Um Durão enlameado

durao

Foto: Reuters

O Comité de Ética da União Europeia concluiu que Durão Barroso não violou as “regras de integridade” ao ir para a Goldman Sachs, terá sido somente insensato…

“Totalmente inaceitável” tinham sido as palavras de Martin Schulz, presidente do Parlamento Europeu, mas pelos visto íntegro, segundo os critérios da comissão de ética.

De que nos servem estas regras rasteiras???  A provedora de justiça da UE, Emily O’Reilly, anunciou agora estar a considerar novas medidas, incluindo uma investigação sobre o caso, mas enfim…

Só da vergonha é que já não se safa, este servil adorador do deus mamon.

Comments

  1. anónimo says:

    O Comité de Ética avaliou as regras de integridade de um “pedaço de mª”.
    Portanto chegou à conclusão inevitável:
    Que esta “mª” é estável e coerente, há muitos anos, e que a “mª” não pode violar as regras éticas, simplesmente por ser o que é, e sempre foi.
    Mas não explicou como é que um “pedaço de mª” pode chegar a presidente da Comissão Europeia.
    Pela positiva, deste episódio resulta que os povos Europeus puderam tirar mais um retrato muito esclarecedor do valor desta UE e dos seus comités.

  2. anónimo says:

    Enlameado já o Durão estava, e vai enlameando tudo por onde passa.
    Agora foi a Comissão Europeia.

  3. Rui Silva says:

    Se Durão Barroso fosse alemão, amiguinho da Merkel, já não havia problema nenhum, mas como é português …

    Rui SIlva

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.