A homossexualidade trata-se?

Colocar esta pergunta é mais indecoroso para alguns do que o sofrimento de pessoas que se querem tratar. Há pessoas que se sentem mal com o facto de serem, ou pensarem ser, homossexuais. Este estado é, sem dúvida nenhuma, uma doença. Ter uma doença é ter algo que impede a pessoa de se sentir bem consigo própria, de ser feliz. Estar doente não é a ausência de doença, no sentido médico do termo. Por isso se diz que há doentes e não doenças! Há uma média de suícidios entre os jovens homosexuais muito superior aos restantes jovens.
Perante este facto e este sofrimento, há quem defenda que não devem ser tratados nem procurarem um médico. Porquê? Porque a homossexualidade não é uma doença! Se não é uma doença (pelo menos para alguns), porque é que os jovens se suícidam? Porque não têm auto-estima, sentem um sentimento de rejeição, sentem vergonha, enfim, não são felizes.
Há por aí uma discussão entre médicos por causa deste assunto. Daniel Sampaio e a Ana Matos Pires da Jugular criticam ferozmente dois seus colegas que tratam quem os procura por se sentiram doentes. Paulo Jorge Vieira do «5 Dias» também vai no mesmo sentido.
É essa a obrigação dos médicos, tratar quem os procura. Mas o que me parece é que na opinião do Daniel Sampaio, da Ana Matos Pires e do Paulo Jorge Vieira, conta mais o preconceito de que a homossexualidade é algo de muito natural. Para muitas pessoas, não é! E tanto não é que há homossexuais que procuram os médicos para serem tratados da sua homossexualidade!

Comments

  1. miguel dias says:

    pela tua lógica, um tipo que esteja a atravessar uma depressão reactiva (porque lhe morreu alguém porque está desempregado ou não consegue pagar as dívidas, possuir uma doença incorrável, etc.) a cura seria rescuscitar o morto, arranjar emprego, pagar as dívidas e tratar a doença incurável. a psiquiatrias e as psicoterapias, por muito mágicas que sejam, não podem como é óbvio intervir em nenhuma destas causas, quando muito ajudam-nos conviver com elas, e a ultrapassá-las. Ora o homosexual que está em sofrimento, não é “tratado” para “curar” a sua homossexualidade mas para aprender a viver com ela, da mesma forma que o viúvo, o desempregado ou desesperado, o que são planos completamente distintos.

  2. João Paulo says:

    Meu caro aventor, este texto é ofensivo! Parece-me de uma grotesca simplicidade que vai beber na mais pura ignorância!Tenho pena que este post tenha sido publicado no Aventar.Creio que há por aí muita confusão, nomeadamente, imensa homofobia!JP

  3. miguel dias says:

    já agora luís outro argumento.um tipo(a) é homossexual. acha que está doente, vai ao psi e pede que o curem. o psi diz-le sim senhor vamos a isso. já viste o que isto significa? o agravamento ainda maior do sofrimento precisamente porque vê confirmada a “doença”, sendo certo que não há cura.se é verdade que haverá pessoas que por muita terapia terão sempre dificuldade em lidar com a sua sexualidade, homo ou hetero, a maior parte sofre porque não consegue lidar com ela e é nisto e só nisto que o terapeuta deve intervir. seres homofóbico é um direito que te assiste – desde que não faças mal a ninguém. mas deixa-me dizer te que como todas as fobias essa tem cura. A homossexualidade é que não, precisamente porque não é doença.

  4. Adalberto Mar says:

    EU NEM COMENTO O QUE ALI ESTÁ ESCRITO ACIMA, NEM QUERO SABER QUEM O ESCREVEU! UMA COISA É CERTA: QUEM GOSTA DE BOM SEXO JAMAIS MAS JAMAIS NUNCA NA PUTA DA VIDA VAI AO PSIQUIATRA! SÓ VAI AO PSIQUIATRA QUEM NÃO ARRANJA, OU QUEM DESESPERADAMENTE ESTÁ AFLITO POR QUERER E NÃO SABER COMO TER! O RESTO ATÉ ME DÁ VONTADE DE RIR! MAS RIR DESPREGADAMENTE…E QUE CARALHO TEM OS GAJOS A FAZER NO PSIQUIATRA PARA TRATAR DA HOMOSSEXUALIDADE?? SÓ SE O PSIQUIATRA FOR BOM COMO O MILHO OU SE A PSIQUIATRA ADORAR HORAS EXTRAS, COM GAJAS…ISTO É DE RIR..EU ACHO É QUE QUEM ESCREVE QUE A HOMOSSEXUALIDADE É CURÁVEL DEVIA ENTRAR E JÁ NO MAGALHÃES LEMOS….DUMA COISA POSSO JÁ DIZER: NÃO PERCEBE NADA DE NADA. SALVÉ RAINHA MAE MISERICORDIA!!ANDA TUDO LOUCO..SÓ ME FALTAVA MAIS ESTA..ALGUÉM VIR DIZER DO QUE É QUE EU DEVERIA METER NA BOCA pela minha saude! dalby


