Quem quer ser milionário

Afinal, basta recolher donativos em festas e jantares do partido.

Em apenas quatro dias foram feitos 105 depósitos, todos em notas, de montantes sempre inferiores a 12.500 euros, quantia a partir da qual era obrigatória a comunicação às autoridades de combate à corrupção.

O engraçado nisto é haver quem pretenda acreditar que é por se fazerem leis que as coisas mudam.

Comments

  1. Mas eu não sou grego como o ONAzis? says:

    Aqui arranjam-se ligas de amigos
    Há um de antigo cine-teatro para abusadores de menores
    Que já deu 8 milhões e se chover neste inverno dá mais 2
    neste inverno não choveu…
    para deitar paredes abaixo noutra liga de amigos usaram escavadoras…

  2. maria celeste ramos says:

    Afinal há muitos ricos e ricaços e dinheiro, não é ??

  3. edgar says:

    O Blasfémias insurge-se contra o financiamento do Estado aos partidos políticos. Tomei a liberdade de deixar lá o link para este post. Pode ser que façam as contas e reparem que 12.500X105=1.312.500 euros de “financiamento” privado a um só partido do chamado “arco do poder”.
    Por que será que se auto intitulam partidos do arco do poder?

  4. Jose Cruz says:

    Estava ca em dizer que esses “velhacos” eram “comunistas”…, mas afinal parece que nao… Quer dizer, eles dizem que “nao sao”…, mas eu (e o Jorge) “temos a certeza” que sao comunas…, so podem ser…!!!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.