A Manifestação de Professores e as eleições de Domingo

Car@ leitor, começo por informar que no próximo Domingo vou votar no Bloco de Esquerda.
Serve a declaração inicial para clarificar o que a seguir escrevo: obviamente, o texto é sempre de quem o lê e não de quem o escreve (Lobo Antunes sugere mesmo que os prémios literários devem ser para os leitores e não para os escritores, afinal de contas, cada leitor “escreve” o seu próprio livro).
Isto é, o que a seguir escrevo pode e deve ser entendido como quiser, por mim, é apenas uma reflexão sobre o papel da classe docente nas eleições do próximo Domingo.

Desde 2006, os Professores Portugueses têm vindo a travar uma autêntica “guerra” com o Ministério da Educação e o Governo, nomeadamente nas pessoas da Srª Ministra da Educação e do Sr. Primeiro-Ministro. Ela independente nos comícios do PS, ele dependente e sempre ausente do país real, mas presente nos comícios do PS, mas como secretário-geral em mangas de camisa e a suar muito.

As imagens mais fortes são as das manifestações – 8 de Março de 2008… 8 de Novembro de 2008 e agora 30 de Maio de 2009.

Vamos correr com ESTA educação!

A pergunta que todos fazem é: e agora? O que vai acontecer?

Creio que para começar é necessário perceber o que pode acontecer no próximo Domingo, nas eleições europeias.

Todas as sondagens dão a vitória ao PS, sendo que algumas das mais recentes dão um empate técnico entre o PS e o PSD ( a diferença entre eles está dentro da margem de erro). Depois temos o BE e o PCP na luta pelo 3º lugar e o CDS mais lá para trás.

Os resultados nas eleições já realizadas mostram alguns dados que merecem reflexão:

Europeias - resultados das eleições anteriores

O PS ganhou onde houve mais abstenção; O PSD nunca fica abaixo dos 30%; BE e PCP juntos valeram entre 11 e 13 pontos; A última vez que o CDS foi sozinho ficou abaixo dos 10 pontos. A abstenção anda na casa dos 60%.

Ou seja, as sondagens mostram que o BE e o PCP estão na casa dos 20 pontos. Se o PSD está seguro acima dos 30 pontos, jamais o PS terá a maioria absoluta. A questão está apenas em saber se o PS vai ou não ficar à frente do PSD.

E aqui é que a manifestação de Sábado poderá ter sido importante – a única classe que se atravessou à frente do PS foram os Professores.
E por muito que eles tenham tentado passar a ideia que está tudo calmo e tranquilo, uma Manifestação com 55 mil (números da polícia que não podia dar números quando fomos 120 mil!!!!!) é uma ENORME manifestação. Mostrou que na Educação, o Governo falhou e isso, simbolicamente, é doloroso para Sócrates.

Entre os Professores a Derrota estrondosa do PS é uma certeza, mas será que ao ver a Manifestação, o eleitorado vai mudar o voto?
Talvez – diria que vale tudo: PSD, CDS, BE, PCP, POUS, PH, MMS, PCTP, PM, e todos os outros que agora não me recordo. Votar em tudo, usando o voto como um voto de protesto.
Não interessa o que pensam, nem o que querem para a educação: estas eleições têm que servir para derrotar o Sócrates (distingo aqui Sócrates de PS) porque tem que ficar claro para esse tipo de gente, que os Portugueses não podem ser tratados desta maneira.
Uma pergunta para abrir o post seguinte: será que vale a pena votar no PSD para o PSD ficar à frente do PS?

Comments


  1. É a velha questão do voto útil ou, muitas vezes, do voto pela negativa. Não se vota para manifestar apoio a este projecto político mas sim para evitar que o outro vença. É uma questão cuja resposta fica no íntimo de cada eleitor.

  2. Carlos Fonseca says:

    Desde que se vote com a consciência e a liberdade de escolher, a opção do voto a cada um pertence.


  3. Exactamente, Zé. Se eles são políticos, nós também podemos sê-lo no momento do voto. Há muita gente que é de Esquerda (Esquerda mesmo), detesta Sócrates e o actual PS e, neste momento, é capaz de votar PSD para dar a vitória ao PSD e tirá-la ao PS. É normal.

  4. dalby says:

    eu voto BE por todos os motivos e mais um..É COOL!


  5. […] Será que vale a pena votar no PSD para o PSD ficar à frente do PS? Assim terminava o post anterior. […]

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.