  5. Caro Luís, nem sei que lhe diga. Se era para abrir a polémica e suscitar comentários indignados, está bom. Se é mesmo assim que pensa, paciência. “Há pessoas que se sentem mal com o facto de serem, ou pensarem ser, homossexuais”. Pois há. E eu sinto-me mal por não ser rico. E há muitos homossexuais que não se sentem mal. “Há uma média de suicídios entre os jovens homossexuais muito superior aos restantes jovens”. Talvez haja. Também há uma parte significativa de sociedade que os olha de lado ou como estranhos, como aqueles que acham que ser homossexual é doença. E pior que “a doença” é a segregação, de familiares e de amigos, por exemplo. Há homossexuais que não têm “auto-estima, sentem um sentimento de rejeição, sentem vergonha, enfim, não são felizes”? Claro que há, também conheço alguns heterossexuais que são assim.“É essa a obrigação dos médicos, tratar quem os procura”? Sim, claro. Mas há coisas que não precisam de ser tratadas. E muito menos com medicamentos.

  6. miguel dias says:

    A DE ALBERTO, FODA-SE, DESLIGA A MERDA DO CAPS LOCK QUE AQUI NINGUÉM É CEGO.

  7. Adalberto Mar says:

    PARECE QUE É PARA TODOS E O LUIS OUVIR…ELE ANDA CEGO..SERÁ QUE O GAJO VIVE NESTE MUNDO??? SERÁ QUE OUVI BEM O QUE ELE QUIS DIZER???SERÁ QUE ELE VIVE NA TERRA?? ESTE GAJO SAI À RUA, VAI AO MERCADO, ENTRA NA PAGINA http://WWW.BEARWWW.COM E SABE DO QUE SE TRATA A VIDA? SERÁ QUE O GAJO NÃO ESTÁ CONGELADO? SERÁ QUE ALGUÉM EM NOVO NA TROPA NUNCA LHE DEU UMA INJECÇÃO?? SERÁ QUE OUI BEM?? É SÓ PARA ME CERTIFICAR ANTES DE COMEÇAR A DESTRUIR ISTO TUDO…!!! SERÁ QUE ELE EXISTE?? E TU DEIXA-TE DE MARIQUICES DAS MAIÚSCULAS E DE MINUSCULAS..ISSO É TRETA DE MARIKICES..SÃO PANELEIRICES QUE A MIM NÃO ME DIZZEM NADA..ISTO ANDA TUDO É A PRECISAR DE SUPOSITÓRIOS DOS VERDADEIROS CARALHOOOOOO!!!!

  8. Luis Moreira says:

    Meus amigos, já descuti isto tudo com muita gente e ali na Jugular então, foi um fartote.Nada do que dizem tem a ver com o que escrevi.O que eu digo é que se um homossexual se sente doente com a sua orientação sexual deve procurar ajuda médica( geral,psiquiátrica,psicológica etc).Estou a dizer que os homossexuais têm todos os direitos, incluindo o de se tratarem da sua homossexualidade se se sentirem doentes com ela. E há homossexuais que são doentes por serem homossexuais, como se vê pelo que dizem os médicos que são procurados nas suas clínicas.Não neguem esse direito a quem se sente doente e não me chamem homofóbico porque não sou! E outra coisa aqui no aventar não há temas tabus!Repito:não há doenças!Há doentes!

