Vistos Gold: a elite que flutua acima dos comuns mortais que vão presos por roubar mercearias em supermercados

AFIM.png

Fotografia: Mário Cruz/Lusa

Durante as alegações finais do julgamento de António Figueiredo, antigo presidente do Instituto dos Registos e Notariado, preso desde 2014 no âmbito do caso Vistos Gold e acusado dos crimes de corrupção passiva, peculato, branqueamento de capitais e tráfico de influência, o conhecido advogado Rogério Alves, citado pelo jornal Público, alegou que Figueiredo não devia sequer ser condenado por tráfico de influência na medida em que era “incapaz de dizer que não” aos pedidos que recebia, viessem eles de onde viessem. [Read more…]

“Abusos e corrupção” dos programas de vistos Gold

de que Portugal é um exemplo.

E isto interessa a alguém?? Interessa, é que entrem milhões.

Marco António Costa é muito fraquinho

Que coça impressionante o homem levou. Espanta que tenha o destaque que tem no partido. Pela oratória e argumentação não será, certamente.

O discurso xenófobo de Passos Coelho e os vistos gold

Foto@Público

Quando o deputado Passos disse à sua claque que não queria qualquer um a viver no nosso país, será que se referia aos oligarcas do Partido Comunista Chinês, entre outras figuras de igual envergadura ética e moral, a quem atribuiu vistos gold a torto e a direito?

Já agora, não havia um ex-ministro do governo do mesmo Passos, a ser julgado por vários crimes, relacionados com esses mesmos vistos gold, sobre o qual a imprensa controlada pela Geringonça soviética não pára de falar? Ah, espera lá, afinal não fala. Nunca. Apesar do julgamento decorrer há vários meses. Estes soviéticos modernos, o Estaline que descubra e vai tudo parar ao gulag…

É um tímido, como se constata semanalmente na SIC 

Marques Mendes requereu ao tribunal não ser ouvido presencialmente no caso Vistos Gold. 

Que é feito de Miguel Macedo?

mmmp

Estava eu a ler esta notícia do Expresso, sobre o ex-ministro francês Jérôme Cahuzac, outrora considerado um acérrimo defensor da luta contra a evasão fiscal, hoje condenado a três anos de prisão por fraude fiscal e branqueamento de capitais, e dou por mim a recordar esse ministro-modelo do anterior governo que dá pelo nome de Miguel Macedo? Que será feito dele?

O caso de Miguel Macedo, um dos tais que parece caído em esquecimento como a Tecnoforma de Passos Coelho, os swaps de Maria Luís ou os “homens de mão” de Marco António Costa, continua sem fazer grandes manchetes e sem a atenção mediática que qualquer flatulência socrática consegue.   [Read more…]

Prevaricação e tráfico de influências: Miguel Macedo vai mesmo a julgamento

MMPPC

Faz hoje uma semana, escrevi sobre alguns dos grandes temas caídos em esquecimento que a nossa imprensa, implacável com Sócrates e com a ocasional ameaça soviética que arrasta o nosso país para o apocalipse, não parecia interessada em dar destaque. Um desses temas, o caso dos Vistos Gold, que tem como protagonista o ex-ministro e homem forte de Pedro Passos Coelho, Miguel Macedo, conheceu hoje novos desenvolvimentos: Macedo vai mesmo ser julgado por prevaricação e tráfico de influências.

Segundo avançou o Público, os crimes em julgamento prendem-se com o caso dos helicópteros Kamov e com o favor que o ex-ministro terá feito ao ex-patrão de Sócrates, que, com a ajuda do então secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, o centrista Paulo Núncio, permitiu a Lalanda e Castro escapar ao pagamento de 1,8 milhões de euros de IVA. E ainda há o embaraçoso caso Everjets por explicar. Resta saber quanto tempo demorará a escapar e que ingredientes terá a sua pizza. E, já agora, o que têm a dizer os liberais-fascistas, sempre tão atentos a José Sócrates e tão silenciosamente cúmplices dos corruptos de direita.

