Faz hoje 70 Anos:

Quando o Supremo Comandante das Forças aliadas (Estados Unidos, Grã-Bretanha, França, etc.), General Dwight D. Eisenhower encontrou as vítimas dos campos de concentração, ordenou que fosse feito o maior número possível de fotografias. O motivo:

‘Que se tenha o máximo de documentação – façam filmes – gravem testemunhos – porque, em algum momento ao longo da história, algum idiota se vai erguer e dirá que isto nunca aconteceu’.

Entretanto, o Reino Unido removeu o Holocausto dos seus currículos escolares porque ‘ofendia’ a população muçulmana, que afirma que o Holocausto nunca aconteceu…
holocausto 3
holocausto 1

holocausto 2

 

 

(recebido por mail)

Comments

  1. Carla Romualdo says:

    É o “politicamente correcto” aplicado à História. Em algum momento não haverá nada a estudar porque todos os temas incomodarão algum grupo de cidadãos. E assim, esquecendo e branqueando os erros do passado, lá nos condenaremos a repeti-los.

  2. Luis Moreira says:

    Belo texto, é a memória que nos indica o caminho, que nos controla, que nos faz melhores.

  3. dalby-o-calmo says:

    Fernando…em pouco tempo, e espero já não estar vivo para presenciar, veremos uma NOVA DITADURA, DESTA DA JUVENTUDE, tudo o que não for fashion, jovem, belo ou nos dîtames será lixo..o lixo da e que é a beautiful people deste país , e não só, já a estão a construir pouco a pouco com a burrice e falta de inteligência que os caracteriza..gente abjecta mas que juntamente com outros com inteligência, mas perversa, vão montando a peça… e repara no publico escolar e na juventude em geral..DIZEM QUE O MELHOR DO PAÍS E DO MUNDO É A JUVENTUDE..POIS É..só que falam de um conceito milenar e NÃO DESTA FORNADA POS MODERNA ROTA E DESFEITA EM CONSUMO que estão a tornar-se nos verdadeiros MONSTROS DA MODERNIDADE…Desculpem mas tenho uma visão muito mas muit pessimista da merda em que a juventude se torna..obviamente que nem todos são assim mas são muitos a garnde massa é horrivel..dalby


  4. […] propósito disto: Faz hoje 70 anos. Hoje também faz 70 anos que o Reino Unido e a França declararam guerra à Alemanha Nazi. A […]

  5. Ricardo says:

    Welcome to the desert of the real – Matrix e Morangos com acuçar…

  6. Ricardo says:

    Não raro, vou de carro e vejo muitas vezes o que vai à minha frente deitar o papelinho pela janela. Vou na rua e vejo frequentemente o cigarrinho ir para o chão com uma facilidade assustadora. Estamos na sociedade do “vale tudo”. Isto tem consequências futuras, aguentem-se. Sem cinísmos e relativísmos culturais, há de facto algumas sociedades muito atrasadas. Uma coisa que a sociedade ocidental ainda vai tendo de bom, é a liberdade de expressão. Podemos caricaturar o pápa que nada nos acontece – isso é maravilhoso.

  7. dalby-o-calmo says:

    NAO CHEGA…NAS ESCOLAS E NA DREN NÃO S E PODE CARICATURAR À VONTADE NEM DIZER ‘AH O TIPO É MESMO MARCA FDP!’! O ULTIMO a fazê-lo, MESMO COM ALGUM PODER, FOI PARA A RUA! O CHARRUA!

  8. Ricardo says:

    Repare, se eu chamar FDP ao meu patrão, provavelmente vou para a rua. Isso é falta de liberdade de expressão? Não estou a dizer que não se pode chamar FDP, digamos ao PM, em qualquer situação – os professores têm o direito a fazê-lo. A liberdade de expressão é um dos principais valores da nossa sociedade. Mas, em nome da liberdade de expressão, não devo caluniar outro pelas suas costas – não estou a dizer que tenha sido o caso do Charrua. Só estou a dar um exemplo. E eu aposto que muita gente chama FDP ao PM, professores, funcionários da DREN e outros e nada lhes acontece e ainda bem. Uma vez mais, o caso Charrua aproveitou e muito bem aos partidos da oposição.