  9. Adalberto Mar says:

    Une petite question..oh Luisinho, SERÁ QUE É NORMAL TU QUERERES POR EXEMPLO, ENFIAR A PIÇA PELO CU ACIMA DUMA GAJA, SE ELA POR EXEMPLO TEM CONA?? PORQUÊ METER A PIÇA PELO CU SE ELA TEM CONA AMIGO??!!!BEM ..OH QUERIDO SÓ PERGUNTEI POR PERGUNTAR??!! HÁ QUEM ACHE NORMAL, MAS OUTROS, MAIS RELIGIOSOS NÃO! E POR EXEMPLO, METERES A LÍNGUA NA CONA DE UMA MULHER ACHAS ISSO NORMAL, OU NAO SERÁ MELHOR PEDIRES A UM PSIQUIATRA SE NÃO ESTARÁS DOENTE? OU QUE ALGUÉM MIJE EM TI? SERÁ QUE NÃO É MELHOR AVISARES A POLÍCIA PARA QUE TOME CONTA DO SUCEDIDO…..?? SE ESTE TIPO DE COMENTÁRIOS SEXUAIS ACIMA CONTINUARAM NESTE BLOG SAIO EU SAIO, E JÁ! E SAIO COM A SENSAÇÃO DE QUE ME «SUJEI» COM ALGO REPELENTE E NOJENTO, EXECRÁVEL E REPELENTE! PARA BOM ENTENDEDOR MEIA PALAVRA BASTA!DALBY

  10. Adalberto Mar says:

    TODOS OS QUE GOSTAM DE CONA VERDADEIRAMENTE TODOS OS QUE ADORAM MULHERES SÃO AQUELES QUE NUNCA MAS NUNCA TÊM PROBLEMAS COM AS OUTRAS SEXUALIDADES, SEJAM ELES CAMIONISTAS OU ESTRELAS DE CINEMA. SÃO OS ABUSADOS EM CRIANÇA, SÃOS OS FRUSTRADOS, SÂO OS SUBLIMADOS, SÃO OS ENCORNADOS, SÃOS OS QUE ESTÃO DE MAL COM A SEXUALIDADE DELES, SÃO OS QUE SÃO IMPOTENTES, SÃO OS GAYS QUE NÃO CONSEGUEM ASSUMIR E GOSTAR DA SUA PRÓPRIA SEXUALIDADE OS VERDADEIROS HOMOFÓBICOS…O RESTO É TRETA..ESTA É A VERDADEIRA VERDADE SUPREMA E SOBRETUDO É A REAL! DOUTORAMENTO FEITO SOBRE O ASSUNTO COM 1 ANO E MEIO DE DEZENAS DE ENTREVISTAS! CIENTÍFICO!APOSTO QUE NÃO É O CASO D E NENHUM DAQUI POR ISSO MELHOR FECHAR-SE O ASSUNTO E JÁ! SE ABRO A BOCA CAUSO ESTRAGOS..E ISTO NÃO É UMA AMEAÇA, É UM AVISO

  11. Luis Moreira says:

    Os meus caros, estão a ter uma atitude que eu não esperava.Estão a negar o direito de um homossexual,infeliz com a sua orientação sexual, de procurar ajuda médica.Sabem porquê? Porque mais importante do que a infelicidade de uma pessoa está o preconceito de que ser homossexual é o passaporte para a felicidade.Não é, há de tudo!Só temos que respeitar os direitos das pessoas e os meus amigos não estão a fazê-lo!Se um homosssexual é infeliz nessa condição,é uma pessoa doente e tem direito a ajuda médica se a procurar.É o que está em discussão nada mais.Um homossexual tem direito a ajuda médica se a procurar.Ninguem lhe pode negar esse direito com o argumento de que não tem doença nenhuma.Isso só ele sabe!

  12. Adalberto Mar says:

    A HOMOSSEXUALIDADE NÃO É DOENÇA. NASCE-SE COM OU SEM, ATÉ MESMO QUEM PENSA NÃO SER, NA PRISÃO PODE TORNAR-SE! PORQUE A SEXUALIDADE E O DESEJO SÃO INERENTES AO SER HUMANO. E HÁ HOMENS QUE GOSTAM DE MULHERES E DE HOMENS..QUE FAZEM? VÃO AO PSIQUIATRA TAMBÉM OU JOGAM À CABRA CEGA ANA INA NÃO SAPATINHO DE VELUDO E MEIINHA DE LÃO??!! NÃO NÃO E NÃO! ELES NÃO VÃO POR ISSO, TÊM DE IR PELO FACTO DE TEREM MEDO, MEDO, E O MEDO É ALGO FORTE E NADA A RECEAR DE PATOLÓGICO…SEM MEDO NÃO TERIA HAVIDO CIVILIZAÇÃO!A ANA CLAÚDIA NUNCA MAIS TE VAI QUERER CONHECER!