Grandes temas caídos em esquecimento

ppcmac

Não, não vos vos falar dos Panama Papers. Esse, apesar de já pouco se falar sobre ele, ainda vai dando o ar da sua graça, entre misteriosos suspeitos e sacos azuis com políticos e jornalistas corruptos à mistura. Há suspense, intriga e tensão. Só não acontece nada mas também ninguém esperava que acontecesse. Ainda assim uma boa novela. [Read more…]

Precisará Marcelo de um visto gold?

Marques Mendes mantêm-se no Conselho de Estado. E que jeito que a imunidade lhe dá.

Marques Mendes apanhado a pedir favores em escutas relacionadas com o caso Vistos Gold

MM

Não é que estejamos perante uma grande novidade, o Diário de Notícias até chegou a censurar uma notícia sua que envolvia o pequeno grande barão do PSD e as ligações ao caso dos Vistos Gold, mais que muitas, eram já do conhecimento público.

Mas as recentes revelações do jornal Público levam esta história para um novo patamar, ao citar escutas em que Marques Mendes é apanhado a pedir favores ao antigo presidente do IRN e actual arguido do caso dos Vistos Gold, António Figueiredo. Pedidos com respostas tão sugestivas como “Podemos eventualmente ir pela via da discricionariedade”. [Read more…]

Aperta-se o cerco em torno de Miguel Macedo

MMacedo

Poucos dias após conseguir um contrato no valor de 46 milhões de euros com Ministério da Administração Interna, então tutelado por Miguel Macedo, a empresa Everjets foi comprada por Domingos Névoa, figura central do caso Bragaparques e de uma série de outros negócios nebulosos, perante os quais a justiça portuguesa se vem mostrando inconsequente.

No âmbito do caso Vistos Gold, o ex-ministro de Passos Coelho foi confrontado pela procuradora Susana Figueiredo sobre o seu relacionamento com o empresário bracarense, negando qualquer relação de proximidade. Contudo, na sequência de um interrogatório em 2006, Domingos Névoa, conterrâneo de Macedo, afirmou ser seu amigo pessoal, acrescentando que encontros e almoços eram prática frequente. [Read more…]

Vistos Gold: o favor de Miguel Macedo ao ex-patrão de Sócrates que não fez manchete

O Ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, observa ensaios com fogo durante a visita ao Laboratório de Estudos sobre Incêndios Florestais da Universidade de Coimbra, na Lousã , 6 de março de 2012. PAULO NOVAIS/LUSA

Formalizada a acusação contra o passista Miguel Macedo pela prática de três crimes de prevaricação e um de tráfico de influências, algo raro em Portugal, a imprensa continua a dar pouca atenção a este caso, preferindo dar destaque aos temas do momento: a crise política, a ameaça terrorista e o incontornável José Sócrates, que ao contrário de Macedo ainda aguarda acusação. [Read more…]

Vistos Gold: será Paulo Núncio o senhor que se segue?

Um contacto entre o ex-ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, e o secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio, foi o ponto de partida do Ministério Público para imputar a Miguel Macedo um crime de tráfico de influências.” [DN]

Prevaricação e tráfico de influências: Miguel Macedo formalmente acusado pelo MP

MMPPC

Convido o caro leitor a descer comigo até ao submundo da imbecilidade, onde a propaganda política é lei e o debate sério foi substituído pelo fundamentalismo político-partidário. Preparado? Então vamos lá: Miguel Macedo foi hoje formalmente acusado pelo Ministério Público pela prática de três crimes de prevaricação e um de tráfico de influências, o que o coloca acima de José Sócrates, contra quem nunca foi deduzida acusação, na cadeia alimentar do crime de colarinho branco. Quer isto dizer que Macedo é pior que Sócrates, o que me leva a concluir que, se Costa era colado a José Sócrates durante a campanha eleitoral, e estando o PàF ainda em campanha eleitoral, é igualmente legítimo colar Passos Coelho a Miguel Macedo, o que faz de Passos Coelho pior que António Costa no que a trafulhice diz respeito. Até porque não temos conhecimento de qualquer Tecnoforma associada ao líder do PS. [Read more…]

Miguel Macedo com visto para Évora?

