desemprego subiu de 6,8% em 2005 para 9,3% em 2009;
– A dívida pública subiu de 62% do PIB em 2005 para 70,7% em 2009;
– O défice do Estado subiu de 5,2% do PIB em 2005 para mais de 6% em 2009;
– O endividamento das famílias subiu de 118% do rendimento disponível em 2005 para 135% em 2008;
– O IVA subiu de 19% em 2005 para 21% em 2006 e 20% em 2009.
– O número de portugueses com médico de família biaxou 11,3% entre 2005 e 2009;
– O rendimento por habitante é em 2009 o segundo pior da Zona Euro.
– Os Bancos continuam a pagar impostos mais baixos do que a generalidade das empresas.
– As competências adquiridas pelos alunos do ensino básico e secundário baixaram drasticamente de 2005 para 2009, bem como a permissividade e o facilitismo.
– Os professores do ensino básico e secundário continuam sem ser avaliados.
Também publicado no Do Contra.

Comments

  1. dalby says:

    Concordo somente sobre o não votar, mas tao pouco no PSD!!!Mas para mim simbolicamente bastava uma+uma: O PM E A ME! Quanto aos profs’ a questão que o status quo coloca é ridícula e hipócrita: eles sempre foram avaliados. ERAM OS CD’S QUE DESPACHAVAM TUDO, RELATÓRIOS DE EXERCICIO E TUDO O MAIS para não terem trabalho de não os verificar e pedirem explicações!!. O ordenado que têm, o stress a que se submetem, e a arte que eles «vendem» é de per si a retribuição e avaliação já mais que justa como avaliação. Ensinar é uma arte, não encher chouriços! E medir isto é ridículo.. Vão avaliar um pintor?? Não! Ou vende ou não vende c’est tout! E há alguns que foram considerados malditos, não venderam, e, posteriormente , a história consagrou-os mestres!A mania da avaliação tem um nome e razão únicas= NÃO QUEREREM PAGAR MAIS as progressões.SÓ, SÓ, SÓ , SO ISTO. O RESTO É PURA PURA E PUTA DEMAGOGIA! Devem começar pelos alunos, pelos funcionários, pelas secretarias, pelas Drens, pelos pais, pelos Cºexecutivos, pelos governos A AVALIAÇÃO! E depois disso, sim, vão ter com as pobres criaturas e analisem como os pobres profs estão ainda!!..Mas parece que já alguém aqui engoliu e assumiu a «culpa» que este governo tanto instigou! (e que parece que o Zé Frei também promove, parece-me que tu Zé tens algo contra os funcionários públicos!!Pois eu até acho que são uns herois, mediante os exemplos que vem do ALTO!!! E quem avalia a Ministra e o PM? Não me digam que vão responder..«NAS ELEIÇÕES??!!» Aahhhh como vocês são todos tão generosamente cristãos!! E pensam que ao não voltar a votar que os vão punir??!! Que os «derrotados» vão ficar tristinhos, desempregados, pobres, aflitos???!!Tipo Aznar, Bush, e por aí fora, os nacionais… POIS para alguns é mesmo um favor que lhes fazem! São perversos e já «ganharam» o que queriam! Perguntem para onde vai agora a Ministra, a Directora Regional etc etc e os outros que fizeram sofrer tanta mas tanta gente e famílias de profs…Para a prisão?? Ah não!!!… para o bem-bom, em Lisboa ou noutro local onde haja serviços e ministérios de «recompensa»!!!!

  2. Ricardo Santos Pinto says:

    Claro que os professores devem ser avaliados, para distinguir os bons dos que não prestam. Pessoalmente, sinto-me prejudicado por não existir uma avaliação a sério que reconheça o mérito. É algo que desmotiva – tanto faz trabalhar como não trabalhar que se ganha o mesmo. E como digo no «post», este Ministério, em quatro anos de maioria absoluta, não conseguiu avaliar os professores.