  13. Gostava de ver esse doutoramento, Adalberto. Pela amostra daqui do Aventar, deve ser só conas para cá, conas para lá, piças para cá, piças para lá.Ah, e outra coisa: em termos de sexo, que ninguém se atreva a ter uma opinião diferente da tua. É um ser execrável e repelente!A propósito: também não concordo com o Luís Moreira. Nem o Miguel. Nem o João Paulo. Nem o José. O comentário do João Paulo, por exemplo, está excelente. E não precisa de escrever palavrões para vincar a sua posição.

  14. Adalberto Mar says:

    EU SEI ESCREVER «FINO E DOCE» QUANDO É PRECISO, COMO O SABES..mas sei explicar e expressar muitíssimo bem uma linguagem «especial» quando a isso sou obrigado! O CARALHO E A CONA é um termo altamente valorativo e poético. Não sejas por isso «coninhas» e me venhas ditar «as leis das artes das boas maneiras». O meu doutoramento é público..basta ires ao google e verás o link para o mestrado e o doutoramento.

  15. Luis Moreira says:

    Em lado nenhum digo que é doença.O adalberto em vez de estar a gritar devia com cuidado ler o que escrevo .O que eu digo é que uma pessoa que “não aceita a sua homossexualidade” é uma pessoa doente.Não tem nada a ver com o que escreveram nos vossos comentários .Nada a ver com o que escrevi!A Organização Mundial de Saúde caracteriza uma pessoa como saudável, não na ausência de doença, mas na falta de condições que essa pessoa sente para poder realizar-se na sua plenitude enquanto ser humano.E isso tambem é assim para os homossexuais!Reagiram de uma forma primária! Outra vez!Um homossexual desconforme com a sua sexualidade é um homem doente e como tal deve ser tratado se assim o desejar!É um direito pessoal, intransmissivel e garantido na Constituição e só ao próprio diz respeito! Nenhum de vós lhe pode tirar esse direito!Ou ficam incomodados por alguem procurar ajuda?

  16. Adalberto Mar says:

    Além de tudo, e nisto não sou nada ABSOLUTAMENTE NADA, RIGOROSAMENTE NADA, nadaaaaa NADA MESMO, NADA COM PACIÊNCIA AO OUVIR COISAS ALARVES E EXECRÁVEIS. A UM POBRE CAMPONÊS COMPREENDO ALGUMAS TESES E ATITUDES E ATÉ LHES ACHO GRAÇA, mas a seres ditos «bem pensantes não suporto» É O PIRO DA MINHA CULTURA LATINA E LUSÓFONA, A BURRICE NOI SEU ESTADO NATURAL! EU JÁ VI OS ELEFANTES POR ISSO QUANDO OUÇO A TENTATIVA DE UMA FORMIGA A QUERER DIZER « EU SEI» APeTECE-ME ESMAGA-LA! e pior..detesto os que dizem «ah eu sou tolerante» ..mas quem é que quer o caralho da tolerãncia??!!…SÓ OS POLÍTICOS PSEUDO-MODERNOS E PAROLOS COMO O SÓCRATES FALAM DISSO: A ‘TOLERÃNCIA’ IMPLICA QUE ALGUÉM ESTEJA NUM PLANO SUPERIOR e TOLERE ALGUÉM QUE ESTÁ CÁ EM BAIXO…E MERDA! NÃO VOU FALAR MAIS DISTO..COMO SE COSTUMA DIZER..O CARRO NÃO ANDA À FRENTE DOS BOIS! E ELES..QUE JÁ SÃO GRANDINHOS, QUE APRENDAM!!..QUE VIAJEM..E QUE SAIAM MAIS DOS BLOGUES E VIVAM..VIVAM VIVAM..CLARO..SE PUDEREM! SE PUDEREM VIAJAR, POR EXEMPLO! JA ME IRRITARAM! ADEUS!

  17. Luis Moreira says:

    Isto não tem nada a ver com tolerância.Nada!isto tem a ver com direitos de cidadãos, que numa democracia são iguais para todos.Se um homossexual precisa de ir a um médico por causa da sua orientação sexual tem todo o direito a ir.Não podes impedi-lo, só porque do alto da tua sapiência achas que ele não tem doença nenhuma.Não tens esse direito!Ninguem tem esse direito de lhe negar ajuda!Se ele se sente doente deve ie a um médico!Vocês estão a falar de outras coisas mas eu não estou para aí virado!


  18. […] de Maio de 2009 por Paulo Jorge Vieira Ja recebi 20 emails a pedir um comentário! Claro que este texto confuso (no mínimo) terá resposta. Mas hoje eu quero namorar com o meu ‘gajo’. […]

  19. Luis Moreira says:

    Escrever sabes mas não sabes ler e muito menos compreender o que escrevi.Não está lá nada do que dizes!Zero!