  9. dalby-o-calmo says:

    o seu discurso até parece ter sido «alugado» do sócrates, tudo serve à oposição..e o que esta deveria fazer? Analisar a qualidade do tecido do casaco made in Beverley Hills I’m SO FUCKING SOCIALIST WORRIED WITH THE POOR PEOPLE AND THE SICK»??!! TALVEZ..e você não seja «mansinho», sabe muito bem o que quero dizer com o chamar a alguém FDP, você se o seu chefe lhe apalpar o cu e você não gostar pode -lhe chamar isso e muito mais e não pode, nem deve nem tem de ir para a rua….o mesmo com os portugueses…e de nada lhes valeu..ao Hitler haveria alemães que o chamariam em casa, de portas fechadas..mas eu digo o espírito reinante..uma vez que o Socrates soube que o Charrua lhe disse que ele era ou estava a ser fdp com os portugueses, foi para a rua..o problema é o sintomático e metafórico disso, se deixassem SOCRATES GOVERNAR isto estaria entregue ao nacional socialismo pos moderno…Ele arruinou a classe media baixa fez mais pobres dos remediados e aniquilou velhos qual rendimento extra…INTOCAVEL MESMO FOI A MAE MULTINACIONAL E O GRANDE E VIL PODER ECONOMICO…ele quer ficar na história mas NÓS NÃO DEIXÁMOS…O CASACO B HILLS FÊ-LO ESQUECER QUE SEM NÓS, SEM OS PORTUGAS HÁ CASACO B HILLS MAS NÃO HAVERÁ LUGAR PARA ELE NEM NA SOCIEDADE NEM NA POLITICA NEM NA HISTÓRIA…

  10. Ricardo says:

    Ainda dizem que não há liberdade. Eu só vejo toda a gente (entenda-se comunicação social) a fodere (no mau sentido da palavra) o homine por todos os lados…

  11. Ricardo Santos Pinto says:

    Ó Ricardo, alguém ouvir um colega que diz numa conversa privada que alguém é filho da puta e ir a correr contar ao patrão? Achas isso bem? Isso era no tempo da PIDe, em que havia os bufos. Isso era no tempo da Ditadura. Este teu comentário, peço-te desculpa, é profundamente lamentável.

  12. Ricardo says:

    Não sou obrigado a brilhar em todos os comentários.

  13. Ricardo Santos Pinto says:

    A questão não é essa, Ricardo. A questão é que achas mesmo que, em Portugal, ninguém pode falar livremente. Seja numa esquina, num café ou no emprego, não pode dizer a um amigo o que lhe vai na alma. Ou se o disser, deve olhar para todos os lados para ver se alguém o está a ouvir.

  14. Ricardo says:

    Voltei. Não me ofenda por favor. Meu nome é Ricardo Jorge Gomes Afonso. Minha morada é Rua Fernão Lopes nº 14 1ºesq 2780-107 Oeiras e quero que o Isaltino vá para a prisa. Vou votar em Isabel Meireles, uma mulher que eu considero muito inteligente. Neste momento, estou a ver o expresso de meia noite na sic notícias e cada vez mais gosto do Sócrates.

  15. Ricardo Santos Pinto says:

    Eu não te ofendi, Ricardo. Tu é que disseste que achavas natural que aguém que chamou filho da puta ao patrão tivesse sido despedido. Não preciso dos teus dados para nada. Basta saber que és o Ricardo, leitor do Aventar.Gostas de corruptos, ok, o problema é teu. Mas corruptos a nível nacional, porque o de Oeiras queres que vá preso.

  16. Luis Moreira says:

    Ricardo, aqui no Aventar, ninguem pode ofender quem quer que seja mas pode dizer tudo. E quanto ao voto cada um sabe de si. Um abraço amigo.

  17. Luis Moreira says:

    Ricardo, aqui no Aventar, ninguem pode ofender quem quer que seja mas pode dizer tudo. E quanto ao voto cada um sabe de si. Um abraço amigo.

  18. Ricardo says:

    Ricardo SP, essa conversa sobre quem é corrupto e quem não é, é conversa de chacha. Voce não percebeu nada do que eu disse. Passo a clarificar. Eu disse que tudo tem limites, até a liberdade. Preciso de explicar por A + B porquê?

