Proposta para rescisões dos Professores

O Ministério da Educação fez chegar aos sindicatos uma proposta (pdf) para regulamentar as rescisões, por mútuo acordo, 161020132715com Professores.

Confesso que o estado de alma da classe é um bom terreno para este tipo de propostas, que, há uns anos, seriam impensáveis. O MEC assume que os Professores do 1º ciclo, da área das Expressões e os Educadores de Infância são os que estão a mais e até lhes oferece mais que aos outros.

Para poderem aceder a este acordo os professores têm que ter menos de 60 anos e não podem estar, formalmente, à espera da aposentação. Para quem tem menos de 50 anos o Patrão oferece 1,25 meses por cada ano e um mês para quem está na década dos 50. Para os grupos de professores em excesso a proposta é aumentada em 0,25 (para os mais novos 1,50 e para os mais velhos 1,25).

E agora imagino o que vai na cabeça de alguns:

– vou para o segundo ano sem colocação, a Mobilidade Especial apesar de adiada continua por aí… Será que devo aproveitar esta oportunidade?

Não tenho resposta, mas até dia 31 de janeiro os eventuais interessados têm que se chegar à frente.

Comments


  1. È triste que só alguns portugueses tenham direito a empregos criados forçadamente para captar votos e depois ainda direito benesses que a maioria nem de perto. Mas quem lê os isentos comentadores fica com a ideia de uma sanha contra a educação. Será que estamos a falar do mesmo assunto?.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.