Cheira a bloco central

Ao apresentar as suas propostas sobre a avaliação dos professores o PSD deixou cair a suspensão da aplicação do modelo em vigor.

No mínimo estranho. A avaliação que ainda decorre além de patética varia conforme as escolas e a interpretação que os seus directores fazem das leis. Acabará na pior das hipóteses a entupir tribunais administrativos.

A não aprovação das propostas no sentido da suspensão, como ponto de partida para um novo modelo, seria um mau prenúncio, entre promessas eleitorais e realidade parlamentar. Para os lados do PSD parece que a lição está mal estudada. Ainda chumbam.

Comments


  1. Sim, mas os que cumpriram não podem sair prejudicados .Esse tem que ser o ponto de onde parte o resto. A não ser assim todos perdem a face.