Mau sinal – Simplex de encomenda

Há rapazes empreendedores que deitam mão à obra e não se perdem em discussões inúteis. Temos aí um exemplo que vale por todos, tal é a transparência dos propósitos e a clareza dos objectivos.

É preciso dizer coisas que de tal forma escandalosas não atinam com o registo do blogue onde escrevem? Nada de preocupações. Cria-se um com o registo adequado.

E não são de modas, o PS nunca esteve no poder, nunca teve maioria absoluta, não tem nada a ver com os problemas do país, rigorosamente nada! Tem a ver, sim, com as profundas reformas levadas a efeito, nas Educação, na Saúde, na Justiça, nas Finanças Públicas e quem não percebe isto tem que ser ajudado, porque não recebeu a luz do Senhor.

Só por razões de burocracia é que se vai a eleições, porque o Simplex resolvia isto de uma penada. A Sócrates o que é de Sócrates. Não há alternativas, nem cenários diferentes, é tudo para perder tempo.

Deixem o Homem salvar-nos, tirar-nos do inferno em que nos meteram, esses ignaros que estiveram dois anos e meio no governo e conseguiram estragar o que o PS construiu em onze anos. Desde 1995 que lutamos para colocar o país nos eixos mas não somos capazes, perdão, somos capazes mas precisamos de mais tempo, porque isto está muito dificil e até nos atiraram com questões pessoais do nosso Primeiro que não tem nada a ver com a “coisa pública”, tudo obstáculos, que ultrapassamos com uma perna às costas.

Por isso, quem não quer ver não veja, mas é obrigação do Simplex, simplificar, e deixamos tudo simplificado desde o ínicio. Estamos aqui por amor à Pátria, nada nos liga ao largo do Rato ou e a Sócrates! Nada!

Simplexamente, estamos no Simplex porque sim! E não coramos de vergonha porque já somos rosa…pálido!

E tambem ninguem nos pode culpar de nos ter calhado este país e este povo. Tambem é culpa nossa?