A sério que há quem acredite nisto?


loucura

À beira de cavalheiros como aqueles que seguram esta bizarra faixa, os profetas da desgraça que por cá temos são autênticos meninos de coro. Existirem pessoas mentalmente sãs que acreditam que Vladimir Putin e Donald Trump podem fazer do mundo um lugar melhor, é extraordinariamente mais assustador do que a possibilidade de Trump chegar à Casa Branca, considerando que Putin ficará no Kremlin enquanto lhe apetecer e lhe for possível manter o poder. Não quero imaginar o que será viver num mundo em que as duas maiores potências militares são governadas por estes tipos. Não é que Hillary Clinton me inspire grande confiança. Mas entre uma potencial má presidente e um lunático, a escolha torna-se fácil. Resta saber se o mundo está a salvo de pessoas que acreditam em barbaridades como esta. Para maluquinhos já nos chegam os fanáticos religiosos.

Foto: Vittorio Zunino Celotto@Expresso

Comments

  1. Nuno Mateus says:

    Provavelmente, há. E não é difícil perceber porquê. Aqui está uma reflexão que talvez o ajude a decifrar o enigma do que está realmente em causa nas actuais eleições americanas:
    http://www.globalresearch.ca/what-is-at-stake-in-the-us-presidential-election/5553274?utm_campaign=magnet&utm_source=article_page&utm_medium=related_articles

    • É um ponto de vista interessante e faz sentido. Mas, se formos por aí, importa recordar que até Obama foi apoiado financeiramente pelos oligarcas referidos pelo Paul Craig Roberts. Honestamente, não acredito que Hillary jogará uma cartada tão arriscada contra o Kremlin. Mas não sei o que pode vir de um tipo como o Trump que já afirmou, abertamente, ter intenção de confiscar petróleo iraquiano para pagar os custos que os EUA tiveram a invadir o país. Nenhum inspira confiança mas Hillary sempre é mais previsível.

      • a previsibilidade de Hillary Clinton é assustadora. ela foi uma das grandes promotoras da “democratização” da Líbia… com os resultados que bem conhecemos

      • Nuno Mateus says:

        Precisamente, a Hillary está a ser apoiada pelos mesmos que apoiaram Obama, e antes de Obama o Bush Jr. e antes deste o Bill Clinton, que começou a actual política de guerra destes doidos, de disseminação do caos como forma de impor o seu domínio imperial, com a destruição da Jugoslávia. O Bush foi a continuação do Clinton, mas em pior, invadiu e destruiu, dois países. O Obama por sua vez também contnuou a política do Bush, mas em pior: destruiu, ou está a tentar destruir quatro países (Líbia, Yemen, Ucrânia, que entretantou enxameou de nazis, e Síria), enquanto dava um bocadinho mais de gás à guerra sem fim do Afeganistão e se entretinha com execuções extrajudiciais – com drones, para não sujar as mãozinhas – semanais de alguns pobres diabo, em África e no Paquistão, por exemplo. O ciclo começado com um Clinton, fecha-se agora com outro. A Hillary é previsível?É só fazer as contas, para perceber o nível de guerra e destruição que esta mulher nos está a preparar e já anunciou aliás a intenção de promover.

        • Ricardo Ferreira Pinto says:

          Não se está a esquecer do Bush Pai? E do Reagan?

          • Nuno Mateus says:

            Claro que não. Esses também foram piores que maus. Mas pertencem a outro capítulo ( ou melhor, sub-capítulo – da história: a primeira guerra do Iraque não fui conduzida com o intuito, como agora se diz, eufemisticamente, de “mudar o regime” (o Sadam continuou no poder, como se sabe, só levou um puxão de orelhas.) isto agora é que é a valer. A ideia dos doidos é arrasar o Irão, a Rússia e a China. O Trum não passa dum proto-fascistazeco, mas ao pé desta gente, até parece sensato…

  2. Amigo João
    Creio que a faixa pretende aludir ao posicionamento de Trump sobre o conflito EUA-Rússia. Diz o empresário que, se for eleito, irá trabalhar junto com os russos para acabar com o terrorismo, encetando uma política de diálogo e não de enfrentamento, como anda a fazer a Clinton. Não faço ideia da eventual verdade que possa existir nesta conversa. É provável que seja apenas espuma eleitoral….

    • Pode ser. E também pode ser verdade. Mas isso não dá grandes garantias de estabilidade para o resto do planeta, não acha? Continuo a preferir o mal menor, sempre é mais previsível.

  3. Não é mal menor nenhum.
    Gostam tanto da HC que mesmo assim contra o Trump ( até já está atrás). Com todo o tipo de trafulhices… mesmo assim está a ver-se à rasca contra o PIOR candidato de sempre.
    Para ver a qualidade da peça.

  4. A.Silva says:

    João Mendes, às vezes acredito que tu até tens lucidez e discernimento para perceber o mundo, pelo menos aquele que nos rodeia, o nosso pequeno canteiro à beira-mar plantado, mas agora quando leio pérolas como; “Hillary Clinton (…) uma potencial má presidente”… uma potencial má presidente????

    Não a Killary Clinton não é uma potencial má presidente, é uma criminosa que se prepara para chegar à presidência dos EUA, tal como o foi obama, bush(s) e o marido dela.

    Acreditar que a politica criminosa do império se deve a um(a) má(u) presidente é alinhar no discurso do sistema capitalista, que nos quer fazer crer que estamos num pais em que existe alguma réstia de democracia.

    Não João Mendes, nos EUA vai ganhar aquele que os donos do império querem, só precisam de escolher entre estes dois criminosos candidatos, qual aquele que mais jeito dá aos seus interesses.

    É claro que o império quando chega a fazes terminais, pode tomar decisões completamente loucas e catastróficas para a humanidade, que receio que seja o que se está a passar.

  5. Hélder P. says:

    E.U.A, uma democracia avançada onde 300 milhões de pessoas vão escolher entre duas pessoas que a maioria não gosta e não gozam de simpatias populares para governar o país.

    Só mesmo uma candidata fraquíssima como a Clinton é que ainda está taco a taco com o lunático do Trump. Não se pode fazer uma repescagem ao Bernie Sanders?

  6. Sim Hélder. O bernie ganhava por 15 pontos logo de rajada ao trump.
    A Hillary é horrível.

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s