  19. Ricardo Santos Pinto says:

    Eu percebi, Ricardo, mas não concordo. Se uma conversa privada não se enquadra dentro daquio a que chamamos liberdade, então que liberdade é que nós temos?eu numa conversa privada com um amigo posso dizer tudo o que quiser sobre o primeiro-ministro. Tudo! Ou devia poder, num país democrático.Dou-te outro exemplo para perceberes o meu ponto de vista: um aluno não pode chamar-me filho da puta. No entanto, no recreio, em conversa com um colega, tem todo o direito de dizer: «O prof. de História é um filho da puta». Achas que, se eu ouvi-lo dizer isso no recreio, tenho algum direito de fazer seja o que for? Ou se alguém me vier contar que ele andava a dizer no recreio a um colega que eu era um filho da puta? Acho que não.

  20. dalby-o-calmo says:

    Bem, meninos, chegou a hora do recreio, não vale a pena bater MAIS no ceguinho, por isso..intervalo para publicidade:PROF.DR DALBY R DALBY: ESPECIALIDADE EM VOCABULÁRIO GROSSEIRO. FDP E CARALHO DAS MELHORES PROCEDÊNCIAS. TEMOS SEMPRE UMA SOLUÇÃO PARA SI, PARA OS AMIGOS E INIMIGOS. VISITE-NOS E CONSULTE-NOS. TELEF. 666777333444555, AO SEU DISPORDALBY-O-EDUCADO

  21. Ricardo says:

    Aprecio mais esse tom. É que se voce se dá ao direito de ingerir na minha cabeça, eu posso fazer o mesmo a seguir. Em relação à estória do filho da puta. Usemos a metáfora futebolística. Imagine que se confirma que um dos jogadores do balneário, em conversa privada com um colega, chama filho da puta ao treinador. Não terá a direcção de dar-lhe um pontapé no culo? Uma equipa de futebol requer estabilidade e união de equipa. Sim, pode e deve haver conflito, pois o conflito é fonte de criação. Mas estou a falar de um conflito saudavel e não de facilitismos destrutivos. Numa equipa de futebol, um jogador que chame ao treinador filho da puta tem mesmo é de ser despedido. Mas como é apenas uma equipa de futebol não se pode falar em cortar a liberdade. O mesmo pode acontecer numa empresa, saber-se que um colaborador chamou nas costas filho da puta ao patrão e por tal ir para o olho da rua. E isto só acontece porque o patrão lhe apalpou o culo? Que raio de música é essa? Conversa privada fala voce. Eu em conversa privado poderia acusá-lo de ser pedófilo, violador ladrão ou qualquer outra coisa – a chamada cobarde e nojenta calúnia quase comparável a matar alguem durante o sono. Até numa conversa privada a liberdade tem limites. O limite que me impede de espetar uma faca nas costas de outro quando o outro está de costas voltadas. Voce é professor. O que é que voce acha (porque este é um assunto do meu interesse) do 319/91 e do 3/2008?Em relação ao Luís Moreira, inteiramente de acordo. Abraço cordial.Só respondo a comentários inteligentes, com sentido e substância. Os outros…Esta troca de ideias considero-a extremamente saudável desde que fora da pessoalização e ofensa.

  22. dalby-o-calmo says:

    oH Ricardo, por mim, e pela 1ª vez, não me apetece responder..pode levar a taça até lhe dou papel salofane para a embrulhar, mas eu estou sem paciência….Abraço e bom fim de semana..e abraço ao seu amigo Sócrates, um beijo à Lurdes e um xi coração BEM APERTADO, MESMO BEM apertado, ao supositório-electrónico-falante Patrocinio-LIXOseu, dalby,respeitosamente…(a fazer uma salva com a mão ao estilo medieval etc etc saindo de cena de costas sempre a vir para trás… e fecha o palco)..PONTO!

