O Facebook, a censura e a Origem do Mundo

Um utilizador francês que viu a sua conta eliminada por ter publicado a obra de Gustave Courbet A Origem do Mundo vai processar o Facebook. A coisa sucedeu antes do seu aniversário, o homem não recebeu os parabéns dos seus amigos e sente-se tratado como um pornógrafo.

Poucos anos atrás agentes da PSP dirigiram-se a um livraria em Viseu que tinha na montra um livro com a mesma imagem na capa, e convidaram o livreiro a não chocar a população.*

A mim o que me choca na moralice desta gente nem é a sua ignorância. É mesmo a manifesta aversão a tudo o que seja sexo.

* lembra-me um leitor, e bem, em Braga sucedeu o mesmo, com direito a apreensão dos livros e tudo.

Comments


  1. A verdade é que em Portugal, em 2009 na cidade de Braga, a PSP também apreendeu livros pela mesma razão…

    A notícia da altura aqui: http://goo.gl/fJDGh

  2. Konigvs says:

    Aversão ao sexo? Eu manifesto a minha ignorância acerca do facebook – mas então mas essa rede social não foi criada com o intuito de engatar gaijas?


    • Gaijas vestidas, suponho. Também temos essa abordagem possível à problemática: quanto mais de engate são, mais as redes sociais censuram pudicamente imagens. O Facebook nem é a pior note-se.

  3. Luís Saraiva da Silva says:

    Acho bem a censura. Aquilo lá é “pantilheira” que se apresente?!


  4. Não compreendo e não aceito que tenha sido censura. Quem conhece o meu facebook e nomeadamente o mural do mesmo podia supor que há muito tempo eu poderia ter sido “censurado”. Mas nunca tal aconteceu.

  5. Ricardo Santos Pinto says:

    Ó Nuno, uma coisa que nunca percebi: se és de Cinfães, por que te chamas Resende?
    (e não esquecer «A Origem do Mundo» segundo a cadela Sininho – que Deus a tenha. http://5dias.net/2009/02/26/a-origem-do-mundo-canino/)

  6. José Galhoz says:

    Não sei quem decide as censuras no Facebook, mas já suspeitava que os nossos beatos tabus sobre tudo o que sugira sexo também existiam além-fronteiras…

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.