Macedo

Miguel Macedo foi ontem interrogado pelo Ministério Público no âmbito do caso dos Vistos Gold. Oficialmente arguido, o ex-ministro do actual governo é suspeito de três crimes de prevaricação de titular de cargo público e um de tráfico de influências.

Fazendo uso da retórica subterrânea que alimenta as Marias Luz desta vida, poderíamos iniciar um processo de colagem de Miguel Macedo a Pedro Passos Coelho, na exacta mesma medida em que José Sócrates vem sendo colado a António Costa. Mas não vale a pena ir por aí. Passos Coelho já terá muito com que se preocupar quando a imunidade que o protege deixar de existir e a Tecnoforma voltar à ordem do dia. Até lá, o julgamento a que o primeiro-ministro estará sujeito prende-se mais com o exercício das suas funções e não tanto com o que os seus correlegionários supostamente fizeram. Ainda que, é certo, Macedo sempre tenha sido um dos homens mais próximos de Passos Coelho. [Read more…]

Miguel Macedo arguido no caso dos Vistos Gold

acusado de três crimes de prevaricação e um de tráfico de influências. Sócrates precisa de amigos.

Vistos Gold: Miguel Macedo vai a jogo

Parlamento vai levantar imunidade ao ex-ministro. Próximo preso político?

Um juiz “totalmente disponível para tudo”

GOLD

Foto: António Figueiredo@JN

Já passaram alguns dias e fico com a sensação que pouco se tocou neste assunto. E não é um assunto qualquer. Os jornais falaram nisso, é verdade, mas não parece ter levantado a mínima partícula de pó.

O preso preventivo António Figueiredo, até há pouco tempo presidente do Instituto de Registos e Notariado, terá telefonado ao juiz Luís Vaz das Neves, presidente do Tribunal da Relação de Lisboa, e ter-lhe-à dito que desconfiava estar sob investigação e escuta da PJ. Perspicaz, o juiz respondeu:

Desde já lhe digo e lhe quero manifestar que tudo, mas tudo que o soutor entenda que possa ser útil, porque eu conheço o soutor, estou totalmente disponível para tudo” (fonte: Expresso)

[Read more…]

A carga fiscal brutal NÃO é sexy

Concordo com o ministro brincalhão: Portugal é um destino turístico muito sexy. Confesso até ter muita dificuldade em viver por cá sem me encontrar em permanente frenesi. Um clima magnífico, uma gastronomia sem igual, praias, montanhas, rios, lagos e tanto verde que a estrangeirada chega cá e fica toda maluca. E tudo isto a um preço cada vez mais baixo para o turista-alvo que chega sobretudo dos países mais abastados do centro e norte da Europa.

De qualquer forma, é inegável que as notícias sobre o sector do Turismo têm sido bastante positivas e batido recordes atrás de recordes. Excelentes notícias para um país que precisa desesperadamente delas e não de indicadores manipulados como a camuflagem dos números do desemprego levada a cabo por este governo.

[Read more…]

Sempre na pandeireta

Portas Pandeireta

Temos que lhe tirar o chapéu. Qual Sócrates qual quê? Paulo Portas é que é o verdadeiro animal político. Malhava forte em quem lhe apetecia nos tempos do Independente, Cavaco que o diga. Enxovalhava a “maçada” que eram os partidos políticos “burgueses“, constituídos essencialmente por quadros “muito medíocres, que não têm mais nada que fazer da vida ou que acham que aquela é a forma principal de subir na vida. Escola na JSD, ascensão meteórica no CDS, deputado, líder parlamentar, eurodeputado, ministro da Defesa e posteriormente de Estado em acumulação com outras pastas – com uns insignificantes 8,72% nas Legislativas de 2002 – regressa ao governo para os Negócios Estrangeiros com Passos Coelho, que coloca em cheque 2 anos depois com um episódio épico da história contemporânea portuguesa, a “demissão irrevogável”, e acaba como vice-primeiro ministro. Há quem acredite que terá mesmo mais poder que o próprio primeiro-ministro. Confesso que sou um deles. E bastaram 14,30% nas últimas Legislativas. Portas dá-lhe muito forte na pandeireta.