  20. Luis Moreira says:

    Nenhum leu o que escrevi.Nenhum passa da discussão primária “és homofóbico” eu não.Não é nada disso.O que lá esta escrito ( e o que escrevo é defendido por médicos e pelo dirigente da Ordem dos Médicos da especialidade de Psiquiatria é que o médico deve tratar um doente que o procure por causa da sua orientação sexual!Há médicos que dizem que se pode “reorientar” outros dizem que não.Mas não é isso que está em discussão.O que está em discussão é um direito!O direito de uma pessoa estar mal com a sua orientação sexual! E é isto que não querem ouvir, é que há pessoas que não querem ser homossexuais!

  21. Adalberto Mar says:

    Oh e eu não queria ser uma couve!


  22. Eu, qualquer dia, é que sou doente por ser heterossexual! Eu é que vou ser o “estranho”! E já agora como é que se trata um homossexual? Será que existe tratamento passivo e tratamento activo? Será com algum comprimido? Que palhaçada…Amigos, não existem homossexuais! Existem pessoas… todas diferentes, todas iguais, já ninguém se lembra? E convém não esquecer que quem “está a favor” também está discriminar. Somos pessoas ou quê?

  23. Adalberto Mar says:

    ———————————————————————————-zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz…………………………………………………….!!

  24. João Paulo says:

    Meu caro Luís,é claro que eu se me sentir deprimido por causa do Benfica e das suas derrotas tenho o direito a ser tratado. E?

  25. Luis Moreira says:

    E nada.Há médicos que estão a tratar homossexuais que procuram tratamento por serem homossexuais, e há gente que lhes querem negar esse tratamento, esse direito de serem tratados.Porque o racíocinio é que se houver um homossexual que vá ao médico por ser homossexual pode haver a tentação de dizerem que a homossexualidade é uma doença.

  26. Luis Moreira says:

    o Isac ,coloca uma questão pertinente.Há médicos do foro psiquiátrico ,psicológos…que dizem que é possível, pelos menos em certos casos (daí haver doentes.O que resulta num caso pode não resultar noutro) “reorientar” a sexualidade de uma pessoa. E tentam fazê-lo.Outros há que dizem que não.Eu o que defendo é essas pessoas têm direito a “reorientar” a sua sexualidade se não forem felizes com a homossexualidade!

  27. Luis Moreira says:

    E ele é ou não a favor de quem ,sendo homossexual, se quiser poder tratar-se?

  28. Adalberto Mar says:

    INFORMAÇÃO DA «OMS DE V.N.GAIA»: UTILIZANDO UM LINK DE UM AMIGO QUE ME ENVIOU ISTO PARA COMENTAR O VOSSO ARTIGO SOBRE A TURQUIA, EU REUTILIZO-O DESTA MANEIRA CRUA, MAS OBJECTIVA:TODA A GENTE QUE TENHA DÚVIDAS APÓS ABRIR ISTO E LHE META IMPRESSÃO NÃO É GAY NEM BI NEM TRI NEM NADA. É HOMEM QUE GOSTA DE MULHERES. TODOS OS OUTROS ABSTENHAM-SE DE IREM AO PSI POIS SÃO HOMO BI OU TRI (DE TRIXA!!) : POR ISSO, MEUS CAROS SENHORES AQUI VAI O TESTE AMERICANO..ENTRAM E VEJAM: SE VOMITAREM NÃO SÃO, SE COMEÇAREM A BOCEJAR COMO EU, ESTÃO JÁ FARTOS DE VER DE TUDO NA VIDA, SE FICAREM COM ÁGUA NA BOCA É PORQUE SÃO GAYS E NÃO HÁ VOLTA A DAR, NEM TRATAMENTO A FAZER..PREPARADOS?..AI VAI…..1….2….3…. http://WWW.HAIRYTURKS.COM ET VOILÁ..NÃO CUSTOU UM CENTIMO NEM FOI PRRECISO A CUNHA PARA A CONSULTA DO JULIO MACHADO VAZ..GOSTOU?..PASSE A COMPRAR..NÃO GOSTOU??!!….VIRE A CARA E SIGA A SUA VIDA..OBRIGADO AMÉRICO, POR ME TERES DEIXADO USAR ESTE LINK!DALBY O NOVO MÉDICO AO SERVIÇO DO AVENTAR.EU, DE AVENTAL EM PUNHO! AO LUÍS VOU ARRANJAR UM RENDEZ VOU COM A CLAUDIA EM QUE ELA LHE VAI SOLETRAR JACQUES BREL AO OUVIDO!