  3. dalby says:

    Isso excluiria também pintores, escultores, pedreiros, sucateiros, vendedores de shopping, empregados de mesa e de café e por aí fora, que não fossem suficientemente bons para o desempenho. Aí teríamos o Amirável Mundo Novo ariano que Hitler suou tanto para nos dar: ou seja, essa mentalidade mercantilista-puritana aplicada ao ensino, como se este fosse uma cornucópia, faria com que só houvessem bons professores, bons pedreiros, bons pintores, ou seja duas raças, ou seja, TUDO O QUE ESTE GOVERNO SE ESFORÇOU PARA QUE TODOS NÓS NOS TORNÁSSEMOS. PEFEITOS!!! E Diz o caro aventor: Ah mas é para premiar os melhores: Ok então vamos lá a ver ou somos todos BONS ou o sistema pára pois não haverá vendedores de bilhete de metro que chegue, nem médicos que cheguem nem padeiros que cheguem de «BOM»!!!..Tás a ver a cena meu??!! OU SEJA, OU SOMOS TODOS ‘BONS’ NUMA SOCIEDADE HIPER PERFEITA (como a que te candidatas!)OU DEITAMOS FORA O PESSOAL, OU SEJA, OU OS FETOS NASCEM PERFEITOS OU VAI TUDO PARA O LIXO: TU ÉS O PERFEITO HERDEIRO DO CONCEITO DE AVALIAÇÃO QUE A MINISTRA QUIS. Eu não tenho nenhum complexo em dizê-lo pois considero-me , nos parâmetros que eles querem (teóricos) «PERFEITO!!!», mas são os motivos pelos quais eles querem que me preocupa, e tu, provavelmente sem querer, pensando que estás com uma «atitude» muito justa, equilibrada, sólida e inteligente, não estás mais do que a ser «corda para o barco deles»…E estás dentro do que eles querem para ti..Aliás ‘manjas’ tudo o que te impingiram, até o «jogo» dos concursos…Com o qual vibras e vais ver tipo LOTTO “!!!Vai demorar até envelheceres um pouco mais para perceberes que «entre eles e tu» não está a haver a distância que pensas existir. DE TODO! A tua noção de «os melhores dos que não prestam» É DUPLAMENTE PERIGOSA. Se há alguém a quem o PM e a ME apanhou, esse, é tão óbvio como a água ser cristalina, foste tu!!!. TU NÃO TENS NADA QUE LHES PROVAR A ELES. É A TI MESMO que tens de provar!Ou estás a dizer que queres o reconhecimento dos outros??Também eles, também eu, também todos..por isso..escolhe..escolhe..um ou dois ou todos ou só tu!!! A tua noção de ‘BOM’ pode ser diferente da minha, como o é em tantas coisas…Por exemplo, na música..só que na música eu posso chamar «excremento» ao que tu ouves, e tu às minhas músicas..Daí nada advém..mas no resto do teu comentário entre «bons e os que não prestam» a história já é outra.P.S-CONSELHO: CARO AVENTAR, ESFORCE-SE AINDA MAIS!!!.Aind anão é suficientemente ‘BOM! PROVAVELMENTE O SISTEMA UM DESTES DIAS CONSIDERE QUE O SEU TRABALHO É RECONHECIDO, OU ENTÃO, QUE NÃO PRESTA! E AÍ QUE FAZ? CONTINUA A DIZER QUE ‘ELES’ SÃO UMA BOSTA? Pois claro!!!! Os blogues estão cá para isso!!!If you know what I mean!!!!Seu colega de blog «para deitar fora» dalby 2009.If you know what I mean!

