Uma vitória inconveniente

O PS foi o grande vencedor das eleições autárquicas. É uma verdade de La Palisse, mas para que uns ganhem, outros perdem e neste caso concreto existiram derrotados à esquerda e à direita. Ouvir António Costa, ladeado por Carlos César e Ana Catarina Mendes afirmar na noite de domingo que a principal conclusão a tirar era uma grande vitória do PS e derrota do PSD e que apresentar outras leituras era procurar desviar atenções, soou falso, hipócrita, mas nada que surpreenda vindo da cúpula do PS. [Read more…]

Reinserção na vida activa

PrintA vitória de Isaltino Morais demonstra que o processo de reinserção social dos ex-reclusos é mais uma prova do progresso do país. [Filinto Pereira Melo]

Jesus Cristo Mc Donald

cristo_fast_food_braga

É em Braga, claro. A Cidade Autenticamente única.
Dificilmente poderia ser noutro lado: a poucos dias das Inaugurações, continuam as Eleições com a presença de vários membros do poder secular local e, precisamente por se tratar de Braga, a benção da Santa Madre Igreja de Braga.
Sabemos que JC era apreciador de bom vinho, não ía lá com qualquer zurrapa. Mas não faço eu ideia se seria apreciador de um hamburguer regado com água benta.
Foto devida sacada do FB do vereador do Ambiente que não responde a emails, o Altino Bessa.

Imoralidade eleitoral com idosos – mudar a Lei

ricardo-rio-malafaia_2

Miguel Teixeira

Discordo como cidadão eleitor deste país, que em altura de eleições se procure aliciar votos dos eleitores (é da tentativa de aliciamento de votos patrocinada pelo erário público que estamos a falar), em centenas de autarquias deste país convidando milhares de idosos para almoçar na Quinta da Malafaia ou em qualquer outro espaço de convívio. Discordo igualmente que em alturas eleitorais se levem os idosos de Centros de Dia a S. Bento da Porta Aberta, a Fátima ou seja lá onde for, em ações patrocinadas por Câmaras Municipais ou Juntas de Freguesia que configuram uma concorrência eleitoral desleal, falseando com enorme “chico-espertice” os resultados eleitorais. [Read more…]

“Macaco Velho” e os Movimentos de Cidadãos

plenario_assembleia_republica

Miguel Teixeira

Macaco velho“, diz-me o meu sogro, também ele um ex-vereador do Turismo aqui do município de Luís Correia, é a expressão utilizada no Brasil para designar o indivíduo que tem uma enorme experiência política, que se profissionalizou na área, fazendo disso a sua vida, fundamental para o “ar que respira”, que conhece todos os artigos e artifícios da lei, formais ou informais, que podem inviabilizar as candidaturas do adversário e assim posicionar-se como “única solução possível”, nem que para isso a Democracia (conceito vago para ele), possa ser reduzida e atrofiada.
O “Macaco Velho” brasileiro, continua a explicar-me o meu sogro, “é um cara muito difícil de lidar, extraordinariamente chato, calculista, frio, que nunca se dá por vencido, mesmo que a candidatura adversária seja admitida a eleições e obtenha o apoio da maioria do eleitorado, [Read more…]

Política à moda de Vila Verde

Discurso de propaganda num cemitério? – faltava na minha lista!
Obrigado, oh Vilela…

Oh Firmino Marques, e vergonha na cara?

firmino_marques
É ano de eleições autárquicas e Firmino Marques, o vice-presidente da CM Braga, não resiste – aliás, insiste – em fazer-se fotografar junto de um grupo de “crianças e jovens sinalizados na Comissão de Crianças e Jovens em risco de Braga (CPCJ) e instituições de acolhimento do Concelho de Braga, nomeadamente das Oficinas de S. José, Instituto Monsenhor Airosa e Colégio de S. Caetano“.

Ora, Firmino Marques, a expressão “crianças sinalizadas” não o faz pensar que, se calhar, não pode valer tudo?
A estupidez não é nem crime nem pecado: arranje lá outra desculpa e retracte-se!