O retrato da pobreza após 11 anos de governos PS

“Estou satisfeito comigo mesmo” diz Sócrates. Parabéns!

1- Seis milhões de portugueses ( mais de metade da população) vivem abaixo do que a Europa considera o limiar da pobreza.

2 – Um terço não tem dinheiro para aquecer a casa no inverno

3 – A esmagadora maioria ganha muito menos do que o “ordenado de pobreza ” espanhol

4 – O cenário vai agravar-se ao longo dos próximos 8 anos.

5 -Mais de um milhão de pessoas não tem dinheiro para comprar os remédios que os médicos receitam

6- Há nove milhões e vinte mil portugueses que ganham menos que os antigos 300 contos. E meio milhão de desempregados.

7- Comparados com os países europeus que usam o Euro como moeda os portugueses estão abaixo de todos os seus vizinhos.

8- A taxa de esforço que é exigido ao cidadão comum para pagar os bens essenciais é a maior para os portugueses. Por exemplo um litro de leite em Portugal custa o mesmo que em Espanha, mas os espanhóis ganham muito mais.

9- O estudo do ISCTE que estou a seguir revela que 59% dos portugueses recebem menos de 900 Euros /mês.

10- Na habitação o esforço financeiro exigido aos portugueses é o dobro do exigido aos espanhóis.

E o pior é que tudo isto se vai agravar no futuro com as políticas que metem o dinheiro nos bancos e nos grandes grupos económicos, que não apoiam as PMEs, que enterram dinheiro em obras públicas desnecessárias , nos contratos tipo “contentores de Alcântara”, nos concursos públicos substituídos por ajustes directos aos amigos, no Estado cada vez maior e mais gastador.


Comments

  1. maria monteiro says:

    Durante todos esses anos fomo-nos deixando empobrecer… com protestos feitos só por alguns

  2. Luis Moreira says:

    O grande problema é que o país com o PS não cresce e não crescendo não gera oportunidades, nem riqueza nem justiça.

  3. maria monteiro says:

    Mas são sempre as mesmas “dezenas… de milhares” que vão à rua… tem que haver convergência de ideais, de lutas,… sozinhos somos poucos mas unidos construiremos o futuro

  4. dalby says:

    Luisinho dos Apeninos, pergunto-te uma coisa: E será o PSD que vai alterar isto….será o PSD do fugitivo Durão B.(bê!) ( que gosta de troca de pernas debaixo das mesas, cala-te boca) que vai mudar a coisa? Não achas que isto vai mais longe e teremos de ter a nossa própria «guerrinha civil» até que a coisa estoure mesmo e renasça algo já não para o nosso tempo? Acreditas mais em milagres?Eu só no de Fátima, até ver! Não vai ser com o PS mas também não vai ser com o teu partido PSD que a coisa lá vai.Eu direi que passará pelo BE, mas não em exclusivo , na mudança de mentalidades, mais do que de governo..Isto está como Angola pós-guerra…terreno minado..e se tu entras ficas preso ou explodes..SABES BEM DISSO!

  5. Luis Moreira says:

    Em democracia tem que haver alternativas, escrutínio. Não é obrigatório sermos um país pobre.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.