  4. Ricardo Santos Pinto says:

    Sim, o ideal seria que todos os professores fossem bons. Os que não fossem teriam de ser ajudados a ser bons e teriam de lhes ser dadas várias oportunidades para isso. Se mesmo assim não quisessem, teriam de dar lugar a outros. Só não quer ser avaliado quem não quer trabalhar, quem não quer fazer nada. Por que é que eu hei-de progredir da mesma forma que outro que não se esforça minimamente?Não sou só eu que concordo que os professores devem ser avaliados. Os sindicatos e os Partidos todos também concordam. E todos os professores que não têm medo da avaliação também concordam. O que diverge é o modelo a aplicar. E é isso que esta Ministra e este Governo não sabem, qual o modelo a aplicar. Inventaram uma coisa que não lembra ao Diabo e que só existe no Chile, herdado de Pinochet, e que se baseia num Estatuto da Carreira Docente com uma divisão completamente absurda, única no mundo.Nada tenho a provar a essa senhora, é verdade. Mas tenho a provar aos meus alunos, e são os meus alunos que me preocupam quando se deparam com um professor INCOMPETENTE que não quer fazer nada. Isso é que me incomoda e é por causa desses que faz todo o sentido existir um sistema de avaliação. Não se trata de buscar a perfeição, que não existe, trata-se de procurar fazer melhor, de ajudar os professores a serem melhores para que os alunos possam beneficiar dessas melhorias. E no final, sim, distinguir os melhores dos que não são tão bons.«Manjas’ tudo o que te impingiram, até o «jogo» dos concursos…Com o qual vibras e vais ver tipo LOTTO». Ui, que vibração? O que devia fazer em tua opinião? Recusar-me a concorrer e ficar desempregado? Não ir ver as listas e deixar de planear a minha vida. Não tenho a sorte de estar efectivo numa escola e não precisar de concorrer. Quanto às outras profissões, é exactamente isso que acontece. Também são avaliados, embora de outra forma. Os pintores e os escultores, por exemplo, são avaliados no momento em que vendem as suas obras, bem como todos os outros funcionários que trabalham para alguém.

  5. dalby says:

    Caro aventar: não sei porquê mas acho que a sua opinião remete-me imediatamente, mas 100% imediatamente, ao Dr Mundinho da Saudosa «Gabriela Cravo e Canela» versus o Coronel: um representa o Status Quo dos mais velhos, estabelecidos, e outro, o Dr Mundinho, que veio para tomar conta do BEMBOM da cidade, das netas do coronel, das posses do coronel..O Dr Mundinho era giro, com posses, bem vestido e vinha determinado com posses , atitude e alguma inteligência…mas cheio de partículas!!!. Só que esqueceu que o Coronel já lá estava, e tinha o PODER herdado na mão. Quando o querido aventar diz «Não tenho a sorte de estar efectivo numa escola e não precisar de concorrer» faz-me remeter e colar um pensamento inequivocamente claro e cristalino como a água, ao seu pensamento original: «A QUALIDADE, OH LÁ-LÁ..»!!! A «SUA» QUALIDADE, E VOILÁ, EIS MAIS UMA DAS FUSELAGENS JÁ NO SEU CORPO INCORPORADA ( e isto é uma aliteração propositada!): O SENHOR é a avaliação dos seus alunos, como diz?? Ou seja, ou gosta deles e eles de si ou algo vai correr mal?… Isto não se pode aplicar aos médicos, aos políticos pois não, queridissimo aventador???!!Ou pode? Pode você ser sublime e excêntrico e uma «FONTE de SABER» e não ser o tal «bom» que para si deve ser um tipo de óculos numa tempestade solar de 140 milhões de km a mover-se tão depressa e a preencher tudo e para todos..a cumprir tuuudddo…Lembra-me o ambicioso amigo JP, que dá tanto na radiação que ele mesmo se torna num desafio em evolução, mas cheio de incertezas e em potenciais tempestades solares de hidrogénio com materias mais leves do que a água!!! Ou seja, a sua remissão cósmica e os efeitos nefastos da radiação da sua ideia sobre «EXCELÊNCIA, e do não fazer nada», parecem-me , e desculpe-me a sinceridade, mas muito básica, e cheia de sobrecarga, e temo que vá pagar/passar caro num futuro próximo… ah esses raios cósmicos de luz. Eu uso escudo eletrostático de campo de forças para afastar a radiação solar e o amigo??Mesmo no anel?? Ora há dias que os docentes , em vez de dar aulas, deveriam era ir saudavelmente até ao mar..e assim como outras profissões. O que Vossa Excelência quer dizer com o «trabalhar muito, e esse acelerador sub-atómico de zimens até atingir a velocidade da luz e dos raios cósmicos» é o que a a SRA MINISTRA, ex profª, e a Sra Directora, EX Sindicalª e Ex Profª do 1º ciclo-préprimário querem é o que você está a dizer. No espaço profundo você é um tripulante que faz perigar a meta da democracia. O que eu depreendo nos meus raciocinios ultra radiação É QUE O QUE VOCÊ QUER É QUE OS QUE JÁ ESTÃO E CITANDO O ZE-FREI, «QUE JA TÊM OS MALDITOS DIREITOS ADQUIRIDOS» LHE DÊEM UM TEOR DE HIDROGÉNEO MUITO BOM, OU SEJA, QUE VOCÊ MOSTRE SURPREENDENTEMENTE QUE É MELHOR, E QUE O MOSTRE E QUE «ESSES» FRAGMENTOS DE DETRITOS POSSAM MOSTRAR ALGUMA DESCOMPRESSÃO! OLHE QUE O RISCO É ENORME! ESSES QUE NADA «FAZEM», NA SUA TEORIA SUBLIME, sejam afastados para você entrar no sistema e ficar ali, qual Dr Mundinho, com um composium altamente eficaz, VAI DEPOIS TAMBÉM SOBRAR PARA SI, NUM MERGULHO DE PROFUNDIDADE.Mas queridissima «criança», VOCÊ tem graça, MESMO ANTES DE PERDER A CONSCIÊNCIA E ANTES DAS BOLHAS LHE CHEGAREM AO CÉREBRO, É QUE MEU CARO AMIGO, MEU QUERIDISSIMO COMPANHEIRO DE BLOG,antes de si, já de lá vimos…Ou seja, você prepara-se para aterrar na Lua, mas nós, já estamos em Marte.Por isso, sinto muito, mas volte mais tarde.dalby 2009, do campo magnético que protege a Terra de campos magnéticos circundantes.