  23. Ricardo Santos Pinto says:

    Continuo sem saber onde é que te ofendi. Se te ofendi, peço desculpa. Certamente te lembras do teu primeiro comentário neste blogue e da forma como te dirigiste a mim por causa do Benfica. Se te tratei educadamente após esse comentário, por que razão haveria agora de te faltar ao respeito?Continuamos na mesma. Não me passa pela cabeça que um jogador de futebol seja despedido por dizer, numa conversa privada, que o treinador é um filho da puta. Tem todo o direito de o dizer, até porque todos sabemos que, quando se está a chamar filho da puta a alguém, não se está propriamente a insultar a mãe do outro. Isso de confundir palavrões com calúnias, como chamar pedófilo ou violador a alguém, não faz sentido nem tem nada a ver com o que se está a discutir.No caso concreto, o inenarrável processo disciplinar do professor Charrua teve como consequência o arquivamento. E lembro-me das palavras da ministra, dizendo que não se podia pôr em causa a liberdade individual e a liberdade de expressão.Continuo a dizer que, para ti, a liberdade de expressão tem limites mesmo no caso de essa liberdade de expressão estar a ser exercida com o teu melhor amigo, com a tua namorada ou esposa, com a tua família. No tempo da Ditadura, os filhos denunciavam os pais, os bufos denunciavam os amigos. Apesar das tentativas do “engenheiro” Sócrates, ainda não voltámos a esse tempo.Abraços.

  24. Ricardo says:

    Registo a sua capacidade em defender as suas ideias. E olhe que se eu não o picasse voce ficaria mesmo a perder. Quero uma resposta.

  25. Ricardo says:

    Ricardo SP. Intuir “intenções retóricas” em relação ao futebol vs “dizer que sou apoiante de falta de liberdade de expressão” é um pouco diferente vamos ser honestos. Se voce se sentiu nas entranhas ofendido com a questão das intenções retóricas da mesma forma que eu quanto a sua acusão, peço imensa desculpa. Se na altura ataquei o seu caracter, peço imensa desculpa. Em relação às fronteiras da liberdade expressão deixo aos leitores para lerem os nossos argumentos e tirarem as suas conclusões. Não há mais nada a acrescentar em relação a isso excepto o registo da sua ultima que diz que ” Não me passa pela cabeça que um jogador de futebol seja despedido por dizer, numa conversa privada, que o treinador é um filho da puta.” Acha? Mas olhe que perdeu um pormenor. Numa conversa privada de balneário, entre colegas. Continua a achar o mesmo? Continuo a queres saber a sua opinião, como professor que é, do 319/91 e do 3/2008.Acredito que se vai informar, fico à espera.

  26. dalby-o-calmo says:

    O Ricardo, A sério… hoje não..estou com uma ressaca gigante e o passeio de bicicleta que iria fazer do Furadouro-Ovar até S jacinto e passando, claro no meu delicious TORRAO DO LAMEIRO foi-se por água abaixo…olhe, então você vai pôr a sua morada de Oeiras aqui?? Você não está bom…olhe que ainda lhe aparece aí alguém em nosso nome AVENTAR e ainda lhe contam um conto e lhe levam dinheiro..tem de ter cuidado, Ricardo..e olhe, onde andou todo o tempo em que não participou nos nossos debates? Andava em festas com o Sócrates, Cância Maria de Jesus i Palli, e com a Patrocinio??!! Olhe que se você se der com a Patrocinio eu bato-lhe com uma palmatória do tempo da escola fascista!! Você é professor de que área?dalby abraço

  27. dalby-o-calmo says:

    Vou começar a escrever a nova história da grande tragédia grega «Ricardo Meets Ricardo SP»!!!..uma longa história , imitação de paulinho das feiras-cds versus o irmão candidato europeu aos copos-BE.!..uma longa e terna história entre irmãos de sangue…muita lágrima e sangue,suor e gritos no bolhão… mas que se reencontram depois de anos, através do programa «-Cância-desconsoldada, PONTO DE ENCONTRO»…RICARDO OEIRAS E RICARDO RIO TINTO, a fúria de viver! NOS CINEMAS, PERTO DE SI, BREVEMENTE…Oh RicardoOeiras, mas tem de admitir que o nosso grande R’SP RIO TINTO tem muita pinta em se defender, muito másculo, viril, cavalheiro, com nível, e bem argumentativo, bem diferente do estilo «SENTINELA-soldado raso», de moi não acha?? Eu tenho muito orgulho no meu filho Ricardo Sa PInto!dalby-o-daddy (Polar Bear!!!)

  28. Ricardo Santos Pinto says:

    «Numa conversa privada de balneário, entre colegas». Numa conversa privada de balneário, entre colegas – não perdi pormenor nenhum. Numa comversa privada no balneário, entre colegas, um jogador tem todo o direito a dizer o que quiser. É a chamada liberdade de expressão. Quanto ao resto, não preciso de me informar. O 319 já foi abolido, o 3/08 é uma forma de poupar dinheiro, como quase tudo o que foi feito na Educação nos últimos anos.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.