Manuel Pinho demitiu-se…


…e José Sócrates aceitou.

Comments

  1. isac says:

    Vá lá. Ao menos demitiu-se. Que é como quem diz, despediu-se! Assim o governo pode invocar justa causa no “despedimento” e ainda receber uma indemnização… e ainda dizem que este governo só desgoverna! Se fosse outro governo, este Pinho saía e já estaria prometido à Caixa Geral de Depósitos… ou Galp… ou EDP…

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.