Um piloto do mundo?

Miguel Gaspar, jornalista do Público, cujas crónicas, aliás, são muito do meu agrado, escreveu ontem:

Há a sensação de que ninguém está a pilotar o mundo em plena crise financeira global.

Não me agrada nada a ideia de haver alguém a «pilotar o mundo»… Nem China, nem EUA, nem outros.

Não confiamos nos nossos «pilotos»… quanto mais confiar num piloto do mundo!

Parece que não temos outro remédio.

Mas talvez a crise venha mostrar que não é possível ter «alguém» a pilotar o mundo, mas que «cada um» de nós, cada país, terá que depender e exigir mais de si que dos outros.

Comments


  1. Há alguém a pilotar o mundo, claro.
    O problema é não sabermos quem… ou, se calhar, sabemos…

  2. Amadeu says:

    Pois é, isso de pilotar o mundo cheira a atributo divino, que se existisse certamente se teria esquecido de renovar a licença.

  3. maria celeste ramos says:

    Pilotar pilotam senão o mundo não estaria tão “igual” e quanto a saber quem, não dá a cara mas há os que já sabemos que são “mensageiros “quem são” com linguagem mais directa ou sincopada e/ou ocultada – Não chamemos parvos a todos por mais que eu própria seja, mas sendo vítimas pensa-se em culpados – Estão a falar mais uma vez na espionagem política do PCP de que falou Zita Seabra – pois como disse anteriormente há os pilotos mundiais e “regionais” e lá se vai sabendo quem e como e onde e quando – quanto mais se souber melhor mesmo a pior da notícia – embora “alguém em voz off” diga que é pura mentira e ignorância – ai ai – tudo boas notícias e ainda bem que se vai sabendo – Fitch acha suficiente o resgate de 100 mil milhões de euros a espanha – Funcionários públicos de Madrid criaram um ritmo todos os dias desde 11 de julho em e continuarão contra o corte de salários e outros e que se está a fazer grandes fortunas – E que não vão parar por tempo indeterminado – Por mim acho bem já que podem e assim decidiram, e bem – Tem de dar resultado e toda a europa beneficiará – ao menos isso – Bem, vamos ver se os Maias tinham razão – Até 2014 – e para já assim parece pelo menos desde 2008 pois que as previsões dão certo e nada de bom se adivinha ainda – a agonia moral da europa e do mundo – e que nos atingem diariamente – não é preciso acreditar em bruxos – bem já há esperança para a canoagem e vela e o português Ersenie nadou bem em águas livres – Usain Bolt diz que Ronaldo é o melhor do planeta e não Messi – Rosa Mota aposta em Blake e não em Bolt por não gostar das “fitas” dele – hoje são as semi finais da ginástica feminina artística – não se pode perder aquela destreza e beleza – Bolt escreveu história olimpica – Nelson Évora lesionado é campeão na bancada – etc

  4. Frederico Mendes Paula says:

    Há muito tempo que o mundo é pilotado pela mesma gente.


  5. O Miguel Gaspar faz parte das Pessoas – e ainda são muitas – de muita qualidade que o Publico tem.

    E o que ele diz, e no contexto mundial, trata-se de: não haver uma unica pessoa que saiba pilotar o Mundo,mas este pilotar não se trata de ser ditador, não procurando um Hitler, mas muitos / alguns….capazes e consensuais.,…………. e ja nem Obama, nem este!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Não existe sem ditadura!!!!! um unico!!!!!!


  6. Cabe aos mais jovens sem pretenderaem mordomias, fazerem diferente………………..melhor……claro……..e os mais velhos…..que não tenham sido do sistema…..ajudarem, mas de retaguarda, como seniores, nunca impondo……sugeringo….tudo o que por l´´a anda……………pode sair………………e não voltar.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.