  29. Luis Moreira says:

    Sou muito atrasado,caro adalberto só gosto, muito de mulheres.Desde pequenino.Tambem nasci assim, não tenho culpa!Se quiser mudar posso aconselhar-me com um médico ou vou às associaçãos gays?

  30. Adalberto Mar says:

    LUISINHO DO AREEIRO: Nada tens de fazer. Até gosto da maneira como nos textos tratas as mulheres: com amabilidade, ELEGÂNCIA, DESEJO PURO e doçura, mas deves tratar de igual forma as pessoas que não gostam de mulheres, e das mulheres que não podem gostar de homens. Vai a Fátima a pé como compensação, (esta é a brincar pois eu sou crente e bem crente!)PARA REDENÇÃO PODEMOS TODOS MARCAR UM ENCONTRO E COPOS NO CAFÉ-LUSITANO BAR, NA RUA JOSÉ FALCÃO 137, PORTO. É O MELHOR E MAIS BONITO BAR, NÃO DO PORTO, MAS DE TODA A EUROPA. É DO MEU QUERIDÍSSIMO JOÃO MADUREIRA E DO DONO DA LEGENDÁRIA DISCOTECA INDÚSTRIA DA FOZ DO PORTO. O bar tem mulheres maravilhosas, tem montes de homens gays, de bears, de lesbian-chics e de gente da moda. Mas é um bar popular, onde todos têm entrada, novos e maduros. É UM BARÓMETRO DA CIDADE e do que ela respira à noite. Não te posso dizer que é o meu ambiente favorito, eu prefiro os ambientes underground de Madrid, Barcelona e Atenas, nem mesmo de NOva Iorque apreico..Sou mesmo esquisito em gostos de night life..mas vou ali porque sou amigo e quase família do João desde o tempo da Faculdade. Além de mais o João é meu amigo não há 15 dias mas há mais de 20 anos, como da família como já te disse e por isso vou lá, com um amigo francês que adora aquela salada de frutas!! E, se lhe falo, (janto com ele todos os fins de semana) e com o grupo dele, vocês entram todos e acredito que te apaixonas imediatamente pela Nilda, uma louraça viva e vivida à entrada…a porteira…ORA AQUI ESTÁ UMA PROVA PARA TE REDIMIRES ! E PROMETO-TE QUE SERÁS TAMBÉM CONVIDADO PARA A COISA GIGANTE QUE AI VEM NO FINAL DO MÊS: A «ZOOM DISCO-CLUB GLTS QUE VAI ABRIR AO LADO DO ATENEU COMERCIAL DO PORTO» também do João, COM MUITA LUZ, LOUCURA, SENSUALIDADE E MODELOS DE CORPO QUASE-QUASE NU TOTAL, (O QUE ESTÁ TAPADO SERÁ MOLHADO COM ÁGUA PARA SE VER, MAS A LEI OBRIGA A ALGO ESTAR TAPADO!) A ZOOM-club disco É UM CONCEITO NOVO QUE O JOÃO, ESTE ARTISTA, DECORADOR, PINTOR, BUSINESSMAN, VIAJANTE E EX DONO DO FOZKICE, DO BUSTOS DOS ANOS 80, E DA MARAVILHOSA CASA DE DECORAÇÕES ANTIQUÁRIO «VINHÁTICO» TEM DADO À NOSSA CIDADE..SERIA UM ENCONTRO EM GRANDE..PARA OS QUE ADORAM MULHERES BONITAS, PARA OS QUE ADORAM HOMENS MODERNOS E DESLUMBRANTES, PARA OS QUE GOSTAM DE ESPECTÁCULO, DE LUZ E DE DANÇAR…E PARA QUEM GOSTA QUE A VIDA E A LIBERDADE TRIUNFE!THINK ABOUT IT BABYDALBY

  31. miguel dias says:

    A de Alberto, também já fui frequentador habitual do lusitano (é porreiro mas não exageremos). agora não porque estou desempregado e o dinheiro não sobra sequer essas pequenas extravagâncias.mas se te comento o teu comentário é para realçar que o caps lock já está a funcionar melhor. mais um esforço e estamos lá. keep up the good work.

  32. Adalberto Mar says:

    Desempregado? Oh pá, então também foste atingido pela gripe mexicana e como comes?

