Ainda a propósito de máquinas de costura

Faleceu Steve Jobs. Aqui neste blogue, como é sabido, respeitamos igualmente todas as religiões e, como tal, queremos apresentar as nossas sinceras condolências aos membros da seita fundada por Jobs, conhecida por despertar reações religiosas no cérebro dos seus membros – quem o afirma são os neurocientistas.

Filipe Moura no Esquerda Republicana

É certo que o título Steve Jobs, o maior mentiroso de sempre é manifestamente exagerado e provocatório, a bem dizer as mentiras sobre as supostas grandes criações do ora defunto são também responsabilidade da comunicação social que os vende em anúncios gratuitos, mas tinha-me esquecido da religiosidade dos adoradores da maçã McIntoch. Tem sido uma romaria naquela caixa de comentários. Já agora aproveito para explicar que os computadores que uso têm todos dual-boot para as partições do Windows e do Ubuntu, a primeira porque sou obrigado profissionalmente a isso, a segunda porque gosto e acho que os sistemas operativos devem ser abertos, embora não necessariamente gratuitos. E obrigado Dario Silva pelo boneco.

Comments


  1. Advertência: enquanto utilizador/comprador regular de computadores mac há quase uma década, nunca tive a sorte de os ver morrer em tons de azul ou ter que andar à procura de ficheiros de sistema, ou ter que dar caça a virus. E este mac onde escrevo já não me lembro de o “Restart”… é a vida.