Começa a Marcha

Começa hoje a grande aventura da Marcha Mundial pela Paz e a Não-Violência. Durante os próximos três meses, estima-se que um milhão de pessoas em todo o mundo se associe a esta marcha, juntando a sua voz a um pedido conjunto pelo fim das guerras, o desmantelamento das armas nucleares e o fim de todas as formas de violência. E para assinalar uma data tão especial, logo à tarde, o Porto vai receber um mini-marcha pela paz e a não-violência (partida às 18h00 do cruzamento das ruas de Sá da Bandeira e Fernandes Tomás). A partir das 21h00 realiza-se o debate “Da guerra justa à renúncia da guerra”, com a presença do director do Centro Cultural Islâmico do Porto, Abdul Rehman Mangá, e do teólogo cristão José Rui Teixeira. O local será a associação A Cadeira de Van Gogh (R. Morgado Mateus, 41). Em Lisboa, a festa faz-se na Livraria Ler Devagar, com a presença do dr. Fernando Nobre (AMI) e música do Quinteto Atlântico da Gulbenkian, entre outros, a partir das 21h00.

Comments

  1. maria monteiro says:

    desta vez a festa é feita sem a minha presença mas como a Ler Devagar está na LXfactory, que é um espaço de muitas gentes, a casa deve estar cheia

  2. carla romualdo says:

    haverá outras oportunidades, sem dúvida. um abraço

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.