Frozen

Olaf2

Só pode ser brincadeira. Então o OLAF, intervindo no âmbito de um pedido de apoio que lhe foi dirigido pelas autoridades portuguesas, declara taxativamente que houve fraude na gestão dos fundos europeus atribuídos, entre 2000 e 2013, aos projectos da Tecnoforma e o MP português arquiva, em Setembro de 2016, por falta de provas, o processo? Sem sequer fazer referência, no respectivo despacho, à investigação que correu naquele organismo da Comissão Europeia especializado no combate à fraude?

Primárias

O Pivot

miguel_relvas-_assuntos_parlamentares14823fe2_400x225

Passos Coelho vende BPN ao BIC por 40 M€. Estado aumenta o capital do Efisa, banco de investimento do universo SLN/BPN, em 90M€. Efisa é vendido por 38,5 M€ à Pivot SGPS, uma sociedade de capitais portugueses e angolanos da qual faz parte o ex-ministro do PSD Miguel Relvas.

Humor académico

Licenciados

por Henrique Monteiro. Simples e certeiro.

Afinal o Relvas merece a licenciatura

licenciatura-de-relvas
Andou um país enganado a mandar estudar o Relvas. Que não podia ser, era muita equivalência, muita rapidez.

Grande injustiça. O homem tinha obtido uma licenciatura da Lusófona. Ora na Lusófona estudam analfabetos ao nível de escreverem SENSIONALISTA ou “bom educação”, é lerem este naco de jumentice e comentários, ou a vergonha comentadeira que brota dos indignados defensores da praxe lusofónica.

Um mestrado, da Lusófona, para o Relvas, é por comparação a mínima reparação possível. Faça-se justiça. Como escreveu por aí um douto universitário:  focam demasiado no erro das pessoas, em vez de tentar perceber a lógica. É isso.

Portugal envia submarinos, Relvas, Sócrates e Bernardino Soares para a Coreia do Norte

A notícia foi dada com grande destaque na televisão norte-coreana.

Troviscal oferece emprego a Relvas

OBR-troviscal

A Junta de Freguesia do Troviscal fez notícia: ofereceu ao desempregado Relvas um lugar nos seus quadros de pessoal. Precário, mas emprego.

O Troviscal é terra de tradições republicanas numa zona que nem por isso. Tem  a sua Banda Filarmónica, herdeira de outra que chegou a ser excomungada pelo Bispo de Coimbra, num episódio que ali me foi contado, perdi os detalhes porque é gente de bem receber, mas passa pelas festas da Rainha Santa em Coimbra e tem um final delicioso: mandam avançar a autoridade para os fazer calar e prender o maestro, e este responde com a arma que tem à mão: tocam o Hino Nacional e lá tiveram as forças da ordem de se colocarem em sentido.

Voltando ao Relvas: devem estar a pensar que aquilo é gente de esquerda. A Assembleia de Freguesia tem 5 eleitos pelo CDS e 4 pelo PSD, como é natural num concelho onde o PS é um partido de extrema-esquerda (sei do que falo, ali vivi).

É nestas alturas que se confirma: temos um governo que não governa, tenta um golpe de estado, e no fundo já nem existe.