  33. Adalberto Mar says:

    Eu não disse que o Lusitano era um bar do meu género favorito..mas caraças como decoração, os outros foram todos atrás..este bar abriu e a Baixa explodiu! Espera e vê o que vai acontecer na rua passos Manuel com o Zoom Club Disco, enorme gigante e entre as 0.00 e as 7h da manhã!! com dois andares..porque não vais lá pedir emprego??!!


  34. Caro Luís, longe de mim apelidar-te homofóbico. O convívios das últimas semanas, aqui no Aventar, permitiu-me formar uma certa análise da tua (perdoa-me a familiaridade) pessoa que não permite esse tipo de juízo de valor. Concordo que se alguém se sentir mal, seja com a tendência sexual, clube escolhido quando era pequenino, partido político, problemas pessoais ou profissionais, deve procurar ajuda profissional. É para isso que existem psicólogos e psiquiatras. Algo diferente é catalogar a homossexualidade como doença.Se é possível alguém “reorientar” a sua tendência sexual, deixando de ser homo para ser hetero, ou vice-versa, talvez (reforço: talvez), não seja uma coisa nem outra. Talvez, especulo, seja um bissexual.

  35. Luis Moreira says:

    Não cataloguei, perguntei! O título é bem visivel!A questão é que em lado nenhum eu ponho a homosexualidade em causa.Há uma discussão entre médicos e eu concordo com os que acham que podem ajudar os homossexuais que os procuram.Bem vistas as coisas o meu texto nem é sobre a homossexualidade!

  36. Snail says:

    Que discussão do caraças…Luís!!!Como dizia um amigo meu, deixa-os ser gays. Quanto mais se assumirem, mais depressa a espécie se acaba. Porque, eles ainda não pensaram nisso, por mais voltas (na cama) que dêem, não se conseguem reproduzir.E voilá, com isso temos a solução do problema…ah! ah! ah!

  37. Luis Moreira says:

    Eu deixo mas nós não podemos aceitar que eles queiram impedir as pessoas de receberem ajuda médica.Do alto das suas certezas absolutas os nossos gays agora decretam que não há pessoas que sendo gays, querem deixar de o ser.Por se sentirem mal em o ser!

  38. Adalberto Mar says:

    Eu acho que se deve meter os gays todos na cãmara de gás e pronto ficam só os activos atrás (no tutu) e passivos à frente(pirilau), ou seja as bixas-machas..mas já percebemos todos que somos todos modernos…O problema é que eles não vão reproduzir-se mas cada vez assumir-se mais..E adoptar filhos e aparecer em publico grandes e formosos, grandiosos e aí vão parecer que se reproduziram como os coelhos da Auatrália!!LONGE do que se pensa, os 10% da população não é gay!!!..É mais, meus queridos amigos.Muitos mais!! SÃO 10% oS que aderem ao folclore de rua, mas já contaram com os casados que atacam nas áreas de serviço, os camionistas, os artistas, os empresários, os mineiros,os maridos que trocam carícias enquanto as esposas estão na praia a fazer renda, os trolhas que comem os novatos que chegam às obras, os padres nos seminários, os reis e rainhas, os políticos, os machos da cortiça, os businessmen, eu sei lá milhões escondidos (e isso é uma opção democrática, ninguém tem de assumir o que não quer). NÃO OUSEM DIZER QUE SÃO MENOS DE 50% DA HUMANIDADE A GOSTAR DE PILA CONTRA PILA E RATA CONTRA RATA. Só não o é em exclusividade porque não é confortável socialmente ..ainda!. Eles criaram o HIV 1 e 2 porque no final dos anos 70′ já ninguém controlava o sexo wild sex por todo o lado, na tropa em todo o lado..mas não é disto que quero falar..quero que o Luisinho ouça este recado:«SÓ MESMO ESTE LUÍS PARA ME ESTREGAR A MANHÃ: este homem só podia ser do Areeiro! De Lisboa! Ainda por cima vive perto do bairro dos actores na Alameda, local da minha 1ª paixão e namoro, (sim vivi em Lisboa 2 anos!!!), numa relação tumultuosa! Era pior que Fellini, estalos e pratos pelo ar (sempre gostei de gente mais madura!!). Este homem, por muito que tente, e sem querer, dá cabo das minhas manhãs! EU A IDOLATRAR O CASTILHO, O SANTANA CASTILHO, e ele vai e diz que o tipo é nulo porque o conhece..E claro que vou ter de acreditar no Luisinho porque eu não conheço o Castilho! DO PENTEADO JÁ CONCORDO, AQUILO É INTRAGÁVEL, PARECE LA FARAONA OU A ISABEL PANTOJA NO PALÁCIO CRISTAL a actuar nos anos 20 em Sevilla La Hermosa, mas oh Luisinho..tu continuas assim a destruir-me os mitos e nunca mas nunca hás-de saborear um beijinho que seja das belas Marisa, Dulce, Teresa, Cláudia, Paula, Belina…EU SE LHES PEDIR UM BEIJO PARA TI, ELAS ACEDEM AO MEU PEDIDO MAS ASSIM NÃO!MALDITO, que me estraga os sonhos todos..é de uma capacidade destrutiva dos meus sonhos que só se compara com o nuclear!!p.s. Adalberto, já semi-destruído, sem vontade até para spas!!E EU QUE IA MANDAR UM EMAIL AO SANTANA CASTILHO!Perdi toda a «tusa» já para o fazer!

