Não deixam casar a Helena com a Tereza

Parece que a Constituição diz que toda a gente é igual perante a Lei. Mas o Código Civil diz que o casamento só pode ser entre um homem e uma mulher.

Temos, assim, a Helena e a Tereza sem poderem casar embora já vivam juntas, e já usufruam de todos os direitos de quem está junto e casado.

Enquanto o PS e o BE não se decidirem a perder votos, aprovando uma lei que ultrapasse a coisa, e é por esse medo que ainda não avançaram, apesar dos ameaços, eu se fosse à Helena e à Tereza continuaria a viver junto .

Porque tudo o que é importante já elas têm, são jovens e giras, amam-se, têm a protecção patrimonial necessária e os direitos de quem já está casado. Esperarem pelo PS não é boa ideia, recorrerem à UE tambem não, custa muita massa (embora aqui os activistas ajudem) e vão andar a vida inteira envinagradas.

Os votos de vencidos de dois dos conselheiros do Tribunal Constituicional é uma porta aberta muito importante e tudo indica que será uma questão de tempo, mas com o PS no estado desgraçado em que está eu se fosse a elas comtinuaria a viver junto e a ser feliz.

Não é isso que importa?

Comments


  1. É, claro que é. O papel é apenas um papel. Em rigor vale pouco. Mas, se é assim, porque não permitir que as senhoras tenham direito a esse papel?

  2. maria monteiro says:

    pois espero que os activistas ajudem….