Rendimento mínimo exige trabalho mínimo

Completamente de acordo com Rui Rio. Há muito trabalho social para fazer, desde acompanhar idosos, até fazer limpezas nas ruas, nas florestas, nos jardins, ajudar nas secretarias das escolas, hospitais, museus, creches, juntas de freguesia…

Conforme as habilitações de cada um, perto de casa, de manhã ou de tarde, há toda uma capacidade que deve ser aproveitada e em que todos ganham, incluindo o próprio. Ter uma actividade dá ritmo, torna a pessoa responsável, retira-a dos cafés, do jogo e da sornice…

E, claro, coloca essa pessoa bem posicionada para encontrar trabalho logo que surja uma oportunidade. As ideias simples são as grandes ideias, as que criam soluções para os problemas do dia a dia.

Comments

  1. oleh says:

    Sou completamente de acordo, quem recebe uma prestação social, como o Rendimento minimo deve retribuir à sociedade, 2 a 6 hrs dias de acordo com as habilitações de cada um, em prole da comunidade é um dever ou melhor uma obrigação.

  2. maria monteiro says:

    o mais importante é mesmo saber partilhar… aprendi que tem muito pouco a ver com a estratégia de voluntariado que tantos apregoam

  3. maria monteiro says:

    meus caros como estão enganados… as instituições não querem voluntários, querem é dinheiro vivo

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.