  6. Ricardo Santos Pinto says:

    Vejo que agora me tratas por você e usas as ironias próprias de quem não tem argumentos. Pois bem. Da minha parte, fim de conversa.

  7. maria monteiro says:

    Independentemente do que o futuro lhes reserve, de todas as razões que existam para votar (ou não) neste ou naquele partido, apenas refiro que … os professores devem ter a capacidade de transformar a sala de aula num ambiente agradável, atraente onde os alunos passem da condição de espectadores passivos para se tornarem os actores da sua própria educação. Os professores devem ser capazes de incutir nos seus alunos a arte de pensar antes de reagir, a cidadania, a solidariedade, a esperança, a dignidade,… apesar dos governos, da sociedade… colocarem a educação e os professores numa das suas ultimas prioridades…. Paz

  8. dalby says:

    Quanto ao sargumentos nem comento, e aliás que estou aqui com as palavras medidas e controladas como no TEMPO do FASCISMO…Não tem sequer comentário possível a fazer..isto é ridiculo!!, quanto ao final da conversa, ela já tinha sido decretada há muito e por mim, daí o meu ‘você’, pois eu a conversa directa ‘contigo’ já há muito qeu não a queria e vi que não a podia continuar ter..NEM PENSE QUE OS SEUS ARGUMENTOS SAO ‘SUPERIORES’ AOS MEUS..SO MESMO NA SUA CABEÇA! JÁ DISSE e repito que PARA DITADOR BASTA ME O SOCRATES! AQUI ANDA TUDO DENTRO DO LIMITE QUE VOCE LHE IMPOE E ISSO NAO É NEM SÉRIO NEM RAZOAVEL..NEM ME INTERESSA MAIS….VOC~E NÃO É NEM ´SERIO NEM RAZOÁVEL NEM HONESTO NEM COERENTE AO FALAR DA LIBERDADE DOS OUTROS ! NUNCA!LEVE VOCÊ O GOLO!maria, desculpe mas está a ser aqui muito lirica, não concordo nada consigo AQUI!

  9. maria monteiro says:

    Sei que estava a ser lírica… e, porque não somos espectadores passivos da realidade, não precisa de me pedir desculpa… : -)