Azar é Furar o Pneu do Carro e Não Ter Sobressalente

“De repente, levantou-se da cadeira e saiu apressado. Antes, pegou discretamente os gravadores dos jornalistas da SÁBADO e meteu-os nos bolsos das calças.”

ps: agora chama-se “tomar posse“.

(agradeço ao Abnóxio a divina e católica inspiração que ilumina os meus dias)

Comments

  1. Luis Moreira says:

    Este gajo é que dava um bom revisor…

  2. Pedro says:

    O homem acabou a frase mas os gravadores já não captaram as últimas palavras: “os tribunais não me acusam… mas agora vão acusar, vou gamar os gravadores e levá-los como prova aos tribunais. Ou sim, ou sopas!”

  3. Nuno Castelo-Branco says:

    Fabuloso, mostra bem ao que chegámos! “Viva” a república….

  4. Frederico Mendes Paula says:

    É verdade Luís, o gajo tem um ar de trafulha, de vendedor de banha da cobra. E é engraçado como o Assis veio logo defendê-lo dizendo que compreende muito bem a sua atitude. Isto não é política. São mafias sem princípios.


  5. São as obediências maçónicas em funcionamento.
    Nada mais claro. Quais associações secretas de malfeitores!
    Com pulhíticos destes…, quem precisa de ladrões?
    Chamem a polícia!

Trackbacks


  1. […] This post was mentioned on Twitter by Blogue Aventar. Blogue Aventar said: Azar é Furar o Pneu do Carro e Não Ter Sobressalente: (agradeço ao Abnóxio a divina e católica inspiração que ilu… http://bit.ly/cw5xcU […]

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.