  39. João Paulo says:

  40. Nós no PNP temos alguns militantes que professam a Religião Evangélica e contam-nos que muitos homossexuais encontram liberttação nos cultos que por lá frequentam. (o nome de culto é um sinónimo de missa pratcada na igreja Católica)Não é cura, mas sim libertação, pois o homossexualéstá preso a algo que efectivamente precisa de ser libertado e depois continuar uma vida normal para constituir família e ter filhos…….PNPOrgulho de ser Portugues.

  41. Chico da Tasca says:

    Se os maricões querem casar, deixá-los. eh eh

  42. antónio patronilho says:

    vbnvbbmj,kll

  43. antónio patronilho says:

    oa tarde luis,

  44. antónio patronilho says:

    ola tarde luis, dou-lhe os parabens pelo modo como se dirige às questoes da homossexualidade. A maneira elegante e reflctida como descreve o assunto é para mim de primordial importancia. Nao revejo na sua escrita qq tipo de homofobia, (mto pelo contrário)! obviamente k existem pessoas que não lidem bem com a sua sexualidade, do mesmo modo k existem outras que não aceitam a familia etc. Ora, se estes individuos sentem necessidade de apoio psicoterapeutico, têm todo o direito. o problema de uma situação concreta, seja ela qual for, é qdo o homem não consegue viver livre e saudavelmemte com ela.Tb eu, nem sempre me aceito como sou, mas isso é mesmo assim. Nunca necessitei de recorrer a apoio psicoterapeutico. Contudo se um dia sentir essa necessidade nao exitarei em fazê-lo.Lamento alguns algumas acusaçoes que os leitores lhe têm vindo a fazer. esses sim, não dão qq tipo de dignidade à homossexualidade. Ser homossexualidade é tão simplesmente ser-se aquilo que se é. O ideal é saber relacionar-se como isso!Sou licenciado em Filosofia, o meu pai é carpinteiro, e isso para mim não é nenhum problema. No entanto, entendo que para outros poderá ser. E pq não recorrer a uma ajuda?Obrigado pela

  45. antónio patronilho says:

    ola tarde luis, dou-lhe os parabens pelo modo como se dirige às questoes da homossexualidade. A maneira elegante e reflctida como descreve o assunto é para mim de primordial importancia. Nao revejo na sua escrita qq tipo de homofobia, (mto pelo contrário)! obviamente k existem pessoas que não lidem bem com a sua sexualidade, do mesmo modo k existem outras que não aceitam a familia etc. Ora, se estes individuos sentem necessidade de apoio psicoterapeutico, têm todo o direito. o problema de uma situação concreta, seja ela qual for, é qdo o homem não consegue viver livre e saudavelmemte com ela.Tb eu, nem sempre me aceito como sou, mas isso é mesmo assim. Nunca necessitei de recorrer a apoio psicoterapeutico. Contudo se um dia sentir essa necessidade nao exitarei em fazê-lo.Lamento alguns algumas acusaçoes que os leitores lhe têm vindo a fazer. esses sim, não dão qq tipo de dignidade à homossexualidade. Ser homossexualidade é tão simplesmente ser-se aquilo que se é. O ideal é saber relacionar-se como isso!Sou licenciado em Filosofia, o meu pai é carpinteiro, e isso para mim não é nenhum problema. No entanto, entendo que para outros poderá ser. E pq não recorrer a uma ajuda?Obrigado pelo k escreve. Foi um prazer muito grandeAntónio Patronilho

  46. antonio says:

    antónio patronilho :vbnvbbmj,kll


  47. cambada de atrasados mentais..

Deixar uma resposta