Fica para a próxima, Michelito!

Tal como se previa, o toureiro mexicano Michelito, de 11 anos, foi impedido de actuar na quinta-feira no Campo Pequeno e ontem em Portalegre. Uma queixa da Animal ao Ministério Público, à Autoridade para as Condições do Trabalho e à Comissão de Protecção e Crianças e Jovens de Lisboa acabou por dar os seus frutos e acabou por ser esta última instituição a proibir o jovem de entrar na arena. Entretanto, já foi anulada a participação de Michelito nas restantes 10 touradas em que iria estar presente.
Já falei aqui de touradas, relativizando o sofrimento dos touros em relação aos animais que, por exemplo, servem para a nossa alimentação. Ou os animais utilizados para experiências científicas. Ou os animais do circo. Ou os animais utilizados pela indústria das peles e dos cosméticos.
Nada que desculpe, obviamente, um espectáculo que, em pleno século XX, só poderia sobreviver mesmo num país de terceiro mundo. E neste caso concreto, estamos a falar de uma criança que tem 11 anos e cuja formação está a passar por espetar farpas em animais.
Quando estive a acompanhar, entre 2006 e 2007, por motivos profissionais, o Grupo de Forcados Amadores de Vila Franca de Xira, vi que nos treinos, eles colocavam à frente das vacas crianças com 4 ou 5 anos. Sempre a ajudá-las, claro, amparando-as, ficando a segurá-las – e eram animais de treino. Mas não deixavam de ser crianças de 4 ou 5 anos!
A partir daí, já nada me espanta.

Comments

  1. Luis Moreira says:

    O mais interessante é que as mentes bem pensantes não consideram os casos destas crianças, exploração infantil.Como aqui “escorre” muito já não há exploração. Hipocrezia!

  2. maria monteiro says:

    Inventa-se o “menino-prodígio” que vai crescendo sem nunca ter sido menino e quanto ao prodígio pois esse de tão fabricado facilmente se torna efémero. E porque “escorre “muito ou poderá vir a “escorrer” os parques infantis das nossas crianças foram substituídos por… salas de espectáculo

  3. dalby says:

    EU EM RELAÇÃO ÀS CRIANÇAS NÃO SEI…ACHO QUE NÃO concordo também….MAS EM RELAÇÃO ÀS TOURADAS E AO ESTACIONAMENTO dos carros em passeios etc etc..É MELHOR ESTAR CALADO…!!! SENÃO NO DIA DO JANTAR AINDA ME CANDIDATO A VER UMA AÇORDA DE MARISCO A IR PELOS ARES EM DIRECÇÃO A MIM!!!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.