O espetador e os adetos

When a clerk says how much something costs, I try to understand the price (so far I cannot) before handing over a bill I’ve already calculated to be more than enough… Unfortunately, the phrase book is meant for Portugal, not Brazil… and I think that might turn out to be a major problem.

Richard W. Schmidt & Sylvia N. Frota (1986)

***

Os adetos? Exactamente, «adeto por adepto». Efectivamente, hoje, no jornal da irresponsável resistência silenciosa. Quanto ao espetador, lembremos as excelentes traduções de “relief pither” e de “designated pither” (entre 14:09 e 15:19).

Obrigado, Noémia.

os-adetos-e-o-espetador

Comments

  1. António Chagas says:

    … para não falar do evidente erro de cálculo (31119 + 1 = … 31220 ??) E assim, de degrau em degrau, abraçaremos a iliteracia, o inumerismo, e a proficiência futebolística.

  2. Paulo Só says:

    A língua é importante demais para ser entregue a linguistas. Na realidade a reforma já é fruto da iliteracia dos governantes. Eu deixei de saber como escrever. Acho que a solução é mudar de língua escrita. Falar português ainda posso.

  3. João Silva says:

    São jornalistas inetos…

Trackbacks


  1. […] silenciosa e irresponsavelmente.  Efectivamente: silenciosa e irresponsavelmente. Aparentemente, silenciosa e irresponsavelmente? Não! Efectivamente! Efectivamente, silenciosa e […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.