Pelo caminho soube contornar tudo o que lhe apareceu pela frente, do caso Moderna aos fatídicos submarinos, e não há Carlos Alexandre ou Jacinto Leite Capelo Rego que se intrometa no seu caminho. Portas é o expoente máximo do trepador político que, sem as armas dos amigos grandes do bloco central, já mandou mais do que a esmagadora maioria das suas fileiras. No meio dos “muito medíocres, que não têm mais nada que fazer da vida ou que acham que aquela é a forma principal de subir na vida” Portas desfila de pandeireta como o flautista entre os ratos. Desta vez, a maioria fica com o papel de vilão e Portas, sempre a dar-lhe, até está disposto a dar umas explicações aos deputados. Mas só lá mais para a frente. Em breve. Até lá não o chateiem que ele não está para aturar a maçada dos Vistos Gold e tem muita pandeireta para tocar.

Não há pai para Marques Mendes

SH e Marques MendesMarques Mendes em jantar comício na Trofa (fotografia@Notícias da Trofa)

Na minha terra, a Trofa, a mitologia social-democrata local alude a Luís Marques Mendes como “o pai do concelho“. Motivo? Em 1998, quando a elevação a concelho acontece, Marques Mendes era o líder parlamentar do PSD e apoiou as aspirações dos trofenses. Claro que, como poderão imaginar, o interesse de Marques Mendes não residia propriamente nas aspirações independentistas dos trofenses mas antes no facto de Santo Tirso, a autarquia que governava a Trofa, ser território socialista. Juntou-se o útil ao agradável.

[Read more…]

DN apaga notícia online

Estava aqui, e ainda continua na cache do google. Nem tem nada de especial, é apenas mais uma ligação de Marques Mendes ao mundo da trafulhice, coisa que deixa os responsáveis da SIC muito mais descansados.

dn

A Abreu Advogados – escritório de Lisboa em que Marques Mendes é consultor desde 2012 – tratou de uma em cada três atribuições de visto gold a estrangeiros pedidas ao Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF). Na sua maioria referentes a cidadãos chineses.
No total, este escritório de advogados fundado por Miguel Teixeira de Abreu, terá ajudado na obtenção de um número substancial destas autorizações de residência, juntamente com a sociedade de advogados PLMJ, fundada por José Miguel Júdice e da Caiado Guerreiro & Associados. Segundo soube o DN, este levantamento estatístico foi feito, está referenciado na investigação da OperaçãoLabirinto e ajudou a que Ministério Público e o juiz de instrução criminal,Carlos Alexandre, percebessem melhor onde e como procurar os indícios relativos a alguns arguidos.

Marques Mendes não tem nada a ver com isto

Ele é um simples consultor.

Miguel Reis faz um desenho

ou os Vistos Gold explicados às crianças.

Nepotismo

Com a pandilha dos vistos gold vale tudo.

Funcionários Públicos

Uns são honestos, outros nem tanto

Vistos gold:

o preço de vender os direitos de cidadania. A negação da democracia em todo o seu abjecto esplendor.

Uma réstia de dignidade

Hoje em dia, é tão, mas tão difícil um ministro demitir-se que a atitude de Miguel Macedo é digna dos maiores elogios. Pelos vistos, existe ainda, para os lados do Governo, uma réstia de dignidade. Ou melhor, existia…
Enquanto isso, Nuno Crato continua a vegetar para os lados da 5 de Outubro, fingindo que não é nada com ele e fingindo que ainda é o líder da política educativa em Portugal. Politicamente morto e enterrado, conseguiu cometer a proeza de ser ainda pior do que a sua antecessora, a lamentável prevaricadora. Algo que se julgava inacessível ao comum dos mortais.

Macedo mostra o caminho…

saida

.. que Crato e Paula Teixeira da Cruz já deveriam ter tomado há muito.

Claro que há sempre a possibilidade do primeiro ter caído acidentalmente no olho do furacão, enquanto que os dois últimos poderão ter causado os seus como estratégia. Afinal de contas, o melhor caminho para entregar a privados partes do estado que não funcionem é, em primeiro lugar, fazê-las não funcionar.

Susana Figueiredo

A procuradora que investigou os vistos gold também conduziu a acusação a Maria de Lurdes Rodrigues. Aplausos, e haja esperança.