Pobre demagogia / Rica ignorância

O PS está de cabeça perdida e promete coisas rídiculas todos os dias. Agora, depois de ter aumentado todos os impostos, vem dizer que os ricos podem pagar mais impostos. Poder podem, mas na verdade de pouco serve. Nas mais valias e nos rendimentos de capital onde a taxação tem margem, teríamos uma fuga para países mais atractivos. Nos rendimentos de trabalho já pagam 42% não se vê bem por onde é que se aumenta.

Mas há saídas que o PS conhece muito bem mas que nunca aceitou. Levantar o segredo bancário para saber se a bota dá com a perdigota. Taxar o consumo de bens de luxo e saber se os sinais exteriores de riqueza condizem com os rendimentos declarados.

Não permitir que a mesma pessoa receba uma pensão do Estado, por velhice ou invalidez e,ao mesmo tempo, o mesmo Estado pagar-lhe um vencimento chorudo numa qualquer empresa pública nossa, muito nossa. Não permitir que quem está reformado receba milhares de euros por mês muito mais que a maioria dos trabalhadores portugueses, que trabalham no duro.

Não distribuir subsídios a agricultores que vivem em Cascais e não fazer contratos ruinosos para o Estado com a Liscont da Motta/Engil do Sr. Jorge Coelho e entregar obras e compra de bens sem concurso público, entregando-os de mão beijada aos amigos, como se viu agora com os 40 milhões de contos em projectos para as escolas.

Antes de querer mais dinheiro para esbanjar é necessário saber gastar com critério e ter imaginação e conhecimentos que o levem a perceber que os ricos que ganham dinheiro por criar riqueza e postos de trabalho são bem vindos.

Os amigos que vivem à nossa conta à mesa do orçamento, esses é que deviam ser taxados!

A 100%!