Jónsi e Alex:

No passado dia 17 de Julho foi publicado um dos mais impressionantes trabalhos do ano e fortíssimo candidato a álbum do ano: Jónsi e Alex (Riceboy sleeps). Mais um projecto soberbo nascido na Islândia e sob a batuta dos Sigur Rós e das suas Amiina. Caros amigos, estamos perante a mais pura definição da excelência e mais uma pérola da música alternativa ainda pouco conhecida em Portugal.

Comments


  1. “This album is one of the most sublime gestures of musical genius that I have heard in years. It affects all the senses in the most delicate and delicious of ways. It’s joy, air, elation and sweetness realized in music. An absolute delight”.Encontrei este comentário no You Tube e não posso estar mais de acordo com o seu autor.

  2. dalby says:

    Ai meu DEUS, tirem-me deste filme, o rapaz só gosta mesmo de coisas que estão proibidas por danos irreversíveis à saúde..Mas eu não acredito que ele ache isto «inovador»??!! je rêve..mais je rêve!!!??!!……Mas os dinamarqueses The Bliss fazem isto há séculos!!! o Kissing dos Bliss que eu apresento num dos primeiros posts mostra um que engole este em 2 segundos!!!..ELE QUER-ME DESTRUIR! POUPEM-ME, TIREM-ME DESTE FILME PLLLLEEEEASSSEEEE!!!Oh Carla, Maria, tragam o aspirador!!!! Não acham que ele anda tão instrospectivo, místico e religioso..?? Não seria já tempo de lhe oferecermos uma viagem e fim de semana em Fátima, ou para os Alpes da Nova Zelãndia ou para Ayers Rock na Austália Central onde poderá tocar no pipe como e com os aborígenes?? POR FAVOR R’EXTREME Do something!!!ACTUE E ARRANJE AS VIAGENS AO NOSSO EXTREME COLABORADOR!Eu odeio a temática depressiva da Bjork e dos islandeses..dasssss!!!!I READ THIS IN DALBY’S TORRÃO DE LAMEIRO NEWSPAPER:THIS IS THE MOST BORING AND TEDIOUS MASTER WORKS THAT AN ICELANDIC HAS EVER NEVER MADE.NEW YORK MAGAZINE HAS TOLD THAT THEY WERE IN PRISION COS THEY WERE HURTING THE EARS OF MANY MANY PEOPLE.!I AGREE WITH THEM COMPLETLY!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.