Um piqueno problema…

… Chamado coerência!

Miguel Vale de Almeida, via Um Homem das cidades

Aqui pelo Porto há quem use expressões do tipo “Coluna vertical”, “tomates no sítio”. Quando alguém tem a capacidade de recusar um tacho a troco da sua dignidade.
Há outros provérbios do tipo “Cão que não conhece o dono”.

Mas, tudo isto é nada a troco de tudo, não é?

Sabemos todos que os partidos são um problema, quase sempre mais parte deste do que da solução. Sabemos todos que ninguém está preso a nada, nem a ninguém.
Mas, o que leva um fundador do BE a mostrar surpresa pelo partido que ajudou a fundar, manter a linha de rumo por si “construída” e nunca criticada?

Comments

  1. Carlos Santos says:

    Este é um comentário (recusado) ao post original da crisálida amordaçada Miguel Vale Almeida no Jugular, entretanto já borboleta finalmente nascida livre nos Jardins do Largo do Rato- e agora conhecida por Miguel PS Almeida.Se o quiserem postar no Aventar, façam favor … Que bela IDEIA

  2. Luis Moreira says:

    Carlos Santos faça favor, aqui não se recusam coisas boas. O Miguel já começou a pagar o lugarzinho…

Deixar uma resposta